Palestra – Medicina Tradicional Chinesa

Dia 04 de Abril, sábado, as 10:00 hs.
Palestrante: Marcus René Magalhães
Evento gratuito, solicitando-se a doação de 1kg de alimento não perecível.
Local: Rua São Joaquim, 457 – Liberdade
Essa palestra é direcionada às Mulheres, porém aberta ao público.

Origem da Medicina Chinesa. Yin/Yang explicações dessas forças antagônicas. Teoria do Tao. Hormônios e visão holísticas homem/mulher. Diferenças entre Homem/mulher. Definição e explicação dos cinco elementos ou cinco movimentos. Relógio Cósmico ou Médio dia/meia noite. O Toque. Meridianos e seus caminhos. Pontos e suas aplicações. Auto – massagem.

Marcus René Magalhães tem Atuação e Experiência Profissional de mais de 20 anos em atendimento clínico com Medicina Complementar (Acupuntura, Auriculoterapia, Fitoterapia, Shiatsu, Do-In, Quiroprática, entre outros métodos). Especialista em Acupuntura Chinesa em Fujiam (China). Professor de Massoterapia Holística com Fundamentos em Medicina tradicional Chinesa. É Responsável pelo projeto SOS Criança/Febem (atendimento a menores carentes). Ministrante de Cursos e Palestras na Área de Medicina Tradicional Chinesa. Colaborador da Revista Bons Fluídos, Jornal da Tarde e Jornais de Bairros.

Estarei em um curso para maçons no mesmo prédio, no mesmo dia e horário. Depois da palestra, podemos marcar um almoço do TdC.

Este post tem 10 comentários

  1. PeX

    Falando em medicina… lembrei que há muito tempo li um livro chamado Medicina Oculta, do Samael Aun Weor. Ele diz muita coisa sobre remédios naturais, ervas e plantas, tattwas, diz ele que alguns tipos de plantas podem atear fogo numa cidade por exemplo.

    Desculpe minha falta de conhecimento mas ele quis dizer realmente isso ou é pra ser interpretado?

    @MDD – Só se forem plantas terroristas…

  2. Laura

    Que legal MDD!!! vou tentar ir!!!!

  3. Laura

    e o local onde vai ser o almoço???

    @MDD – Um restaurante chinês chamado Ban-Wa, que fica ali na Liberdade. O horário não sei… depende de que horas terminar a palestra/curso

  4. rrollisso daniel diego

    Massa…..por ser de dia, da pra sair daqui e ir tranquilo que tem onibus de volta….morar fora da capital é complicado, mas morar ai deve ser mais ainda hehehe

  5. Laura

    Eu li um artigo do Samael que dizia mais ou menos isso que o Pex falou tbm, mas pelo que eu entendi, não era bem a planta em si que botava fogo nas coisas, e sim os elementais do fogo relacinados a planta, (mas isso se já tivesse um foco no local, por exemplo velas), lá contava a lenda de uma tribo de indios que dominava os elementais do fogo e utilizaram esse poder pra se vingar de um povoado vizinho ordenando aos elementais do fogo para que destruissem esse povoado…
    Li no livro “Clavicula de Salomão” que é perigoso invocar os elementais do fogo sem ter conhecimento, e quando eles aparecem podem surgir efeitos como ondas de calor, e se tiver velas por perto por exemplo, eles podem causar incendios, por serem de natureza descontrolada…

    @MDD – Sim, elementais do fogo são, pela sua própria essência, os mais perigosos de se lidar. A ciência ortodoxa chama de “combustão instantânea” muitos casos “inexplicáveis” de pessoas que simplesmente pegam fogo do nada. Já vi diversos relatos de magistas incautos que tiveram suas residências totalmente consumidas pelo fogo, e depois a causa do incêndio é creditada a algum “acidente com velas”.

  6. Hikarus

    Tio Del Debbio, será que o palestrante não poderia escrever um post sobre isso aqui no TDC? Digo isso pq muitos leitores não poderão assistir ao vivo a palestra, mas gostariam de ouvir sobre o assunto de uma fonte séria.

  7. Márcio Melo

    Eu iria se não fosse no horário da reunião do Capítulo…

  8. PeX

    ISSO ISSO ISSO ISSO!

    Obrigado Laura. Estava com enorme dúvida.

  9. Ranieri

    Curiosidade,como saberemos quem é quem depois da palestra?Seria bom alguém levar uma placa com o inscrito “Teoria da Conspiração”.xD
    Vlw

Deixe uma resposta