Teoria das Supercordas

Teoria das Supercordas, por Brian Greene.
Nao dá pra embutir aqui, então segue o link:
http://www.ted.com/index.php/talks/lang/por_br/brian_greene_on_string_theory.html

Este post tem 24 comentários

  1. Padawan

    E é aí que você começa a perceber que a realidade vai se tornando ainda mais estranha que qualquer ficção científica poderia prever.

  2. Remy

    É a humanidade chegando lah…

  3. J

    Achei a palestra interessante.
    Tão logo havia lido o título deste post, me lembrei de uma resposta sua a um comentário, acho que foi no post “Você não pode trapacear a Morte”:
    Há relação entre a teoria apresentada pelo Sr. Greene e a “teia astral” que você mencionou?

  4. luiz_heavymetal

    muito massa esse vídeo

  5. Khael

    10 dimensões físicas +1 temporal = 10 sephiroth + daath
    sera que faz sentido ou estarei apenas sofrendo da síndrome-de-ver-a-arvore-da-vida-em-tudo?

    1. Rodrigo Silva

      Taí algo que já pensei também… não dei muita bola, achei um pensamento pouco original… sei lá… em todo caso é a evidência de algum tipo de conexão de mentes (quão original!) 😀

  6. Roberto

    Otima explicação, deixa muita coisa para se pensar.

  7. André

    É … muito boa a suposição.

    Quem viver verá, eu acho hehehehe

  8. MÁRCIO

    Teoria das supercordas, buscando explicação para o conjunto de energias conhecidas unificadas. Isso me parece familiar.

    Tambem da pra assimilar algo sobre o video da espiral espaço tempo, onde fazemos parte de uma malha, que se entrelaça.

    Acima = Abaixo..

    da pra refletir

    Mércius

  9. raph

    Para quem gostou, recomendo os livros dele, publicados no Brasil pela Cia. das Letras:

    “O universo elegante” (mais sobre Supercordas e Teoria-M)
    “O tecido do Cosmo” (mais sobre física quântica e cosmologia em geral)

    Abs
    raph

  10. raph

    Marcelo, não sei pq meus comentários não aparecem (como “aguardando moderação”) de jeito nenhum no tópico “Blogs dos Leitores do TdC”, segue aqui meu blog:

    Textos para Reflexão – Pensar para melhor viver.
    http://textosparareflexao.blogspot.com/

    Abs
    raph

  11. juan capraro

    essa teoria já era dita a muito tempo pelos grandes gurus da kria yoga

  12. Keitan

    é engraçad a presunção de nossa época, pois o cientista do video diz com certeza e veemencia que hj podemos provar e criamos a teoria da supercordas…
    Mas, se analisarmos bem veremos que essa idéia é muito mai antiga do que parece…
    Veja por exemplo Tolkien no começo de sua obra Silmarilion descrevendo a formação do universo e saberas queele ou estudou algo assim ou teve contato com quem estudou…Não sei se ele era ocultista, Talvez o DD possa esclarecer se sim…
    Considerndo o Fato de que Tolkien teve contato com esse estudos então na realidade isto tudo foi escoberto a pelo menos 60 anos…talvez mais…
    Agora para os religiosos de plantão, lembre-se de uma pequena e interessante passagem da biblia e pasmem, deus é o verbo, o verbo é som, o som é vibração, ou seja, teoria das super cordas…
    E assim temos evidencias de que esse conhecimento já existia a quase 4000 anos atras uma vez que Deus é visto como o verbo no velho testamento…
    Muitas das perguntas que respondemos hj já estão respondidas a milenios e iludidos no orgulho de sermos melhores do que gerações passadas ficamos patinando em respondelas pela eternidade, ao invez de ir além…

  13. E.T.

    Eita !

    Só uma informação técnica da coisa ai…. não vai dar pra ver muita coisa do q restar da colisão das particulas: os quarks e as coisas q formam os quarks tem comprimento de onda muito menores q o comprimento de onda da luz ! As “armadilhas” usadas nos aceleradores para captar essas particulas são primitivas perto do q se espera encontrar…. apenas as proximas gerações de aceleradores serão capazes de nos mostrar alguma coisa (isso, claro, o grandao CERN der algum resultado)

  14. Jônathas

    Esta teoria me veio a cabeça quando li sobre chakras no Tdc…

  15. José Luiz Benetti

    A teoria das cordas nada tem com Deus, Bíblia e outros meios. Aliás, ela sequer pode ser considerada Física, ainda, uma vez que não teve comprovação. Nem todos os cientistas a consideram válida, embora seja, como dizem, elegante. Mas, trata-se de matemática pura.
    As equações permitiram consequências conclusivas e outras poderão vir.
    Na essência, contudo, trata-se de uma configuração bela.
    Se alguem sentir-se apto a comprová-la…está em aberto.
    Portanto, se entidades se supõem premonitória das idéias das Supercorda como algo concreto, desistam por ora e saibam, definitivamente, que esta Teoria ainda não está comprovada.
    Esperem a sua comprovação, aí sim poderão atribuir-lhe a entidade que quizerem.

Deixe uma resposta