Remember, Remember, the 11th of September…

Remember, remember the fifth of November,
Gunpowder, treason, and plot,
I know of no reason why the gunpowder treason
Should ever be forgot.
Guy Fawkes, Guy Fawkes, ’twas his intent
To blow up the King and Parliament.
Three score barrels of powder below,
Poor old England to overthrow;
By God’s providence he was catch’d
With a dark lantern and burning match.
Holloa boys, holloa boys, make the bells ring.
Holloa boys, holloa boys, God save the King!
Hip hip hoorah!
A penny loaf to feed the Pope.
A farthing o’ cheese to choke him.
A pint of beer to rinse it down.
A faggot of sticks to burn him.
Burn him in a tub of tar.
Burn him like a blazing star.
Burn his body from his head.
Then we’ll say ol’ Pope is dead.
Hip hip hoorah!
Hip hip hoorah hoorah!

Em março de 1605, a terra abaixo da casa dos lordes foi preenchida com 36 barris de pólvora, contendo aproximadamente 1 tonelada de material explosivo. Como os conspiradores notaram que o ato poderia levar a morte de diversos inocentes e defensores da causa católica, enviaram avisos para que alguns deles mantivessem distância do parlamento no dia do ataque. Para infelicidade dos conspiradores um dos avisos chegou aos ouvidos do rei, o qual ordenou uma revista no prédio do parlamento. Assim acabaram encontrando Guy Fawkes guardando a pólvora. Ele foi preso e torturado, revelando o nome dos outros conspiradores. No final foi condenado a morrer na forca, por traição e tentativa de assassinato. Os outros participantes revelados por Guy Fawkes acabaram também sendo executados. Ainda nos dias de hoje o rei ou rainha vai até o parlamento apenas uma vez ao ano para uma sessão especial, sendo mantida a tradição de se revistar os subterrâneos do prédio antes desta sessão.

Esta semana estarei muito ocupado e infelizmente não conseguirei elaborar o próximo capítulo da Saga dos Papas da maneira que gostaria, então em homenagem a 5 de Novembro, deixo para vocês o vídeo “O Poder dos Pesadelos”, dividido em 3 partes:

O Poder dos Pesadelos

PS: Até agora, 8.900 pessoas leram meu post anterior e NENHUMA foi capaz de encontrar a mensagem escondida. Bem… Agora vocês sabem que existe uma mensagem escondida!

Este post tem 15 comentários

  1. Cleiton Moraes

    Esse enigma do pessoa já vem desde o sedentário!

  2. Rafael

    Fernando Pessoa: Autopsicografia

    1. DiegoR2

      Só não descobri se existe um padrão na distância entre os trechos do poema.

  3. Kalel

    Salve Tio MDD,

    September 11th no título remete ao World Trade Center, onde supostamente explosivos tenham sido colocados debaixo do das torres para que o “atentado terrorista” derrubasse aquelas torres. Mas é claro, isso é so uma suposição.

  4. Vinícius Pedro

    a sinopse desse documentário me lembrou de um trecho de um post do saindo da matrix.

    2- CRIAR PROBLEMAS, DEPOIS OFERECER SOLUÇÕES

    Este método também é chamado “problema-reação-solução”. Cria-se um problema, uma “situação” prevista para causar certa reação no público, a fim de que este seja o mandante das medidas que se deseja fazer aceitar. Por exemplo: deixar que se desenvolva ou se intensifique a violência urbana, ou organizar atentados sangrentos, a fim de que o público seja o mandante de leis de segurança e políticas em prejuízo da liberdade. Ou também: criar uma crise econômica para fazer aceitar como um mal necessário o retrocesso dos direitos sociais e o desmantelamento dos serviços públicos.

  5. moscavich

    Se você estiver se referindo ao post anterior dos papas acredito que tenha a ver com o Fernando Pessoa, que, dizem, era um maçom templário. Pesquisei mas não encontrei nada que relacionasse o Pessoa com os Papas. Mas eu lembro que uma vez você usou um poema dele para falar sobre esse negócio de esconder mensagens secretas nas entre linhas…

    Quando em teu dia, São João de Verão,
    Fundaste a Grande Loja de Inglaterra.
    Isto agora é que é bom,
    Se bem que vagamente rocambólico,
    Eu a julgar-te até católico
    E tu sais-me maçom.”
    Ode à São João- Fernando Pessoa

  6. Flávio

    Hahaha, perdi uns 10 minutos no post do simpósio procurando a mensagem.
    Vou fingir que não aconteceu, apesar de não ser poeta. Abraços

  7. Henrique Mota

    Bom, encontrei duas possíveis relações entre o post e Fernando Pessoa: o fato do papa Marcos I também ser considerado um poeta, e o modo como os ocultistas fazem para ocultar informações secretas: a linguagem escrita. Lembrei daquele desenho, Full Metal Alchemist, onde o herói, em um dado momento, explora a biblioteca de um alquimista e só encontra livros de receita; aí ele se lembra que os alquimistas antigos tinham o costume de codificar as suas obras, com o intuito de impedir que o conhecimento caísse em mãos impróprias (leia-se gado). Fernando Pessoa conhecia muitos ocultistas famosos de sua época, tendo contato com algumas Ordens Iniciáticas (muito provavelmente o pessoal da Grande Loja da África do Sul, onde Fernando Pessoa morou durante muitos anos) e alguns ensinamentos místicos; inclusive, fez mais de 1000 Mapas Astrais ao longo de sua vida, para conhecidos e amigos. Porém, não posso afirmar se ele foi Iniciado em alguma dessas ordens (se bem que o conceito de Iniciado é relativo, considero muito mais no sentido de “despertar o interesse pelo espiritual, a busca pelo conhecimento espiritual” do que propriamente fazer parte de alguma Ordem, mas é minha visão). O fato é o seguinte: se vocês lerem alguns poemas do Fernando Pessoa, verão muitas referências ocultistas. Bom, acredito ser isto a que o DD se referia no post, me parece o mais lógico e próximo da verdade. Depende dele confirmar se o meu raciocínio está no caminho certo.

  8. Dsimon

    Nunca achei que fosse uma mensagem, achei que fossem erros.

    Afinal, começar um texto sobre o 5 de novembro com “Em Março…”

    Pax et Lux.
    DS

    1. dsimon

      Como tu não comentou nada sobre o “Março”, fico em dúvida se a morte do papa também foi acidental?

      Pax et Lux,
      DS

  9. Flávio

    Autopsicografia =)

  10. Junior/RO

    Até onde eu entendi, a mensagem está no título, 11 de setembro. A poesia fala do dia 5.

    É isso?

  11. Heres

    Como no filme V de vingança chamavam V de terrorista, é o que acontece hoje os EUA contra seus “terroristas”.

  12. Peregrino

    Penso que a mensagem é o titulo que sugere a conspiração de 11 de setembro como um ato terrorista tanto quanto o de 5 de novembro

  13. André Tauk

    no atentado as torres gêmea aconteceu a mesma coisa!
    Assim como pearl harbor!

Deixe uma resposta