Reencarnação e Corpo Físico

Eu ia responder isso nos comentários, mas ficou tão extenso, e pode ser que sirva para outras pessoas. Não considero isso exatamente um post, é mais uma conversa de bar, mas vale pela curiosidade:

Cláudio perguntou como seria essa questão de escolhermos previamente a vida que teremos aqui na Terra: “Afinal, o fato de estar desencarnados antes de nascer não nos faz necessariamente sábios a ponto de escolher com perfeição nossos futuros moldes, ou faz?”

Olá Cláudio. Não faz mesmo. Todos nós precisamos de uma certa orientação, de um amigo do “lado de lá”. Nós os conhecemos como Guias espirituais, ou Anjos da guarda, ou Amparadores. São amigos de outras vidas, parentes, pessoas com afinidade e amor um pelo outro. Não precisam ser venerados como anjos, nem acender vela ou incenso pra eles, e sim serem respeitados (afinal, foi você que o escolheu pra essa missão). Se comunicam com você pela intuição, como um pensamento bem no íntimo (eu chamo de “grilo falante”). Dependendo da nossa tarefa e evolução no cumprimento (ou não) dela, podemos ter vários guias durante a vida, assim como temos professores diferentes na alfabetização, colegial e universidade.

São nossos guias que intercedem por nós junto às mais altas esferas, mas como não dá pra subornar o pessoal de lá, o que vale mesmo são nossas ações, nosso merecimento, que cria uma “aura” de afinidade para arrecadar o que necessitamos pra nossa evolução (que nem sempre é o que desejamos).

Mas, como tudo na vida, isso varia de pessoa pra pessoa. vejamos alguns casos:

1- Quando a pessoa é interessada em aprender, em fazer algo pelo semelhante, possui toda a ajuda que os departamentos superiores possam dar. Então o “roteiro” da nossa vida por vezes é traçado cuidadosamente pelo pessoal que cuida especialmente dessas coisas, mas é como a preparação de um exército pra guerra. Traçar um plano é importantíssimo antes da batalha, mas uma vez que ela começa ele é inútil, pois a coisa ocorre de forma inesperada. O importante é ater-se à meta.

2- O roteiro é traçado pela própria pessoa lá do “outro lado”, com o auxilio dos guias. Isso é para pessoas que se garantem, que possuem um grande conhecimento espiritual e muita força de vontade para cumprir o que se dispôs a fazer. Esses sequer precisam de guias “dando sermões” porque agem sempre com virtude, sempre no fluxo.

3- A pessoa não é muito ligada em espiritualidade, mas faz parte de algum grupo espiritual atuante (que chamamos de correntes espirituais, como a dos ciganos, africanos, hindus, etc. Devem existir correntes de evangélicos, rosacruzes, todos esses grupos que se reúnem por afinidade, formando uma egrégora forte). Por exemplo, se uma pessoa pertence originalmente à corrente hindu, mas precisa reencarnar junto com um outro grupo, longe da sua família espiritual, então precisa do apoio de uma corrente “local”, ou seja, ligada àquela família e aos objetivos em comum que desejam atingir naquela encarnação.

3- A pessoa reencarna na zona mesmo e faz o que der na telha. Isso infelizmente é maioria. Gente que quando morre fica vagando pela terra até reencarnar por conta própria, através de afinidade vibracional com a “hospedeira” (a futura mãe). Acaba sem ter nenhum planejamento, sem orientação (porque não querem) e formam a “massa de manobra” dos seres que preferem difundir a ignorância, para assim ter mais poder de manipulação. Agem pelo instinto, comandados pelas necessidades do corpo, espiritualmente não são muito diferentes de um animal irracional (aliás, já tive cachorros com muito mais caráter que algumas pessoas).

Nossos futuros corpos são construídos em torno de nossos moldes energéticos (o corpo astral). Esses moldes são tão sutis que são completamente afetados pelos nossos pensamentos, então podemos dizer que nossos corpos são (em parte) extensões de nossos pensamentos, nossas culpas, complexos, fixações, etc. Tenham em mente que nesse campo metafísico não existem regras inflexíveis, tudo é mutável (a não ser, talvez, os postulados de Hermes Trismegisto), e inúmeros outros fatores (físicos e extrafísicos) podem afetar a formação do corpo. Pode-se pedir ao departamento de reencarnação (engenheiros biológicos, com mais tecnologia que os daqui da Terra, que podem manipular a cadeia de DNA para propósitos evolutivos), por exemplo, que se nasça com um defeito que o impeça de cometer o mesmo erro que vinha cometendo em outras vidas (caso extremo, quando a pessoa sabe que não tem força de vontade pra mudar e precisa de um estímulo grosseiro pra fazer a consciência “pegar no tranco”). O câncer, por exemplo, tem íntima relação com o estado mental / emocional / psicológico da pessoa. Resumindo de forma grosseira: se você é um pessimista, seus anticorpos também serão! Quantos e quantos não viviam razoavelmente bem com um tumor, ou câncer, e morrem logo após descobrir que ele existe? A culpa não é o descobrimento, e sim do estado mental em que a pessoa entra. O desânimo é mais do que compreensível, mas se a pessoa quer prolongar a vida, deve lutar para SER e GERAR vida, e não se tornar uma morte anunciada ambulante. ISSO é botar em prática todos os ensinamentos desse blog, é ser Mantenedor (Vishnu), é ser Deus dentro de você mesmo. Não adianta se pegar com uma imagem de um santo e continuar deprimido, ou doar energias para centenas, mas não ter a energia interna para se reerguer e lutar. Sei que este caminho contra os males da alma (que acabam por influir no corpo) não é fácil, mas é o mais eficiente.

Este post tem 11 comentários

  1. Ramon da Cruz Salgueiro

    Ótimo texto. Parabéns!!!

  2. Hong

    hahaah, muito bom o texto.

  3. Laura

    Você comentou que nossos corpos são em parte formados pelos nossos pensamentos, e isso me lembrou a fisiognomia ( na verdade achei ela faz pouco tempo e não entendi muito ) pelo oque eu entendi ela nos mostra oque as feições de uma pessoa dizem sobre ela.
    Se você souber do assunto você poderia fazer um post sobre fisiognomia ( se tiver tempo, claro), acho que seria interessante.
    Grata desde já 🙂

  4. Jonas

    Acid0, você disse que “o câncer, por exemplo, tem íntima relação com o estado mental / emocional / psicológico da pessoa”. Já ouvi isso no Centro e li em livros também, mas tenho uma dúvida: e no caso dos animais? Do ponto de vista espiritual, por que eles desenvolvem câncer também? Se não me engano, até mesmo as plantas podem desenvolver tumores. Evidente que se assim é, o é por algum motivo, mas gostaria de entender porque esses irmãos menores na escala evolutiva estão sujeitos aos efeitos da Lei de Causa e Efeito, sem possuir o livre-arbítrio e a vida mental e emocional própria dos seres racionais que os habilitaria a gerar karma. Qual é a sua opinião? E a galera do TdC o que diz? Parabéns pelo excelente post, resumiu muitas páginas em um pequeno espaço. Abraço!

  5. Zé da Silva

    Caramba … o trecho …

    “Não adianta se pegar com uma imagem de um santo e continuar deprimido, ou doar energias para centenas, mas não ter a energia interna para se reerguer e lutar. Sei que este caminho contra os males da alma (que acabam por influir no corpo) não é fácil, mas é o mais eficiente.”

    … me acertou como um cruzado de esquerda, bem na ponta do queixo … quase nocaute.

    =)

    1. Yuri Silva

      Que bom, cara! ^^ Espero que você se ilumine ainda mais. Você e todos aqueles que chegam até esse e muitos outros posts relacionados ao assunto. Abraço!

  6. Gustavo C.

    Então tem gente que reencarna na zona, por conta própria, sem orientação nem planejamento.. para mim isso é meio difícil de assimilar, apesar que neste mundo vemos tantas barbaridades que parece que é isso mesmo.. Mas onde posso encontrar mais informações sobre este tópico? Algum livro específico? Se puder indicar, agradeço.

    1. Marcelo

      Gustavo,

      Recomendo a leitura da Série Nosso Lar, do espírito André Luiz, pelo médium Chico Xavier. A partir do segundo livro (Os Mensageiros) começam a aparecer esses assuntos de forma bem interessante.

      No site bvespirita.com você encontra todos esses livros em pdf.

      abs

      1. Zé da Silva

        caramba, que legal !

        Todos os livros com livre acesso ! 🙂

        São livres mesmo, ou são “livres” ?

        Abraços !

  7. angus

    Otimo texto, parabens pra ti. 🙂

  8. Rafael

    É possível um humano morrer e reencarnar em um animal? É possível um extraterrestre reencarnar aqui na Terra, ou humanos reencarnar em outro planeta?

Deixe uma resposta