Mapa Astral de Friedrich Nietzsche

Crítico da cultura ocidental e suas religiões e, consequentemente, da moral judaico-cristã. Nietzsche é, juntamente com Marx e Freud, um dos autores mais controversos na história da filosofia moderna, isto porque, primariamente, há certa complexidade na forma de apresentação das figuras e/ou categorias ao leitor ou estudioso, causando confusões devido principalmente aos paradoxos e desconstruções dos conceitos de realidade ou verdade como nós ainda hoje os entendemos.
Nietzsche, sem dúvida considera o Cristianismo e o Budismo como “as duas religiões da decadência”, embora ele afirme haver uma grande diferença nessas duas concepções. O budismo para Nietzsche “é cem vezes mais realista que o cristianismo” (O anticristo). Religiões que aspiram ao Nada, cujos valores dissolveram a mesquinhez histórica. Não obstante, também se auto-intitula ateu.

Para Nietzsche o homem é individualidade irredutível, à qual os limites e imposições de uma razão que tolhe a vida permanecem estranhos a ela mesma, à semelhança de máscaras de que pode e deve libertar-se. Em Nietzsche, diferentemente de Kant, o mundo não tem ordem, estrutura, forma e inteligência. Nele as coisas “dançam nos pés do acaso” e somente a arte pode transfigurar a desordem do mundo em beleza e fazer aceitável tudo aquilo que há de problemático e terrível na vida.
Nietzsche passou os últimos 11 anos da sua vida sob observação psiquiátrica, inicialmente num manicômio em Jena, depois em casa de sua mãe em Naumburg e finalmente na casa chamada Villa Silberblick em Weimar, onde, após a morte de sua mãe, foi cuidado por sua irmã. Como diria o Datena, “Falta de Deus no coração”.
O Mapa de Nietzche possui Sol em Libra; Lua, Ascendente e Caput Draconis em Sagitário (por “enorme coincidência” justamente as energias mais voltadas para a filosofia e academia). Uma pessoa com facilidade para se comunicar e entender os outros e cujo mapa é voltado para Filosofia. A inclinação para observar o mundo ao redor e tirar conclusões é extremamente marcante no Mapa de Nietzche (Stellium de Lua, Ascendente e Caput Draconis com menos de 2 graus entre eles). Some a isso Marte e Mercúrio em Virgem-Libra (Rainha de Espadas, a energia mais fria e cínica do zodíaco, manifestada nele na forma de pensar e de lutar/gastar energia) e Saturno em Capricórnio-Aquário (Cavaleiro de Espadas, a pessoa que consegue enxergar as regras do mundo ao redor e quebrá-las influenciano o planeta ranzinza).
Uma Aspectação importante a ser destacada neste Mapa é a Oposição de Urano (seu Planeta mais forte com nada menos do que 9 Aspectações) em Peixe-Áries (Rainha de Bastões, que indica energia relacionada com conselheiros filosóficos) com Marte (em Virgem-Libra, a energia cínica que falei acima).
Resumindo o Mapa: o tio Bigodudo era mesmo um filósofo osso duro de roer mas, no final da vida seu ceticismo e ateísmo exagerados entraram em conflito com seu Júpiter em Peixes (facilidade para entrar em contato com o Astral). Os biografos de sua vida dizem que ele se tornou esquizofrênico por conta da Sífilis, embora esta avaliação seja controversa… é possível que um ateu de pedra como ele tenha simplesmente ficado louco com as coisas que via e ouvia como médium, já que não acreditava em nada espiritual…

Este post tem 35 comentários

  1. Ghabriel

    Aquele que luta com monstros deve acautelar-se para não tornar-se também um monstro. Quando se olha muito tempo para um abismo, o abismo também olha para você.
    Não é Chorozon ?

  2. Jorgera'

    Esse cara é muito foda!!!

  3. raph

    Ele recitou esse poema de autoria própria ainda durante a juventude, acredito que tinha entre 18 e 22 anos (é muito provável que ele tenha estudado mitologia e ocultismo na época):
    A Oração ao Deus Desconhecido
    Antes de prosseguir em meu caminho
    e lançar o meu olhar para frente uma vez mais,
    elevo, só, minhas mãos a Ti na direção de quem eu fujo.
    A Ti, das profundezas de meu coração,
    tenho dedicado altares festivos para que, em
    Cada momento, Tua voz me pudesse chamar.
    Sobre esses altares estão gravadas em fogo estas palavras:
    “Ao Deus desconhecido”.
    Seu, sou eu, embora até o presente tenha me associado aos sacrílegos.
    Seu, sou eu, não obstante os laços que me puxam para o abismo.
    Mesmo querendo fugir, sinto-me forçado a servi-lo.
    Eu quero Te conhecer, desconhecido.
    Tu, que me penetras a alma e, qual turbilhão, invades a minha vida.
    Tu, o incompreensível, mas meu semelhante,
    quero Te conhecer, quero servir só a Ti.
    — Friedrich Nietzche (traduzido do alemão por Leonardo Boff, no livro Tempo de Transcendência)
    ***
    Isso é polêmico?
    Haha como sei que alguns ateus ficam escandalizados e dizem que é impossível ele ter escrito isso, aqui vai mais informação:
    Muitos dividam que Nietzche possa ter feito tal poema, mas não sabem que o “deus” que ele queria matar era o “deus criado pelos homens”, e não o Deus desconhecido.
    Algumas referências em inglês do poema (em português tb temos inúmeras referenciando a mesma tradução de Leonardo Boff):
    http://www.geocities.com/thenietzschechannel/npoem.htm
    http://books.google.com.br/books?id=BSQJgIKTJ7QC&pg=PA11&lpg=PA11&dq=God+unknown+Nietzsche+poem&source=bl&ots=3QEgzPxq-o&sig=n6dHBhusxVsj2anF9yUaTyEX0W4&hl=pt-BR&ei=NSA4SvTSGtyMtgfUkM3ICQ&sa=X&oi=book_result&ct=result&resnum=6
    http://www.rhizome.org/discuss/view/42457
    ***
    Um trecho que é particularmente profundo no poema, e que abre espaço para muitas reflexões de quem tem olhos pra ver:
    “Tu, o incompreensível, mas meu semelhante”
    Abs
    raph

  4. raph

    Trecho do último link no meu último comentário (refere-se diretamente ao poema):
    “This remarkable image of the hunter-god is not a mere dithyrambic figure of speech but is based on an experience which Nietzsche had when he was fifteen years old, at Pforta. It is described in a book by Nietzsche” sister, Elizabeth Foerster-Nietzsche. As he was wandering in a gloomy wood at night, he was terrified by a “blood-curdling shriek from a neighbouring lunatic asylum,” and soon afterwards he came face to face with a huntsman whose “features were wild and uncanny.” Setting his whistle to his lips “in a valley surrounded by wild scrub,” the huntsman “blew such as a shrill blast” that Nietzsche lost consciousness –but woke up again in Pforta. It was a nightmare. It is significant that in his dream Nietzsche, who in reality intended to go to Eisleben, Luther” town, discussed with the huntsman the question of going instead to “Teutschenthal” (Valley of the Germans). No one with ears can misunderstand the shrill whistling of the storm-god in the nocturnal wood. “

  5. yissai

    mto bom!
    DD, não seria interessante analisar, além dos grandes personagens, os grandes acontecimentos e datas historicas a partir da astrologia? ou não tem o mesmo fundamento/profundidade que analisar a vida de uma pessoa?
    uma sugestao seria começar a explicar o dia 09/11/1989. que tal?

  6. Anderson

    Devia ser cruel para ele ter “clara” visão do plano astral e ao mesmo tempo não acreditar nisso, sendo ateu. Deve ter morrido petrificado e pouco lapidado.

  7. yissai

    um adendo à sugestao de analisar datas historicas pela astrologia:
    além do 09/11/1989, temos o 09/11/1799
    🙂

  8. Alef

    Rapaizzzz, Nietzsche tinha a saúde muito frágil. No fim da sua vida lutou contra uma enfermidade na cabeça (tumor, nódulo, sei lá). A história de que era ateu é controversa também. Para uma boa repercussão das suas teorias não cairia bem ainda tentar invertar um novo rótulo para um posicionamento filosófico como o dele (deixa isso pra lá). Costumo dizer que Nietzsche é altamente recomendado para quem pretende desencadear um processo de desconstrução (desprogramação) dos paradigmas de pensamento impostos e impulsionar o espírito crítico ao máximo, mas apenas para queles que estão habituados a textos filosóficos com toda aquela linguagem particular e alguém que tenha alguma base em filosofia. Para o leigo, os livros são como panfletos ao acaso. E por favor, não façamos a barbaridade de tentar aproximar Nietzsche de Crowley, pois seus pensamentos só se assemelham no nível da intuição. O resto é bobagem. Desculpem pelo textão, é que o caso merece!

  9. Victor

    Ele não era simplesmente cético… Se tiver um tempo livre, leia “Schoenhauer as an educator”, Schopenhauer era para ele um mestre. Nietzsche viu no “mundo como Vontade e como Representação” o ponto mais elevado que a filosofia poderia alcançar em seu momento; disse ele que no momento que leu o livro, não conseguiu parar de ler até que chegasse ao final, e sentia que o livro fosse escrito para ele (como a grande maioria dos leitores de Schopenhauer sentem também eu acredito). Sua admiração era tão grande que ele não conseguia enxergar contradições na filosofia schopenhaueriana.
    Com isso tudo quero dizer que Nietzsche não tem muitas teorias próprias, ele simplesmente tornou mais popular e mais “divertido” toda a filosofia de Schopenhauer, o ceticismo dele se da pelo conhecimento da filosofia schopenhaueriana, que é por si só cética em muitos pontos. E ele acreditava na imortalidade da alma, era quase um panteísta (não acreditava em um deus, a natureza para ele era toda uma deidade), e dai se tira a relação dele com o budismo; de forma que o que corrói todo esse conhecimento que é “cem vezes mais real que o cristianismo” é a própria ignorância humana.
    Algumas frases do livro “O mundo como vontade e como representação” de Schopenhauer:
    “O mundo é a minha representação”
    “O homem comum, esse produto de fábrica da natureza, que ela produz aos milhares todos os dias, é, como dito, completamente incapaz de deter-se numa consideração plenamente desinteressada, a qual constitui a contemplação propriamente dita. Ele só pode direcionar a sua atenção para as coisas na medida em que estas possuem alguma relação, por mais indireta que seja, com a sua vontade.” (pág. 256)
    “O resultado é que, libertos do si-mesmo sofredor, tornamo-nos, como sujeito do conhecer, inteiramente unos com os objetos; e, assim como nossa necessidade lhes é estranha, assim também, nesse instante, semelhante necessidade é estranha a nós mesmos. Resta apenas o mundo como representação; o mundo como Vontade desapareceu.” (pág. 270)
    “Os dogmas mudam e o nosso saber é enganoso, mas a natureza não erra: sua marcha é segura e certa. Todos estão integralmente nela, e ela está integralmente em todos. Em cada animal ela tem o seu centro. O animal encontrou seguramente seu caminho para a existência, assim como seguramente encontrará a saída.” (pág. 365)
    “Todos irão facilmente reencontrar O MESMO na vida dos animais, apenas expresso em variados graus mais baixos e mais fracos; e assim nos convencer suficientemente de como em essência, incluindo-se também o mundo animal que padece, TODA VIDA É SOFRIMENTO.” (pág. 400)
    Para quem quiser conhecer um pouco mais de Nietzsche, a leitura de Schopenhauer é extremamente necessária : )
    “Nature is a bad manager; her expenses are far greater than her profits: for all her riches she must one day go bankrupt” (Friedrich Nietzsche)

  10. Rafael

    Acompanhando as postagens os mapas astrais. Crowley viveu uma vida Rock’n Roll. Nietzsche falou do Budismo nos seu estudos. Me lembrei de um Rockstar que viveu os excessos do Rock dos anos 90 e sobreviveu e virou Budista. Diferente do Kurt Cobain que tinha uma amigo imaginário chamado Buda e um banda com nome Nirvana. Kurt e ele eram amigos.
    Então passo minha sugestão de Mapa astral. Queria ver do Vocalista do Red Hot Chili Peppers. Ele teve uma história de vida conturbada. Pelo que refleti e seguiu sua Verdadeira Vontade.
    Anthony Kiedis
    1 Novembro 1962 as 5:00 da manhã
    Grand Rapids – Michigan
    Outra coisa. Li num artigo que o dia influência na personalidade da pessoa ( alem do mapa astral). Exemplo pessoas nascidas no dia Primeiro, tem vocação para liderança. O exemplo acima confirma este artigo. Isso Procede ?
    Sei que as pessoas que lêem o seu blog prefeririam ver os mapas do John Frusciante e do Flea pela habilidade musical. Acontece que os aniversários deles estão longe. Se eu me lembrar posto próximo as datas.

  11. reginaldo giassi

    Mensagem póstuma de Nietzsche…
    “Hoje sou ateu, graças a Deus”
    \o/

  12. moscavich

    Niilismo de Nietzsche.
    Quem quer ser niilista deve primeiro niilizar-se…

  13. Lucas.

    A filosofia de Nietzsche é muito foda (Como a pessoa Nietzsche parece-me ser).
    Agora seria um abuso pedir a análise do mapa de Oscar Wilde? Hehe, um mapa seguido do outro é meio chato.
    Eis os dados:
    Oscar Wilde, nascido em 16 de outubro de 1854 às 03 horas da manhã, em Dublin, Irlanda.

  14. Danilo Fucci

    Legal tbm notar a conjunção de Mercúrio e Marte com o Meio do Céu que dá a ele a mente agressiva e impetuosa, utilizada na carreira.

  15. Saladino

    Estou fazendo um curso sobre mediunidade no centro espírita que frequento. Essa semana, o professor estava contando que foi atender uma paciente em casa (ele é médico), quando acabou, ele saiu do quarto aonde estavam e ela o apresentou à um tio dela, que era umbandista.
    O médico disse que o tio ficou encarando ele uns 10 segundos e quando o professor disse que tinha q ir embora o tio perguntou se ele nao poderia ficar uns 15 minutos a mais para que eles conversassem, ele disse que sim e foram p um quarto.
    Quando eles fecharam a porta, um preto velho incorporou no tio e disse, com aquele sotaque característico, se ele tinha alguma pergunta para fazer. Entao, o medico perguntou o porque do uso das bebidas alcoolicas na umbanda, quando respondeu, a entidade ja se manifestou sem nenhum trejeito ou sotaque, falando como uma pessoa normal, ou melhor, extremamente culta. A entidade explicou para ele todos (ou uma parte, sei lá) dos simbologismos da umbanda, explicando porque e para que se faz cada coisa (e ele ficou lá aprendendo mt mais que os 15 minutos, hehehe).
    Achei mt interessante essa história, e acho que seria legal um post sobre esses simbolismos (como as flores diferentes, o charuto, etc)
    Abs

  16. vander

    O pai dele era um pastor, talvez isso tenha influenciado a sua revolta contra a religião, oque me deixa ressabiado é pensar em porque alguém tão inteligente tenha tido um fim dolorido como esse

  17. Amábile

    Tio, quando seria melhor fazer exercícios de concentração (o da vela, por exemplo) e meditação, antes ou depois de exercícios físicos?
    Abraços

  18. Mariana Nobre

    Não é por nada não .. mas acho que no tempo do Nietzsche, a sífilis era tipo a “laranja” da época né?!
    Quantas pessoas poderiam estar na mesma situação que a dele e também foram tachadas como loucas?

  19. Alexandre

    Ao Saladino. Procure e leia o lIvro UMBANDA – A PROTOSINTESE COSMICA.

  20. Joao

    Muito interessante mesmo. Parabéns.
    #D

  21. Edilbert

    Show de bola. Não sabia que Mapas Astrais podiam ser tão complexos. Interessante mesmo…
    #D

  22. Phelipe Folgierini

    Interessante notar em em Liber LII – O Manifesto da OTO Nietzsche foi citado como um dos membros da Ordem no passado, bem como seu “amigo íntimo” Richard Wagner. Segue trecho abaixo:
    Em tempos mais remotos, as assembléias constituintes originais da O.T.O. incluíram homens como:
    • Fohi, Hippolytus, Laotze, Merlin, Ankh-f-n-khonsu, Percivale, Herakles, Mosheh, Orpheus, Friedrich Nietzsche, Sigismund Bacstrom, Dionysus, Molinos
    E recentemente: Wolfgang von Goethe, Friedrich Nietzsche, Sir Richard Payne Knight, Hargrave Jennings, Sir Richard Francis Burton, Karl Kellner, Forlong Dux, Eliphas Lévi, Ludovicus Rex Bavariae, Franz Hartmann, Richard Wagner, Cardinal Rampolla, Ludwig von Fischer, Papus (Dr. Encausse) […]
    @MDD – que viagem na maionese… Herakles certamente NUNCA sequer teve a menor idéia do que poderia ser a OTO, muito menos Merlin, Orpheus e outros, já que a OTO foi fundada em 1906… é preciso muito cuidado com essas “OTOs” brasileiras….

  23. Eduardo oliveira Rocha

    Ele possuia uma inteligência muito desenvolvida quando criança, possuia já naquela época grande conhecimento a respeito do evangelho, e por tentar ensiná-lo aos colegas era chamado de “pequeno pastor”. Ele foi criado para ser um pastor mesmo.
    Até que o pai dele morreu, e assim como ele disse mais tarde, Deus morreu com ele.
    Enfim….certos acontecimentos transformam totalmente a vida de uma pessoa…
    Ele foi para mim, por muito tempo, um “Super Homem”, pela sua maneira independente de pensar o mundo.
    Descanse em paz Netzsche.

  24. vale lembrar, que assim como Confúcio, tudos bagulho que nietzsche falava nunca serviram para tirar sua própria vida da miséria.
    nossa, altos profeta: ‘deus tá morto’, ‘que venha o super homem’… sério? é novidade isso? ninguém aqui chegou a isso por suas próprias experiências?

  25. Hendrio

    Marcelo, vc não chegou a falar o significado de Urano em oposição a Marte. O que significa?

  26. MarryMarry

    Budismo não era decadente pro nietzsche.. pelo contrário, parecia a religião mais coerente pra ele.

  27. vinicius

    “O que é a verdade, portanto? Um batalhão móvel de metáforas, metonímias, antropomorfismos, enfim, uma soma de relações humanas, que foram enfatizadas poética e retoricamente, transpostas e engatadas, e que, após longo uso, parecem a um povo sólidas canônicas e obrigatórias: as verdades são ilusões, das quais se esquecem o que são: metáforas que se tornam gastas e sem força sensível, moedas que perderam sua efígie e agora só entram em consideração como metal e não mais como moedas”
    (Nietzsche, 1873)

  28. Gustavo

    Olá,
    MDD o que caracterizaria o forte ceticismo e o ateísmo no mapa dele? Seria Marte e Mercúrio em virgem-libra e vênus em virgem?
    @MDD – Vou dar uma dica. Marte é o planeta que indica a Vontade, ou seja, aquelas energias que a pessoa utiliza para impor sua vontade sobre o mundo ao redor. No tarot do Crowley, Virgem-Libra (Rainha de Espadas) é retratada como uma mulher segurando em uma mão uma espada e na outra mão a cabeça decepada de um homem.Entendendo também que o símbolo da espada é a razão, está respondida sua pergunta?

    1. Gustavo

      Deu pra ter um noção agora =D. A espada é razão que a rainha usa de forma a cortar as emoções. E marte como a vontade/gasto de energia voltada especificamente ao mental/racional. mais ou menos isso ahuahauhau.
      Abração

  29. Vinicius

    “Some a isso Marte e Mercúrio em Virgem-Libra (Rainha de Espadas, a energia mais fria e cínica do zodíaco, manifestada nele na forma de pensar e de lutar/gastar energia)”
    Fiquei na curiosidade… Pode dar uma palhinha de qual inclinação Vênus em Rainha de Espadas, na casa 8, poderia se manifestar?

  30. Ralph
    ótimas considerações!
    Sou leitor e fã do pensamento de Nietzsche já faz uns bons anos… E temo por concluir que apenas uma leitura superficial é que sustente o argumento do “ateísmo” de Nietzsche.
    Ele, ao contrário do que muitos pensam, é muito mais crente (no sentido da crença no Sublime, o Indizível – ele chama de Inaudito) do que um monte de gente por aí!
    @raph – Valeu. Talvez lhe interesse também: http://textosparareflexao.blogspot.com/2011/11/oracao-ao-deus-desconhecido.html Abs.

  31. Diogo Ferreira

    sol e plutão em oposição, ta escrito isso na cara dele ashahsha… sem falar q isso explica bem pq ele era um librino meio fake q se amarrava em ficar sozinho de vez em quando e tinha uma visão completamente belicista de mundo…

  32. Rosa

    Você disse tudo! Tambem penso muito nessa hipotese..na verdade ele deve ter morrido louco desacreditado de suas faculdades mediunicas tendo que lidar com a relutar contras suas proprias crenças ateias!

  33. GRIM

    Agora sei porque Nietzsche se inspirava em Napoleão. Eu tenho JUPITER em PEIXES também, e há coisas que só um JUPITER EM PEIXES consegue entender. Eu sempre me inspirei em outras pessoas pra ser mais forte, o meu ”eu” não existe, eu crio meu ”eu” de acordo com minha vontade, criar o proprio self foi algo de NIETZSCHE, que ainda preciso ler, está na Gaia Ciencia. A sociedade nos ”educa” pra sermos o que a sociedade nos moldou, o ”eu” do nosso nome, nosso corpo, nossa raça, nossa familia, a religião da familia, a cultura da sociedade, quando rompemos com isso, e criamos nosso proprio SELF, a familia, sociedade o que for, taxa de esquizofrenia, só um termo depreciativo que a sociedade inventou pra segregar pessoas diferentes. Nietzsche talvez tenha criado o self dele baseado em Napoleão, e toda sua filosofia veio disso, ou vários ”’eu”, da onde Jung se inspirou pra criar a idéia de complexos, individuação. Napoleão era o que Nietzsche considerava como super-homem e se inspirava, porque era um homem sedente por poder, mas cada pessoa terá uma inspiração diferente, eu particularmente não gosto de me inspirar em vencedores, só me inspiro em fracassados, derrotados, gente que morreu, etc pessoas autenticas que morreram, são inspiração pra mim, pessoas que eram odiadas e morreram, pessoas de pior reputação possível.
    Outra questão de Nietzsche que vejo no JUPITER PEIXES, a qual eu tambem tenho, é ver a morte como suicidio. As pessoas pensam como caixinha, sempre veem o suicidio como imoral, como incorreto, mas Nietzsche via a morte como suicidio, se encarmos a morte como suicidio, nao ha mais o que temer na vida. JUPITER PEIXES é a posição mais FORTE que existe, é um dos planetas mais FORTES do meu mapa, ainda mais porque tenho o JUPITER na casa 12, ascendente em Aries.

Deixe uma resposta