Mapa Astral de Carl Gustav Jung

Carl Gustav Jung nasceu em 1875, na Suíça. Religiosa, sua família influenciou bastante na psicologia que seria desenvolvida pelo psicólogo, e também levando Carl a procurar leituras sobre filosofia e religião desde cedo.
Entrou na universidade de Medicina e já nesse tempo começou a se interessar pelos fenômenos psíquicos. Foi em 1900 que Jung passou a ser interno na Clínica Psiquiátrica Bugholzli, localizada em Zurique.
Quatro anos depois, já tinha montado um laboratório experimental, onde surgiu o seu famoso teste para o diagnóstico psiquiátrico de associação de palavras, reestruturado e usado por inúmeros profissionais.

A partir daí, Jung foi criando uma boa reputação no meio, exemplo disso foi o convite para a cátedra de professor de psiquiatria na Universidade de Zurique, em 1905.
E é exatamente nessa época que se inicia o contato entre Jung e Freud. Ambos dividiam idéias e objetivos, de tal forma que se tornou inevitável a aproximação e relação de colaboração que os dois passaram a estabelecer.
Porém, a colaboração dos dois chegou ao fim, com Jung de um lado, sem aceitar potente influência que Freud atribuía aos traumas sexuais e Freud, por outro lado, sem admitir os fenômenos espirituais – usados por Jung – como fontes de estudo.
E assim cada um seguiu seu caminho. Jung destacou-se no uso das técnicas de estudos de desenhos e sonhos, ou seja, o estudo do inconsciente humano.
Seus estudos viraram livro, “A Psicologia do Inconsciente”, publicado em 1917. Tendo publicado dezenas de outros estudos e trabalhos, Jung escreveu, aos 80 anos, um livro de memórias, aclamado pela crítica especializada.
O pai da psicologia analítica morreu em 1961, em Zurique, mas o seu legado permanece até hoje, influenciando campos do conhecimento como antropologia, sociologia e, claro, a psicologia.

Mapa Astral
O Mapa de Jung possui Sol em Leão/Câncer (Cavaleiro de Bastões); Mercúrio e Vênus em Câncer; Ascendente em Aquário/Capricórnio (Cavaleiro de Espadas); Lua em Touro; Marte em Sagitário; Júpiter em Libra e Saturno em Aquário, sendo Mercúrio se Planeta mais Forte.
Uma essência preocupada em cuidar dos outros, com uma combinação de energias bastante interessante, especialmente se compararmos sua técnica, que envolvia analise de sonhos, signos, símbolos e sincronicidades com Mercúrio em Câncer e Marte em Sagitário. A explicação vinda por meio das emoções e imaginação. Seu Ascendente em Aquário (Cavaleiro de espadas, ainda melhor… a pessoa que conhece tanto as regras que é capaz de transcendê-las) somadas ao pé-no-chão de Saturno, fizeram com que ele se tornasse um verdadeiro mago no estudo do subconsciente humano. Uma pena que tenha perdido a batalha política com Freud, a psicologia teria seguido passos muito mais largos influenciada por Jung.

Este post tem 19 comentários

  1. Rodrigo

    Marcelo gostara de pedir o mapa astral dos maçons Robert Ambelain e Ragon

  2. Caio

    Excelente. Só um cuidado, pra psicanálise não existe subconsciente, e sim inconsciente 🙂

    1. Irmão Ícaro

      Outro cuidado: psicanálise e psicologia analítica são coisas diferentes. De qualquer forma, Jung também não falou em subconsciente, bem lembrado, Caio.

  3. Fenix777

    Muito interessante a matéria…!!!

  4. Ana Ramos

    Nenhum comentário relevante sobre o mapa em si, mas só para dizer que sou fangirl de Jung, hahaha.

  5. Órion

    “a psicologia teria seguido passos muito mais largos influenciada por Jung. ”

    Concordo plenamente,muitas coisas seriam explicadas e não excluídas.

  6. Hugo

    A psicologia teria seguido passos muito mais largos influenciada por Jung! Com certeza!

  7. Ramon

    Concordo. O uso de símbolos, arquétipos e sincronicidade dele me fascinou a ponto de eu escolher a Psicologia Analítica como especialidade. Costumo pensar que Freud se manteve preso a energia do chakra raiz, enquanto Jung avançou pras transmutações dessa energia.

  8. gabrielbes

    Tio, você poderia fazer o mapa do Albert Einstein!

  9. Rafael

    MDD, até quantos graus a energia é mista? Meu sol é 10.16 em câncer. Obrigado.

    @MDD – Até 5 graus.

  10. Rafael Flores

    “…É verdade, no entanto, que nesses últimos tempos o homem civilizado adquiriu certa dose de força de vontade que pode aplicar onde lhe parecer melhor. Aprendeu a realizar eficientemente seu trabalho sem precisar recorrer a cânticos ou batuques hipnóticos. Consegue até dispensar a oração cotidiana em busca de auxílio divino. Pode executar aquilo a que se propõe e, aparentemente, traduzir suas ideias em ação sem maiores obstáculos, enquanto o homem primitivo parece estar a todo momento tolhido por medos, superstições e outras barreiras invisíveis. O lema “querer é poder” é a superstição do homem moderno.

    Para sustentar essa crença, no entanto, o homem contemporâneo paga o preço de uma incrível falta de introspecção. Não consegue perceber que, apesar de toda a sua racionalização e eficiência, continua à mercê de “forças” fora do seu controle. Seus deuses e demônios absolutamente não desapareceram; têm apenas novos nomes. E o conservam em contato íntimo com a inquietude, com apreensões vagas, com complicações psicológicas, com uma insaciável necessidade de pílulas, álcool, fumo, alimento e, acima de tudo, com uma enorme coleção de neuroses.”

    (O homem e seus símbolos, org. Carl G. Jung)

    como se verifica que Mercúrio é o planeta mais forte?

  11. Edson

    Com certeza. Se a psicologia tivesse seguido por esse caminho, o de Jung, muitos casos teriam sido resolvidos com o uso da psicologia usando o prisma da espiritualidade.

    Aí fica a pergunta, DD:
    Nesse caso, em que uma ciência tão importante para a espiritualidade, como é a psicologia, tem a oportunidade de se mostrar com uma roupagem espiritualista a partir dos estudos e teorias de Jung, e isso não acontece porque uma outra teoria incompatível, como a de Freud, a relega a segundo plano, entidades dos outros planos que prezam pela evolução do planeta não intervêm no caso concreto, para corrigir o equívoco? Ou ainda é muito cedo para o gado evoluir?

    Abs.

    1. Ramon da Cruz Salgueiro

      A Psicanálise de Freud é eficiente. E muito. Exatamente porque a massa se encontra no grau de consciência que produz o que Freud estudou. A massa é doente.
      A Psicologia de Jung ela tem muito valor de pesquisa, inclusive na área da sincronicidade. Mas é difícil financiar pesquisas na área de psicologia. A questão sobre Jung não se sobressair é exatamente porque ele é o “discípulo de Freud que foi deserdado”. A maioria dos psicólogos sequer sabe do que fala a Psicologia Junguiana. A Psicologia de Jung trabalha muito com expressões do ser, coisa difícil de se ver numa sociedade que fabrica pessoas e comportamentos. A Psicanálise abomina os testes projetivos, porque ele é uma expressão do ser, como o HTP que trabalha com desenhos. A Psicanálise vive de nome e, até pouco tempo atrás, você era visto como maluco senão escolhesse Psicanálise, algo como Gestalt ou Humanista. Imagine Psicologia Junguiana hehehehe’
      Acho que as coisas mudam aos poucos e as maiores oportunidades de mudanças estão exatamente nos pontos não explorados. Mas acredito que as coisas vão mudar.

  12. Wander Costa

    O planeta saturno “quebra” a energia de um signo? Ou a limita? Ou a transforma numa energia oposta?

  13. Leonardo William

    MDD,em relação ai comentário acima,a energia mista tende a ficar mais pra qual lado?Por exemplo,meu sol em escorpião 4 graus,ascendente touro 0 graus e uns quebrados ,saturno em áries com menos de 5.E no caso tenho signo solar escorpião, libra ou os dois?se for os dois,isso vale pros meus outros planetas?

    @MDD – Fica mais para o lado do signo em que estiver.

  14. Ludvig Berzin Filho

    A pergunta que o Edson formulou é de muita relevância, nestes tempos em que o comportamento humano apresenta as características que o Rafael expõe. É certo que entidades de outros planos intervem diuturnamente em terapias alternativas e mesmo mesmo profissionais de formação tradicional, como o Ramon, já usam esse entendimento. O progresso é lento, mas já vai atingindo escalões mais altos. Cito, de memória, o prof. Nubor, neurologista da Unicamp, Liz Greene, Barbara Ann Brenann, Dr. Pierrakos. Conheço várias pessoas sérias que fazem tratamentos
    ,
    alternativos, em meio à charlatanice generalizada. O gado, no qual todos estamos mais ou menos incluídos, vai se preparando lentamente

  15. Gopi Devi

    essa trajetoria pela qual o individuo passa, galgando sua individuaçao (ou estrururação do ego) de Jung me lembra muito a trajetoria de busca pela V.V., e o centro de nosso Tiphareth, nosso signo solar…. to falando besteira?

  16. Adalton bernardes

    A energia mista de 2 signos pode ser representada por todos os planetas? por ex tenho Venus em aquario 4°16° e Jupiter em cancer 4°13°, os dois planetas teriam energias mistas ao signo anterior ?? grato

    @MDD – Sim, vale para todos os planetas.

Deixe uma resposta