Segunda consagração em Áries 2011

Dia 30/04 (sexta para sábado) e 01/05 (sábado para domingo) da 1h00 à 1h30 da madrugada teremos duas janelas que decididamente não dá pra deixar passar batido. Neste período, teremos Lua, Mercúrio, Vênus, Marte, Júpiter e Urano em Áries na Casa 2 (Touro) e Sol em Touro (Casa 3), com Ascendente em Peixes-Aquário.
Tecnicamente, o nome mais correto não seria “Consagração em Áries”, mas sim “Consagração no Cavaleiro de Moedas”.

Esta será a janela mais forte (possivelmente em alguns anos) para Consagrar objetos de Concretização de Vontade. A utilização mais recomendada desse portal é comprar uma caneta tinteiro ou outro tipo de caneta fodona que será usada para assinar contratos comerciais daqui em diante. Com a vantagem que ela terá sido imantada sob a energia primordial de um signo do Fogo, podendo fazer as vezes de Varinha (se for de metal) e representativa do elemento Fogo no seu altar pessoal (sem contar que é muito mais discreta e fácil de transportar em aeroportos do que um bastão, cetro ou varinha).
Quem já consagrou seu objeto na primeira janela pode reforçar a imantação (porque este é um portal mais poderoso); para os que têm dificuldades em terminar as coisas que começam ou falta de coragem para começar trabalhos, amuletos, anéis e pantáculos consagrados nesta energia também ajudam (Lembrem-se que esta é a combinação energética chamada “Cavaleiro de Moedas”).

Este post tem 69 comentários

  1. RAGrola

    Salve Marcelo.

    No caso da caneta de pena, possuo uma de metal há um bom tempo, não é dessas caras fodonas, mas é o tipo de peça que tem valor pessoal (foi umas das primeiras coisas que comprei quando comecei a trabalhar, com meu próprio dinheiro). Ela esta sempre na minha mochila, gosto de saber que ela esta por perto. Como já foi usada muitas vezes antes, é interessante fazer uma limpeza ou descarrego nela antes da consagração?

    @MDD – Ela pode ser considerada pré-carregada com a sua vontade, já… você só vai batizá-la agora 🙂 As vezes a gente tem esses objetos certos “por perto”, só esperando o momento certo chegar para serem iniciados na magia.

    1. Mariana Nobre

      Eu pensei o mesmo sobre meu amuleto. Eu semprei carreguei no pescoço uma ametista, mas um dia estava procurando um objeto (nem lembro mais para que), e no meio de umas coisas de bijuteria, “caiu” nas minhas mãos uma medalha de metal com um elefante em relevo (animal esse com um significado pessoal).
      Daí decidi por ser meu amuleto, porém achei a necessidade de usá-lo e me adaptar a ele até sentir que chegou a hora de consagrá-lo.

      @MDD – e elefante é um dos animais da Terra. Boa escolha.

      1. Mariana Nobre

        Só mais uma pergunta pra confirmar (e tomara que dê tempo).
        O amuleto com o elefante, pra mim, seria usado para proteção mesmo (contra – não sei se é esquisoterice rss – energias negativas ou vampiros), já que passo a semana inteira indo de um lugar “esquisito do RJ ao outro, me encontro em um momento da vida em que minha carreira está sendo traçada, meu relacionamento está num rumo muito bom …
        Eu posso consagrar novamente esse amuleto nessa janela de Áries, mas nessa intenção? Porque eu já sou obstinada mesmo e terminar as coisas não me é um problema.

        @MDD – Vai ser como formatar um HD de novo… voce perde a configuração anterior.

  2. Gustavo Costa

    interessante..vou ler o link da ‘wikipedia’ mais tarde, duro vai ser que estarei fora de casa estes dias…mas vou tentar, o melhor seria uma caneta ou pode ser outra coisa ? No caso de um anel por exemplo, pode ser um anel que eu uso todos os dias ? Ninguem o toca, alem de mim ( fica na mãe esquerda, e apesar de ser canhoto cumprimento com a direita ).

  3. Shlomo

    Finalmente! Tenho uma caneta tinteiro de 25 cm, feita de pedra com ponta de ouro comprada no bairro judeu (na verdade, não tanto um bairro quanto uma ruela “diagonal”) de Veneza e que está esperando pra virar uma ferramenta de fogo há mais ou menos uns três anos.

    @MDD – Que sorte, heim? kkkk

    1. Shlomo

      Eu tenho alguns “cacarecos” esperando a hora certa (bem, eu devo estar esperando a minha hora certa). A maioria das pessoas deixa essas coisas passarem, mas eu sinto uma certa atração.

      Tenho uma moeda de 1796 que achei literalmente na terra da chácara da família. Tenho um relógio que minha avó “mandou benzer” quando eu tinha uns 15 anos, mas nunca mais usei. Um guia de homeopatia de 1933 escrito por um “Doutor em Medicina, Engenheiro Militar e Bacharel em Mathematica e Sciencias Physicas”, não sei se é sério, mas me parece uma pérola de história e semiótica. Meus tefilim são os que foram usados para treino por mim e pelos outros alunos da minha sinagoga, o rabino ia “aposentá-los”, pois estavam muito velhos, e eu peguei pra mim.

      Mas eu sou péssimo com consagração em si. Me dá a impressão de que eu não devia mexer com a energia que o objeto já tem em si.

      Bom, vou ver o que acontece com a minha caneta. Dando tudo certo, parto para as outras.

  4. PeX

    Seria oportuno consagrar uma moeda? Tenho aqui uma moeda de 1 Real de 1994, bem no início do Plano Real.

  5. ricardo

    uma duvida, eu posso consgrar mais de um objeto na mesma janaela, ou tenho que consagrar um em cada uma dessas janelas? se sim, posso consagrar dois objtos (uma caneta e uma moeda) nas duas janelas?
    obrigado =]

    @MDD – Uma em cada janela? sim. A Moeda seria um arquétipo de TERRA com as qualidades do Fogo, para ser usada em um altar como elemento Terra, em rituais que necessitem de manifestação da espiritualidade ou concretização de novas idéias… Ok.

    1. ricardo

      essa foi a primeira consagração/imantação que eu realizo. Acho que me sai bem, consigo visualizar o circulo do banimento mesmo depois de meia hora.Mas tenho algumas duvidas: por eu n possuir o sigilo pessoal ainda, quando eu o possuir, eu terei que esperar uma janela do caveleiro de moedas para inscrever meu sigilo no item imantado, ou não há necessidades?
      Durante toda a consagração e tenho que ficar defumando o objeto, ou não? só isso mesmo
      obrigado =]

  6. Agricultor

    Sem querer parecer idiota (acho que não vai ter como), mas rola consagrar as coisas para motivos “menos nobres”, por assim dizer? Por exemplo, neste caso, eu posso consagrar uma colher pra eu comer o meu sorvete com mais Vontade?

    @MDD – Voce pode usar um bisturi pra cortar um bife ou passar manteiga no pao?

    1. Agricultor

      Poder pode né… mas…
      Entendi o que voce quis dizer 🙂

  7. Felipe

    Olá ,
    Pode ser uma caneta de madeira com troca de carga de caneta bic comum ?
    Abçs!!

    @MDD – Poder, pode, mas é simplória. Se vc nao tem outra, serve, mas daqui uns anos voce mesmo vai querer comprar outra melhor (ou não, se ela tiver valor sentimental… é complicado julgar apenas pelo material, tem uma série de fatores envolvidos ai).

  8. leonardo

    Oi Marcelo,

    Nunca consagrei nada e tenho algumas duvidas de pra que seria usado um objeto com esse tipo de energia, você poderia esclarecer melhor? pois pelo que entendi é pra reforçar a vontade da pessoa, mas o que isso tem a ver com o termo “cavaleiro de moedas” (dá a impressão que é algo como acumular bens materias, principalmente quando tu fala em usar uma caneta pra assinar contratos comerciais e tals)?

    @MDD – leia meus posts sobre mapas astrais e o que é astrologia hermética pra entender, a explicação pra isso seria muito longa pra um comment.

    Ah, me veio outra questão também, se este amuleto for usado para reforçar a força de vontade, e a vontade é um dos elementos necessarios para a realização de qualquer tipo de magia, então ele dá um boost em suas magias?

    @MDD – Sim

    Quando voce respondeu sobre a moeda estar vinculada com Terra, então a forma do objeto também influencia em sua energia? Existe alguma lista com a relação dos objetos x Tipos de energia?

    @MDD – Comecei a fazer na wikipedia, ainda deve demorar pra ficar pronta.

    E por ultimo, porque voce não posta essas janelas com mais antecedencia? tipo, um post no inicio do ano com tudo e depois vai mandando aos poucos pra relembrar? estou perguntando pois agora só tenho 2 dias pra comprar a tal caneta 🙁

    @MDD – Claro que é de propósito que eu passo as datas com 3-4 dias de antecedencia… quem já tem os objetos certos esperando já os tem…

    1. leonardo

      Marcelo,

      Obrigado por ter respondido o e-mail e cara, acabei de ter um insight super bacana, claro que pra você vai parecer a coisa mais óbvia do mundo, mas estava pensando sobre os instrumentos que um mago usa para seus rituais/magias e como voce postou, áries é fogo e é representado pela varinha, sendo que ambos simbolizam a vontade, como a magia utiliza 4 elementos para se realizar, temos aí o fogo/vontade, agua/sentimento, ar/imaginação e terra/concentração, mas fiquei na duvida de como isso é representado nos objetos, seria algo assim varinha, taça, punhal e moeda, nessa respectiva ordem?

      E os signos pra consagração? seriam

      Áries, Leão e Sagitário (Fogo)
      Gêmeos, Libra e Aquário (Ar)
      Touro, Virgem e Capricórnio (Terra)
      Câncer, Escorpião e Peixes (Água)

      mas qual signo representa o elemento em plenitude? tipo, quero uma varinha que seja fogo fogo mesmo, então qual signo que devo buscar uma janela pra conseguir esse tipo de energia ?

      Se for de acordo com as características do signo que tu precisa, então voce teria por exemplo uma varinha de Aries, uma de Leão e uma de Sagitário, e isso só pra abranger as nuances do fogo? se for assim…….. cara, um mago realmente preparado vai ter uma parafernalha gigantesca hehehe

      E se posso consagrar energias misturadas (um punhal/ar em áries e ele está imantado com fogo), pra que preciso de uma magia toda focada em fogo por exemplo? seria pra suprir uma deficiencia minha em vontade? ou é porque ela trabalha com a questão da vontade em excesso (como controlar a chama de uma vela, ou não existe essa correlação com o físico)?

      Desculpe a quantidade de perguntas, mas é que como isso veio de uma vez (provavelmente inspiração de algum mentor ou algo do tipo), não consegui me conter em escrever tudo que me veio a mente.

      Um grande abraço,

      Leo.

      Ps.: Tenho acompanhado seus posts sobre astrologia, só ainda não tinha juntado essas peças (eu exergava o mapa apenas como carta natal e não no sentido de janelas para consagração), tanto que fiz meu mapa e sigilo na hospitalaria e faço parte do mayhen no ning também.

  9. Anarcoplayba

    DD, eu já tenho uma caneta consagrada a Capricórnio para trabalho, contratos e estudo, focada no aspecto jurídico (casa 10 em Libra) e agora bateu a dúvida: consagro por cima (passando energia por cima), limpo e consagro, ou compro outra e consagro?

    Estou tentado a comprar outra e deixar separada pra ser a minha baqueta enquanto a outra eu deixo para atividades mais profissionais.

    O que você acha?

    @MDD Eu tenho três. São instrumentos DIFERENTES… se voce pensar como cirurgião ou mecânico ajuda a entender melhor.

  10. Luiz

    Será q eu poderia consagrar um pingente de aço com o signo de áries inscrito? Se sim poderia usar como amuleto então?

    @MDD – Sim e sim.

  11. Ricardo

    Salve DD!

    Pergunta técnica: essas janelas não ocorrem quando o planeta está entre 25 e 30 graus, ou 0 e 5 graus de um dos signos (no caso, Áries ou Touro)? Marte e Júpiter vão estar a 21º e 22º de Áries, um pouco longe para entrarem nessa configuração… a não ser que estejamos falando de Urano a 2º41′ de Áries. Ou estou enganado?

    @MDD – Nesse caso, com esta quantidade de pontos concentrados, a combinação de energias é pelas casas… a cada Casa que passar, considere que seja Áries+Casa… fica a dica pra quem entendeu.

  12. Marcelo

    MDD,

    Posso consagrar no dia 30 a caneta e no dia 01 reforçar a consagração na mesma caneta? Tipo.. ficaria mais forte ou um dos dias já basta?

    @MDD – que diferença faz você formatar seu winchester duas vezes seguidas?

  13. Maestro

    Marcelo eu tenho algumas dúvidas, se puder me ajudar agradeço imensamente.

    To voltando agora do contador, acabo de abrir uma empresa, e esse ritual veio a calhar (incrível como são as coisas né?), mas tenho algumas dúvidas;
    – Tenho uma nota de 1 dollars guardado na carteira a um bom tempo, não é metal, seria melhor então escolher outro objeto para consagrar em vez dessa nota?
    – Se eu for consagrar dois objetos (um em cada janela) é necessário fazer duas vezes o RPM?
    – Funcionaria consagrar uma moeda para ajudar meu novo projeto crescer?

    @MDD – Seria melhor metal, mas se nao tiver, pode ser essa nota… complicado vai ser ninguém encostar nela… eu enquadraria e deixaria no escritório (só que tem de ser pessoalmente… compra a moldura e faz voce mesmo).

  14. Caio

    Boa tarde senhor Marcelo.
    Posso eu tentar consagrar um anel sem fazer o RmP? Eu ainda devo mestar o exercicio da vela, então o RmP é irrealizavel por mim…

    @MDD – Até pode, mas faça tudo com atenção redobrada… trace um círculo de fogo azulado ao mesmo tempo que VISUALIZA este círculo ao seu redor. Não é como um RMP mas quebra um galho.

  15. LH"

    Tio, tenho um colar com um pingente de prata no formato de um hexagrama que ganhei da minha namorada. Já tem algum tempo que eu quero consagrar esse objeto, pois eu vejo ele, de certa forma, como algo que me protege.

    Ocorre que minha namorada constantemente toca no pingente (ela pensa o mesmo que eu, sobre o objeto ser um amuleto).

    Aí pergunto:
    por ter sido ela quem me deu o pingente e pela confiança/ligação que tenho com ela, vai ter algum problema se ela enconstar depois da consagração?

    @MDD – O ideal seria ela estar junto, mas nesses casos específicos, a menos que ela seja evangélica ou atéia ou de egrégoras agressivas ao seu propósito, não há problema, desde que voce deixe isso claro quando consagrar.

  16. Ma

    Post/texto em referência ao objeto nesta janela astrológica:
    ” representativa do elemento FOGO NO SEU ALTAR PESSOAL”

    coment:
    “Moeda seria um arquétipo de TERRA com as qualidades do Fogo, para ser usada em um ALTAR COMO ELEMENTO TERRA”

    Peraí que me deu nó.. Tenho uma moeda consagrada na janela do ano anterior no meu altar pessoal representando o elemento terra.. Se eu “reconsagrá-la” nessa janela p´roxima estarei “desequilibrando” o sistema por esta ser uma “moeda mista fogo/terra”? Para representação no altar não seria mais interessante a escolha de energias mais “puras”?

    @MDD – sim, mas quem disse que voce precisa ter só UMA moeda na sua coleção? e se você precisar de um altar desequilibrado pra algum elemento?

    – Caneta:
    Tenho uma consagrada em gêmeos – costumo fazer provas ou textos racionais com ela;
    outra em peixes- pra quando quero escrever textos “espiritualistas-viajantesdamaionese.do.lado.de.lá”..
    Agora a dessa janela pode servir pra dizer o “amem” em textos de compromissos/inícios criando bases fortes de comprometimento..
    Interessante notar q aparentemente um mesmo objeto -caneta – pode ter diversas nuances para a cada ocasião mais coerente.. Certo?

    @MDD – Sim, mas são canetas diferentes, porque senao voce estará só reformatando a mesma caneta.

  17. Papito

    eu li na internet (…tá, vc vai ficar com raiva, dizer que o azar é meu de ler coisas na internet, mas por favor, responde ai, a dúvida é sincera) que é pra gente ter muito cuidado com consagrações pois a gente coloca um pedaço da alma, ou algo do tipo, em tudo que a gente consagra.

    Procede isso?

    Ou isso procede pra consagrações de verdade e isso que vc passou é só uma imantação?

    @MDD – É OBVIO que voce coloca um pedaço da sua alma no objeto, senão pra que serviria como SEU objeto de trabalho magístico?… claro que voce deve ter lido em algum site evangelico que fala que vao roubar sua alma, que o capeta pega o objeto, que aprisiona a alma e depois jesus castiga e por ai vai… tudo besteira… voce coloca um pedaço da sua alma em qualquer desenho que fizer, qualquer trabalho bem feito ou qualquer oobjeto artístico também. Qualquer coisa que voce fizer com VONTADE/Thelema carrega um pedaço da sua alma.

    1. Papito

      na verdade foi num forum de ocultismo que tem até membros do mayhem. Eu não achei o tópico, mas ele ensinava a fazer consagrações e tinha esse aviso como uma nota de rodapé ou algo assim, mas não deixava claro. Essa tua explicação aí faz muito mas sentido, valeu 😉

    2. cami

      Isso me lembra as horcruxes do voldemort =P

  18. Bruno Bossolan

    Poderia, por favor, dar exemplos de objetos da “Vontade”?

    Ou é só Caneta mesmo?

    Abç

  19. Papito

    só pra entender melhor, as energias desse espaço são voltados para materialização da vontade, certo?

    @MDD – Isso.

  20. Rafael

    Pouco antes da 2ª janela, por volta das 23:30 da noite de sábado pra domingo, o Ascendente estará em Aquário, os 6 planetas em Áries estarão na Casa 3, e haverá 3 conjunções: Plutão – Roda da Fortuna em Capricónio e Marte – Júpiter e Lua – Mercúrio – Vênus (conjução tripla) em Áries. Além disso, o Sol em Touro estará em trígono com Plutão. Esse momento favoreceria alguma consagração (diferente do “Cavaleiro de Moedas”) ou nascimento?

  21. Lu ;-)

    Tio, fiz essa pergunta na primeira consagr. em Aries, mas vc ignorou solenemente…..sniff ;-(

    Não faz mal, vou perguntar de novo, que é de graça e não ofende…!

    Objetos relacionados a Artes Marciais devem ser consagrados aqui, né (armas, faixa de graduaçao,etc)…?
    As roupas de treino/competiçao, também entram nessa categoria? Em caso afirmativo, tem algum procedimento ritualístico específico?
    Porque, seriam vários objetos…faz tudo junto? Eu nunca fiz, tô perdida, no aspecto ritualístico…;-O !

    @MDD – roupas nao sao comuns de serem consagradas, pq vc lava toda hora, outras pessoas colocam a mão (ainda mais se for de artes marciais)… talvez sua arma de competição, que só voce encosta, embora esta janela seja mais especifica do que a de áries… ela é uma janela áries-touro muito forte (voce pode esperar até as 2h30 da manha, onde será áries-pura (os planetas na casa 1) para armas ou objetos marciais. No horário que passei, serve para instrumentos de concretização de vontade (o que eu pensei ser mais óbvio é a caneta, mas talismãs ou amuletos servem também).

    1. Lu ;-)

      “@MDD – roupas nao sao comuns de serem consagradas, pq vc lava toda hora, outras pessoas colocam a mão (ainda mais se for de artes marciais)”

      Verdade, Tio, puro vacilo…tinha esquecido que só eu poderia/poderei tocar no objeto consagrado…obrigada pela resposta. vou ter que improvisar…. 😉
      Depois te falo como foi…

      Abração;

      Lu -)

    2. Lu ;-)

      Tio, esqueci de falar…acho que minha “adaptação / improviso mágico-ritualístico” deu certo…rs
      Tive sucesso no exame de faixa….afinal, vc já tinha falado que magia também é criatividade,né…?!
      usar as adversidades a seu favor…se não dava para consagrar as “roupas de treino” …acabei dando um jeitinho!!!

      Beijão, Paz e Luz;

      Lu `-)

  22. Kássio

    Pergunta: Precisa mesmo ser um incenso, ou pode ser uma vela? Incensos me dão dor de cabeça.

    @MDD – Pode ser qualquer coisa que remeta ao elemento Ar… uma vela amarela poderia ser usada nesse caso, ou música, ouuma vela com o elemento do ar. O importante é trazer sua consciência para a sintonia com esta faixa vibracional.

  23. Jeff

    Nunca fiz uma consagração, quero fazer essa. Tenho algumas canetas tinteiro bico de pena que eram do meu pai, duas já consegui fazer funcionar, e minha intenção é usá-las em minha nova fase profissional. Quero fazer tudo corretamente. Preciso treinar antes? O que e como eu faço?

  24. AD&D

    Uma das primeiras consagrações que passou aqui no blog foi a “moeda da sorte” e não fiz em um objeto muito propicio.. quando terá uma janela equivalente àquela novamente?

  25. Florean

    Uma janela dessas logo no “dia do trabalhador”. Santa sincronicidade, Bátimã!

  26. Florean

    E, por curiosidade, uma pessoa nascida nessa janela seria o que? Um trabalhador obstinado? Alguém que nunca deixa de fazer o que se propõe? Um milionário?

    @MDD – Um trabalhador obstinado seria um bom chute. A condição financeira seria impossível especular.

  27. Henrique Mota

    Hum, a energia deste período é de fato bem forte… E quanto a consagração em Touro, normalmente voltada para a Moeda? Não vi ainda uma janela forte o bastante para esse ano, tem até um tópico no Mayhem, a gente está em dúvida, se você puder nos ajudar…

    Ou será que seria preferível consagrar a Moeda agora, aproveitando estas janelas do fim de semana?

  28. Dionisio

    Ha algum objeto recomendado para auxiliar na questão de trabalhos não acabados?
    ou posso consagrar a caneta para essa finalidade, com resultados otimos?

  29. Lucas

    Olá, eu queria tirar uma dúvida. Eu gostaria de consagrar um anel para me ajudar em relação a concluir coisas que começo, sou muito disperso nesse sentido, costumo me engajar em N coisas e perder o foco no meio do caminho.

    Minha dúvida é se no caso da consagração do anél eu teria que usa-lo o tempo todo ou em momentos específicos (quando for necessária a força de vontade). No caso de usar o tempo todo não seria meio inconveniente no caso de um anél ter de evitar de tocar em outras pessoas? E qual seria o melhor metal para esse anél (prata, aço, ferro)?

    @MDD – Pode usa-lo so quando precisar dele. Qualquer metal pode servir nesse caso.

  30. vladerson

    Marcelo, posso consagrar minha faca nessa janela? Uso ela pra confeccionar as runas e alguns talismãs.

    @MDD – Sim. Ela se torna um instrumento de Fogo dentro do elemento Ar.

  31. Gabriel

    1) Posso usar um difusor no lugar do incenso?(Também tem fogo e aroma…)
    2) Como não tenho sigilo, posso marcar o objeto com o sigilo depois do ritual?

    @MDD – 1) sim, 2) sim

  32. Alexandre

    Só pra confirmar, no caso de uma caneta cuja carga deve ser trocada(eu tenho uma bem legal aqui, meus avos assinaram a certidão da nascimento com ela), consagro só a parte “de fora” né?

    E na parte de terminar o que começou serve uma corrente(daquelas de por no pescoço) ?

    E pra terminar, DD fara um post sobre fabricação de incensos um dia?(Porque a maioria dessas varetas perfumadas são toxicas…)

  33. vladerson

    dá pra fazer duas consagrações na mesma janela? Uma consagração diferente pra cada objeto?…isso se der tempo né…30 min

    @MDD – Faça uma bem feita.

  34. Gustavo Costa

    Poxa, uma coisa meio nada a ver, mas sera que é por isso que demoraram tanto para assinar o contrato ( TAC ) pro estadio do Corinthians ?

  35. D'Artagnan

    @MDD”para os que têm dificuldades em terminar as coisas que começam ou falta de coragem para começar trabalhos, amuletos, anéis e pantáculos consagrados nesta energia também ajudam (Lembrem-se que esta é a combinação energética chamada “Cavaleiro de Moedas”).”

    Pode parecer escroto mas eu vou consagrar um broche do Lanterna Verde como amuleto (pela relação com a Força de Vontade/capacidade de sobrepujar o medo do personagem) você acha válido? Pra mim vai ter essa conotação é isso que importa além da janela em si, certo?

    @MDD – acho válido sim, o herói carrega todo um simbolismo de Vontade dentro do conceito dele 🙂

    1. D'Artagnan

      O Lanterna Verde(agora lanternas de várias cores mas deixa quieto) pra mim tambem são a representação do magista (imaginação+vontade=materialização de um efeito)

    2. D'Artagnan

      E que “coincidência” uma janela desse tipo justo na semana da Disciplina!

  36. Aurilio

    DD hoje consagrarei uma caneta com o simbolo de C .’. M .’. toda bonitona/especial e tal, até ai ok, mas amanhã tô pensando em consagrar meu japamala de Rudraksha, como os malas são usados para potencializar cura, seria uma boa idéia fazer a consagração agora no cavaleiro de moedas?

    ” * TIFERET na Árvore da Terra

    Condução calma das energias práticas e mentais para construir uma obra sólida e durável.

    * Mental: inteligência para construir na matéria; resolução de problemas geométrico e arquitetônicos.
    * Anímico: sentimentos afetivos, calmos, estáveis, progressivos.
    * Físico: orientação para resolver problemas nos negócios e nos empreendimentos. Saúde boa. Cura assegurada.”
    Retirado do Wiki com destaque meu.

  37. simone

    o incenso de kali danda é dificil de encontrar em poa , mas vela amarela eu tenho

  38. José Goiana

    Oi Marcelo,

    farei a consagração da caneta amanhã. Hj tava pensando em consagrar uma medalha de latão prateado que ganhei em uma competição de natação em 24/10/1997, com meu pai vibrando e anotando meu tempo na medalha.

    O q vc acha?

    Um Grande Abraço,

    e vem logo pro RJ!!!

  39. José Goiana

    Uma perguntinha prática e bastante boba: se pra defumar eu devo passar o objeto pela fumaça, ele não estará mais sobre a mesa, mas entre meus dedos, correto?

    Digo pq a fumaça sobe naturalmente e o objeto não será “banhado” pela fumaça se estiver sobre a mesa…

    @MDD – sim… voce passa o objeto pela fumaça.

  40. Alexandre

    Acabei de fazer, quase perdi…
    Tive que fazer de um modo bem precario(o de amanha, onde pretendo re-afirmar o da caneta e fazer o da corrente sera mais completo)
    Não usei mesa, porque teria de arrasta-la e acabaria acordando o povo aqui(não sei como reagiriam)
    Não pude realizar RmP por falta de espaço, tive que usar as chamas lá, por fim não tinha vela nem incenso e tive que usar musica bem baixinha…

    Ficou um horror né?

    @MDD – Voce fez o melhor que poderia? de verdade? entao funcionou… se nao fez… nao funcionou…

  41. Vinicius

    Acho que vou ser fuzilado pelo teu sarcasmo dos tempos recentes, mas… lá vai…

    usei os seguintes símbolos para os elementos:

    Ar- música
    Fogo – Vela
    Água – Água (dã!) e
    Sal – Terra

    Fiz o RMP, pus a música e acendi a vela. Usei o tempo da música como referência. Passei cerca de cinco minutos comas vibrações da música sobre a caneta, mais cinco com a fumaça da vela, outros com a água e ou último com a Terra.
    A cada elemento eu fazia as associações: “ar, razão, Raphael ali perto do pentagrama do YHVH” “Fogo, Espírito, Vontade, Michael perto do pentagrama do Adonai” e assim por diante, mentalizando eles enquanto pensava nos símbolos dos elementos e também pensava nos signos da janela, localizados na Árvore da Vida jogando sua influência em Malkuth até a caneta.

    Por fim, vocalizei minha intenção acerca do objeto.

    So… posso dizer que a consagração funcionou?

    @MDD – Sim, é isso ai. Normalmente, nesses relatos, se eu nao comento nada é porque a pessoa nao fez nenhuma besteira.

  42. Florean

    MDD, comprei uma guia em uma flora, com as cores verde/amarelo/vermelho (Netzach-Oxum/Tiferet-Oxalá/Geburah-Ogum). Não é um objeto metálico ou que remeta diretamente o fogo ou a terra, mas para mim teria valor principalmente pelas correlações entre cores, esferas e entidades (segundo alguns pretos-velhos que consultei, sou “guiado” por Oxum e Ogum). É válido eu consagrar essa guia?

    @MDD – se for uma guia que voce vai usar depois em um terreiro nao vai ajudar, porque as entidades vao cruza-la e sobrepor esta energia com a delas. se for um amuleto seu, entao tudo bem.

    1. Florean

      Hola!

      A guia funcionará como amuleto mesmo. Obrigado. =)

      Inclusive, quero compartilhar com os demais leitores como foi minha consagração.

      Resolvi que faria na janela de domingo. Na sexta eu comprei a guia e fiquei usando até o domingo, para que ela já ficasse imantada com minha energia o máximo possível.

      Para o ritual, acendi um incenso em cada direção cardeal, sempre junto com algum objeto que me remetesse aos elementos ligados a eles (os objetos foram improvisados). Assim, usei uma cuia com água ao Sul, uma pirâmide a Oeste, representando o fogo, uma maçã e uma moeda que tinha consagrado em uma janela de Touro, representando a Terra ao Norte e, por fim, um bisturi de lâmina bem afiada representando o Ar, ao Leste.

      Após acesos os incensos, fiquei de peito nu, apenas com a guia, e fiz a Cruz Cabalística e o RMP. Então eu fiquei completamente nu e, no centro do quarto, acendi um quinto incenso, para a consagração. Peguei a guia nas mãos elevando o pensamento, pedindo que Deus e os responsáveis pelas energias de Áries e Touro me permitissem consagrar aquele objeto a serviço da Luz. Proferi então as palavras de consagração. Fiquei passando a guia na fumaça até que o incenso acabasse, enquanto mentalizava muitas coisas relativas ao uso que faria do objeto, agradecia às consciências superiores que me permitiam estar ali, fazendo aquela consagração e, de quando em quando, verbalizava “minha Vontade prevalece”.

      Depois, arrumei a “bagunça” e fiz a Cruz Cabalística para marcar o fim do ritual.

      Essa consagração foi, certamente, a mais elaborada e cheia de significados que já fiz. Talvez seja por isso que me tenha consumido tanta energia (digo isso porque acordei muito mais tarde que o normal no outro dia) — embora não tenha sentido isso enquanto fazia o ritual.

      Para mim, eu fiz o melhor que pude, com toda a minha Vontade disponível. Acho que deu certo! =)

      Pergunta off-topic: porque esse post saiu do ar por alguns dias?

  43. Alex R. Siqueira

    Tenho uma dúvida Marcelo, nessa janela eu consagrei uma pedra de fogo, com a vontade de materializar a idéia que eu tenho de mim no futuro em relação aos estudos magísticos, com o intuito de concretizar meus estudos para me elevar pessoalmente e não só acumular conhecimento, pois bem, enquanto mentalizava a minha vontade sobre essa pedra de fogo, enquanto traçava meu sigilo no mesmo, eu acabei ficando meio “zen” fiquei desligado de tudo em volta, como se não existisse mais nada, até mesmo o altar sumiu, e apareceu duas carta na minha mente q ficou “piscando”, a carta do MAGO e ao lado a carta do DIABO (do tarot mitológico) elas vieram na minha consciência do nada, não entendi muito bem o que significou isso, pois aconteceu enquanto eu meditava sobre meu objeto que estava sendo consagrado e minha vontade sendo focada nele.

    Você que tem um conhecimento maior nessas coisas, oq acredita que seja?

  44. Papito

    eu fiz a consagração, e foi melhor que eu imaginava, mas queria saber uma coisa. Depois de consagrado, o objeto pode ser continuamente carregado pra ter mais força, com visualizações, luz do sol, lua, etc?

    @MDD – Uma vez consagrado, a energia fica nele até ele ser destruído.

    1. Papito

      é que foi legal, mas foi a primeira consagração que eu fiz e eu to em dúvida se a consagração pode ter falhado ou sido fraca…
      Então, não tem jeito de fortalecer depois?O que vale é a energia que tava “no ar” no momento e eu capturei na hora, ou é mais como se na hora eu tivesse escolhido o jarro/molde (no caso, cavaleiro de moedas) e depois eu posso encher de água com o tempo (no caso seriam outras visualizações, defumações)? Qual analogia é a mais próxima da realidade?

      e essa consagração foi numa janela muito “especial”, certo?Perguntando pra saber se essa é realmente importante, daquelas pra esconder e nem citar pra ng, ou uma daquelas que a gente faz enquanto não aperece nada melhor.

      juro que essas foram as utilmas perguntas hehehe

  45. Bruno Cobbi

    Marcelo,

    Esta noite coincide com a data do Samhaim. Tanto a egrégora cabalística quanto a wiccana são relevantes para mim. Como isso influencia meu ritual de hoje?

    @MDD – elas são intrínsecas e funcionam de maneira sincronizada. O Calendário dos sabbats wiccan e Xamanico correspondem às energias Telúricas (da Terra) enquanto as cabalistas/hermeticas tratam das energias astrologicas (astrais). São como engrenagens que giram em harmonia e aproveitar melhor as energias e combinações de ambas faz parte do estudo magístico. Com certeza (como ocorreu no Sabbat ontem com o pessoal da Sírius-Gaia) voce perceberá que elas vão se interpolar, porque são a mesma coisa.

  46. Danilo Fucci

    Agora só falta consagrar um livro em escorpião e eu já vou ter meu próprio kit do “Death Note”!!

  47. Henrique Mota

    Fiz o ritual no segundo dia. Foi super simples, segui o que foi ensinado na Wiki de Ocultismo. Não usei o RMP, mas fiz uma oração BEM forte, para limpeza do ambiente… Invoquei o meu SAG (depois que comecei a realizar o Sefirat ha Omer, ele está mais perto de mim do que nunca… Imagina quando eu terminar o Sefirat! 🙂 ), elevei o meu pensamento à Deus, pedi auxílio aos nossos irmãos espirituais desencarnados, dispostos a me ajudar, e comecei o ritual. Enquanto eu defumava a caneta, foi interessante perceber como a gente serve de “antena” para as energias astrais… Dava para perceber como a energia fluía pelo meu corpo até a caneta. Visualizei o meu sigilo, bem brilhante e bonito, na caneta, enquanto a fumaça dos incensos encostava nela. Terminei o ritual por volta de 1:25. Agora ela está bem guardadinha; essa é a primeira “ferramenta” da minha futura “oficina astral”, com certeza… xD Gostei da analogia entre objetos consagrados e ferramentas de mecânico.

    Que os objetos de todos que conseguiram realizar o ritual sirvam para realizar as suas Verdadeiras Vontades.

  48. simone

    marcelo usei uma nota de 1 dolar era a unica que tinha usei velas amarela , incenso de mirra e uma música om mani padme hum , fiz no meu quarto , pois na casa ainda tinha o pessoal acorda e nao consegui fazer o ritual do pentagrama menor ,mas tudo que fiz foi de todo o coração e passei o dinheiro em frente ao incenso e consagrei com fé minha nota….

    espero ter dado certo …

  49. vladerson

    Ordálias, ordálias…
    Na noite da consagração, acordo pensando que minha familia estava dormindo…q nada, meu irmão acorda pra ir no banheiro, minha mãe no computador em plena madrugada (?) e o unico lugar bom pra fazer a consagração era na sala, mas com todo mundo acordado n dava…então fiz na minha rede mesmo, bem baixinho, com uma musica do celular e tentando ao máximo me concentrar.
    Ok, fiz deu tudo certo ao meu ver…e guardo o bendito objeto na minha escrivaninha, onde ninguém nunca mexeu….até ontem quando minha mãe arruma o quarto tira as coisas da minha escrivaninha e consequentemente toca no objeto consagrado. ¬¬
    Mas é isso ai, como o MDD falou uma vez
    “Não é porque você começou agora que o lado negro vai pegar leve com você…”

  50. Vinicius

    Uma pergunta: o Ritual Menor do Pentagrama pode influir na corrente elétrica? Desde que comecei a fazê-lo do modo correto, deu umas quedas de energia no meu quarto.

    Sem contar que deu interferência na caixa de som quando passei a caneta perto dela, durante a consagração.

  51. Henrique Mota

    Uma dúvida que me ocorreu: como esta caneta foi consagrada para ajudar na Concretização da minha Vontade, um uso útil desta caneta, além da assinatura de contratos relacionados a novos empreendimentos, seria para escrever listas de coisas as quais eu desejo cumprir, definição de metas, etc., você concorda? Como a energia deste período que ocorreu favorece a coragem para começar trabalhos e terminar coisas que já foram iniciadas…

  52. jozu

    Deldebbio, eu sei que esse post é velho, mas uma duvida sobre esse assunto me veio.
    ainda não apareceram os cheques ou as inscrições que eu possa assinar com essa caneta, e enquanto olhava para ela me veio uma coisa em mente.
    Em rituais (como a cruz cabalista) ou na criação de um sigilo, eu posso usar ela? uma vez que em um ritual, eu estou materializando minha vontade em uma visualização, e em um sigilo, materializo minha vontade em um sigilo (duh) através dos símbolos qe ela escreve.
    bom, obrigado =]

    @MDD – Claro que pode! Ela tem a mesma simbologia de uma varinha mágica.

Deixe uma resposta