A arte da magia, uma entrevista com Alan Moore

Trechos da entrevista de Alan Moore para a revista Pagan Dawn, originalmente em inglês, com tradução de Rafael Arrais.

A lenda dos quadrinhos, Alan Moore, é o autor de diversos títulos memoráveis, tais quais Watchmen, A Liga Extraordinária, V de Vingança e Do Inferno. Ele também é um praticante de magia cerimonial e cofundador do Moon and Serpent Grand Egyptian Theatre of Marvels [O Grande Teatro Egípcio de Maravilhas da Lua e da Serpente]. Alan vê uma conexão íntima entre a magia e a criatividade artística, o que foi explorado na sua série Promethea. Sam Proctor resolveu lhe perguntar mais sobre este assunto:

» Parte 1
» Parte 2
» Parte 3

(os links acima abrem novas janelas no blog Textos para Reflexão)

 

Este post tem 2 comentários

  1. Tibério Augusto

    Oi, não vi se foi dito na entrevista, mas o fato de 32 edições tem alguma relação com a árvore?

    @raph: Aparentemente não, pelo menos não pelo número 32 em si. Mas ele cita que “recebeu a informação” de que Promethea se encerraria na edição #32 por meio do seu processo intuitivo de criação. Além disso, há uma edição dedicada para cada esfera da Árvore da Vida, conforme ele também fala na entrevista.

  2. Ricardo Aleph

    Olá Marcelo! Parabéns pelo site, sempre com posts muito interessantes e instrutivos.Alan Moore rules!!!
    Totalmente off-topic: senti falta no seu blog de um post sobre banhos ritualísticos. Você pretende escrever algo sobre o assunto? Acho que para quem lida com os mais diversas tipos de energias, seria algo essencial. Abs

Deixe uma resposta