Para que servem os Exercícios Básicos do Hermetismo?

hermetismo-exercicios

“MDD, me explica algo:
Me impressiona muito todos esses exercícios colocados no site, e os colocados no Arcanum Arcanorum. Parece algo impressionante que nos motiva a explorar o invisível.
Mas, falta algo fundamental: PRA QUE SERVE TUDO ISTO? VOCÊ DÁ O EXERCÍCIO MAS NÃO DIZ PARA QUE SERVE!
Praticar os exercícios de visualização, da vela, diário do sonho, projeção astral, tudo isto: Vai nos fazer Feliz? Nos fará nos conhecermos melhor? Fará nos sentirmos mais vivos? Encontraremos nosso “Anjo Guardião”? E que diabos é isso afinal? Como uma pessoa pode se motivar a atingir um objetivo se ele não foi descrito com precisão?
Enfim…se puder responder….”

Salve, pequeno gafanhoto!

Pela sua pergunta, sinto que está tão perdido que não sabe nem por onde começar pois os exercícios não possuem relação com as perguntas que você fez… você pergunta se alguma coisa “vai te fazer feliz?” quando você nem sabe o que te deixaria feliz ou o que você quer. Antes de eu perguntar se “saltar de paraquedas vai me fazer feliz?” eu deveria perguntar “Eu gostaria de saltar de paraquedas?” pois as respostas para estas perguntas são diferentes para cada pessoa… O hermetismo não ensina um “Caminho único para a felicidade”, quem promete isso (e nunca entrega) são as religiões dogmáticas, que fazem você se tornar um cachorro amestrado. O Hermetismo providencia FERRAMENTAS para que você mesmo faça a transformação dentro de você e descubra o que você precisa para Realizar sua verdadeira Vontade. O “Encontro com o Anjo Guardião” não é algo que se aprenda em um cursinho de final de semana, mas o resultado final de meses; as vezes ANOS de aperfeiçoamento das suas próprias potencialidades, e MESMO estes exercícios não são garantias de que vai funcionar para você especificamente, porque o Caminho para CADA pessoa é diferente e único. Os exercícios ajudam na DESCOBERTA de cada caminho.

Todos os exercícios básicos de hermetismo existem como bases para o desenvolvimento dos sentidos que na maioria das pessoas estão adormecidos ou sequer foram explorados. São os primeiros passos para afinar seus sentidos de modo que possam aproveitar melhor e conversar melhor com os Grandes Símbolos Arquetípicos.


Exercícios de Visualização são exercícios para treinar a sua mente a projetar objetos no campo mental/astral. Quando se pede para alguém imaginar um pequeno ratinho dançarino bailando diante do teclado ou sobre um móvel próximo de onde você está por, digamos, dois minutos sem parar, a imensa maioria das pessoas comuns não é capaz disso. Por que? porque não possuem mais imaginação; não conseguem construir formas abstratas mentais e muito menos animá-las e muito menos ainda manter o pensamento por um período curto de tempo. Estes exercícios servem para fortalecer a visualização/concentração, que é o primeiro passo dentro do hermetismo e da Capacidade de CRIAÇÃO. Os grandes artistas são capazes de “enxergar” suas obras em suas mentes muito antes de dar a primeira pincelada no papel. Um arquiteto consegue enxergar um edifício no espaço conforme vai traçando suas portas e janelas; um atleta consegue realizar suas acrobacias em sua mente inúmeras vezes antes de executá-la. Um executivo consegue visualizar em sua mente todas as metas traçadas no papel e como cada recurso será administrado em cada etapa do desenvolvimento de um projeto; um médico bem sucedido consegue visualizar em sua mente cada etapa de uma cirurgia e todos os pontos que podem dar errado, bem como o que faria para corrigi-los.

Uma pessoa sem imaginação é um zumbi sem capacidade para criar seu próprio futuro, pois não é capaz de VISUALIZAR suas próprias ações e construções. Um líder é, antes de tudo, um visionário e, por visionário, digo “aquele que visiona”, ou quem é capaz de enxergar através da janela de HEH até a Sabedoria de Hochma. A Visualização é o Exercício básico de HOD, pois ele nos dará o domínio cada vez maior sobre nossas formas.

O Exercício da Vela lida com “limpar a mente” e com “manter a Vontade” em um objetivo. Nestes dias de Twitter e Facebook, a atenção das pessoas está pior que a de um peixe dourado e sua capacidade de focar em um objetivo ou se concentrar está cada vez mais rara. Até mesmo textos grandes como os que eu coloco aqui no teoria da Conspiração ficaram fora de moda… o fácil agora é ficar passivo escutando algum “youtuber” falar e falar… Quando o estudante acalma a mente em sua meditação e limpa os pensamentos, ele começa a identificar o que é um pensamento real e o que é ruído do dia-a-dia. Conforme mantém a concentração por mais tempo, mais facilmente consegue limpar o que não é essencial de seus objetivos.

Alinhamento dos Chakras é um exercício composto de respiração, meditação e visualização criativa que faz com que consigamos nos centrar no AQUI e AGORA do nosso corpo. É um exercício que possui muitas variações e que serve para acalmar a mente de todos os distúrbios do dia-a-dia e pensamentos corrosivos que atrapalham a pessoa de FOCAR naquilo que deseja estudar ou trabalhar. Serve para manter a concentração e limpar pensamentos poluídos.

O Templo Astral é um exercício mental que trabalha ao mesmo tempo a memória, visualização criativa e subconsciente. Ao colocarmos na forma de SÍMBOLOS nossos medos, desejos, problemas e soluções, o Templo Astral nos ajudará a interpretar estes símbolos e a nos conhecer melhor. Nosso “local seguro” onde podemos meditar, estudar e nos acalmar, além de construir formas-pensamento que trabalharão junto conosco em nossos trabalhos práticos. Por exemplo, se você escolhe representar um relacionamento seu com uma árvore plantada no jardim de seu templo, seu inconsciente conecta este símbolo com aquilo que você vivencia no dia a dia. Se o seu relacionamento está ruim, a mente inconsciente automaticamente transforma aquela forma e aquela árvore apresentará problemas, podendo murchar, envenenar-se ou escurecer; por outro lado, se seu relacionamento está fruitivo, a árvore também estará próspera e vistosa. Todos estes símbolos, uma vez colocados em seu templo Astral, operam independente da sua vontade consciente, trazendo do seu interior mais verdadeiros símbolos que seu consciente pode interpretar, por isso é um exercício tão importante manter e trabalhar um Templo Astral.

O Diário Mágico é um nome bacana para o “Journal” que todo cientista deve fazer. Ele traz anotações sobre seu dia-a-dia, como um diário onde você anotará todo o seu progresso no seus estudos, emprego, vida emocional e espiritual. Com ele pode-se acompanhar o próprio caminho e traçar as diferenças entre quem você é hoje e quem você era um ano atrás. Sem o Diário mágico, nossa mente e memórias nos pregarão muitas peças e distorções que acabam atrapalhando o real conhecimento de quem somos.

A Cruz Cabalística e o Ritual Menor do Pentagrama utilizam-se de todos os exercícios acima para traçar um “Local Seguro” astralmente, limpando a área onde você o realiza contra quaisquer interferências astrais, mentais ou emocionais. É o Exercício mais importante dentro do hermetismo pois cria um espaço ideal para meditação e trabalhos dentro de qualquer Egrégora.

Todos estes exercícios podem ser encontrados no meu curso gratuito de Exercícios Básicos de Hermetismo, no Eadeptus.

Este post tem 15 comentários

  1. Aidoneus

    Sair do Templo sempre de costas para a porta, voltado pro Sanctum, saudando de forma reverente antes de ir, e o mesmo ao entrar, também são pontos importantes na criação d’um espaço Sagrado. Se possível, faça o mesmo ao entrar e sair de casa ou quarto reservado, voltado para a Klibah.

  2. Wilins

    A três anos atrás quando comecei esses exercícios tinha dificuldes em realizar programacoes de sistemas de automação, hoje devida à muita prática de visualização, durante as reuniões e até definicoes de descritivos operacionais de processo, durantes as conversas já vou observando em minha mente como toda a programação será feita, realmente é algo fantástico, e fora de vc levar certos problemas de programação para seu templo Astral e do nada no trabalho vc ter insiths para solução das lógicas. Abraços

  3. Anônimo

    Também estou meio perdido que nem o sujeito que te mandou isso, parei no Atrio 3 da Arcanum Arcanorum e parei com os livros da Astrum Argentum também por uma simples e súbita “crise de descrença” na magia e misticismo em geral…A gente começa a interessar em uma coisa e passa a ver que as próprias pessoas que seguem esses caminhos estão desgovernadas e com mais problemas que eu.Isso me fez questionar a validade de tudo isso.To voltando agora,mas ainda sem saber por onde ir. Não sinto que é falta de vontade de minha parte, é mais falta de pra onde apontar.O negócio é peneirar…E o mais estranho é que as proprias pessoas falam que isso que estou passando é até benéfico, dar um tempo e tal…o que acha?Ainda posso ter esperança que ordens e “currículos” podem me ajudar a sair dessa areia movediça e essa punhetação intelectual( que nem tenho conteudo suficiente pra punhetar kkkkk) sem fim que é o meio ocultista?
    Seus textos voltaram na hora certa! 🙂

    “Pertencer a uma Ordem Iniciática não faz de você uma pessoa melhor,
    Ter muitos conhecimentos magísticos não faz de você uma pessoa melhor,
    Estar em uma religião não faz de você uma pessoa melhor,
    Ser uma pessoa melhor faz de você uma pessoa melhor“.
    – Frater Alef

  4. Pandimah

    Sempre tive facilidade pra visualizar.
    Mas o da vela foi dificílimo pra mim. Tenho muita energia, fico me mexendo toda hora. Só tive um progresso considerável quando percebi que: quando fico um pouco cansada (depois de gastar esse excesso de energia) eu consigo fazer.
    Eu não sei se é correto, mas é o que me faz “sentar a bunda na cadeira” e focar no ponto sem piscar. rsrsrs

    São exercícios maravilhosos.

  5. William

    Eu estou perdido como a pessoa que não sabe praquê fazer esses exercícios. O que fazer quando se é uma pessoa que quer ser perfeita pra lidar com essa realidade pesada e não querer ser só mais um entre bilhões?
    Eu fico em busca de exercícios para ter uma memória melhor, concentração, equilíbrio emocional e inteligência em todas as esferas, melhor produtividade na vida pro e pessoal. Mas não para por aí, eu fico em busca de eliminar tudo que prejudica em todos os quatro planos, mas é difícil quando não se consegue desfazer sequer de músicas barulhentas(inclusive mesmo no almoço não largo a música, quando não é vídeo do de YouTubers) e espantar aquela succubus(kkkk).
    Eu quero ser e levar uma vida como promete esses Coaching, em busca de qualidade de vida, bem estar, ter saúde financeira, física, boa estrutura familiar, aí fico querendo fazer meditação , Yoga, exercícios de concentração, ir a um psicólogo, psiquiatra, e tudo que se vê por aí, mas não consigo fazer nada. Além de descrer se é possível tudo isso nessa atualidade.
    Tenho um problema sério: querer que todas as minhas potencialidades sejam elevadas! 🙁

    1. Gus

      E bem complicado. Parei na Apostila 4 do AA. Ja estou a 2 anos tentando correr atras mas esta dificil. Minha loja parecia uma reuniao de condominio e so vivia de simulacoes. Depois do nascimento do meu filho dei um tempo. Minha loja Rosa Cruz tem uma fixacao em Teosofia que me deixa um pouco descontente. Procuro fontes seguras para estudar e nunca acho … E casca dura … Mas continuo marretando a espada do meu jeito mas vou em frente … Sorte e sucesso

    2. Carlos

      Pra sua primeira pergunta eu tenho uma resposta:
      Tomar um chá de realidade, mesmo querendo não ser apenas mais um no meio de bilhões, você sempre será apenas mais um nesse meio de bilhões, sendo o melhor ou o pior, daquele com QI de 200 até aquele com QI negativo.

      O que muda é só a forma q vc vai ser tratado pelas pessoas, mas dai basta meia dúzia de gente gostando de você que você começará a chamá-los de amigos e dai esquece que tem um monte de gente ao qual a sua existência não faz um pingo de diferença e vice-versa, como sempre foi.

  6. Felipe Soares

    Willian, acho que isso é um problema comum para aqueles que iniciaram o caminho.
    Eu já comecei e parei 4x meus exercícios de hermetismo, ainda não passei da primeira monografia porque sou honesto o bastante comigo mesmo para saber que não estou preparado. Em meus exercícios de visualização, aparece somente cores e formas abstratas totalmente misturadas e não da pra ver nada, isso me fez parar as 4x porque por alguns momentos achei que nunca ia conseguir nada além daquilo. Outro ponto é que minha mente é muito barulhenta e olha que a 2 anos atras eu comecei a trabalhar isso, claro que já melhorou e muito do que era no início mas tive 27 anos para enche-la de coisas inúteis então com certeza não será de uma hora pra outra para esvaziar.
    Bom, comecei novamente a mais ou menos 3 semanas os exercícios e na segunda semana a entidade com quem trabalho na Umbanda me mandou o recado “ou segue o que está disposto a fazer ou abandone de vez a ideia e pare de brincar com isso”.
    Engraçado porque agora mesmo que bem vagarosamente estou sentindo que está dando certo, claro que bem vagarosamente. O diário mágico me ajudou a perceber isso pelas comparações de dias atras.
    Como o MDD sempre fala, essas coisas são como flexões de braço, elas só farão efeitos a longo prazo, principalmente para aqueles que tiveram uma mente “alienada” a vida toda, mas não existe mente que não possa ser mudada ou moldada, afinal o Universo é todo mente.
    Uma outra analogia é com as encorporações da Umbanda. Eu girei, girei, girei…. por quase um ano e não sentia nada. Cheguei a pensar em abandonar o terreiro, pensar que todo mundo lá era louco, que estavam fingindo, enfim, girei, girei, girei e hoje em dia já sinto as energias de uma forma muito mais ampla e consigo ter incorporações, ainda que esteja no inicio da caminhada.
    Não sou nenhum expert (ainda) para dar um bom conselho a vocês mas essa é minha experiência real com tudo isso, enfim, pratiquem, deem um tempo se necessário, mas se isso de magia não sai da cabeça de vocês, voltem e pratiquem, pratiquem e pratiquem! Vai dar certo.

  7. Franco-Atirador

    “Por exemplo, se você escolhe representar um relacionamento seu com uma árvore plantada no jardim de seu templo, seu inconsciente conecta este símbolo com aquilo que você vivencia no dia a dia. Se o seu relacionamento está ruim, a mente inconsciente automaticamente transforma aquela forma e aquela árvore apresentará problemas, podendo murchar, envenenar-se ou escurecer; por outro lado, se seu relacionamento está fruitivo, a árvore também estará próspera e vistosa. Todos estes símbolos, uma vez colocados em seu templo Astral, operam independente da sua vontade consciente, trazendo do seu interior mais verdadeiros símbolos que seu consciente pode interpretar”

    SENSACIONAL! Excelentes esclarecimentos. Me animou muito para retomar esses estudos que a tempos abandonei e estou incomodado querendo voltar.

    Obrigado!

  8. Joao

    O melhor exercício que se pode fazer é prestar atenção no aqui e no agora

  9. Carlos Roberto

    muito bom!
    sábias palavras de Frater Alef.

  10. Richelieu

    Quando você diz:

    “Uma pessoa sem imaginação é um zumbi sem capacidade para criar seu próprio futuro, pois não é capaz de VISUALIZAR suas próprias ações e construções. Um líder é, antes de tudo, um visionário e, por visionário, digo “aquele que visiona”, ou quem é capaz de enxergar através da janela de HEH até a Sabedoria de Hochma. A Visualização é o Exercício básico de HOD, pois ele nos dará o domínio cada vez maior sobre nossas formas.”

    Você quis dizer que as pessoas que não conseguem visualizar/imaginar seus sonhos e objetivos, elas não conseguem se motivar a alcançá-los, e portanto, ir de encontro a sua verdadeira vontade? Porque eu me identifiquei com o que você disse… eu nunca pensei no futuro e minha vida sempre foi um fardo, tenho 28 anos e não tenho sonhos nem objetivos, me formei e odeio o que faço. Não há nada que eu goste. Nunca me motivo a alcançar algo.

    Enfim, se possível, comente livremente…

    @MDD – Infelizmente sim. A pessoa que não consegue se ver daqui um ano, ou dois anos, ou seis meses em algo que esteja planejando; que não consegue ter THELEMA (Vontade) ou direcionamento ou sequer saber por onde começar. Por isso a Imaginação é tão importante e Por isso que as religiões, seitas, ditaduras e coletivos fazem o possível e o impossível para restringir o acesso de seus membros à diversidade de pensamento. Cortam as asas da pessoa, quase literalmente. Faça os exercícios do AA, especialmente o Exercício do Monge, para tentar ter uma idéia do que voce esta fazendo com a sua vida sob uma nova perspectiva.

    1. Richelieu

      Hmmm… Muito instrutivo…. Sempre me senti culpado por não progredir em qualquer coisa que faço em comparação com as pessoas que provavelmente seguiam a sua verdadeira vontade e se realizavam no que faziam…, A única motivação que tive para fazer as coisas era o medo: medo da reprovação dos meus país, medo de ficar pobre etc. O exercício do monge está em que monografia do AA? Eu ainda estou na monografia 2 do AA.

  11. FT

    Obrigado. Esse post foi Muito esclarecedor.

  12. Eduard Peralta

    A gravura do post já é autoexplicativa. Ja explica mta coisa

Deixe uma resposta