Feliz Aniversário, Maçonaria!

A Maçonaria, que é também conhecida como Franco-maçonaria (nome que tem origem nos mestres de obras das catedrais medievais, conhecidos na Inglaterra como Freestone mason), é, antes de tudo, uma associação voluntária de homens livres, cuja origem se perde na Idade Média, se considerarmos as suas origens Operativas ou de Ofício. Modernamente, fundada oficialmente em 24 de junho de 1717, com o advento da Grande Loja de Londres, agrupa mais de onze milhões de membros em todo o mundo. É o mais belo sistema de conduta moral, que pretende fazer com que o Iniciado seja capaz de vencer suas paixões, dominar seus vícios, as ambições, o ódio, os desejos de vingança e tudo que oprime a alma do homem, tornando-se exemplo de fraternidade, de igualdade, de liberdade absoluta de pensamento e de tolerância.
O Blog Teoria da Conspiração dá os parabéns à todos os irmãos de todas as Potências por este dia.

Este post tem 26 comentários

  1. Ghabriel

    Marcelo,

    Não tive contato com meu pai, minha mãe sempre disse que ele foi maçon, mas nunca falou mais que isso a respeito. Não tivemos convivio depois de meus sete anos de idade, e desde então não tenho nenhuma informação sobre ele, a não ser a de que ele morreu. Gostaria de saber se é possível obter mais informações de um maçon , obviamente que tbm seja possível eu provar que sou filho do mesmo pra preservar a legitimidade da relação que existe, ou se informações partilhadas por, não sei, amigos, membros da ordem que ele frequenta/frequentou, possam ser compartilhadas comigo tbm , a fins de fazer-me conhecê-lo mais, e quem sabe assim conhecer mais a mim mesmo e a ele tbm.

    grato pela atenção,

    @MDD – me manda um email com todos os dados que você tiver dele, data de nascimento, onde morou, etc. Eu vejo o que dá pra fazer 🙂

  2. Victor

    É uma pena que muitas pessoas tenham tanto preconceito contra a maçonaria, é incrível a quantidade de besteiras que se escuta por ai…

    MDD, Eu coloquei uma duvida em em 2 posts seus, o das Ordálias e o do Labirinto do Fauno. Quando tiver um tempo livre você pode me responder? eu não tenho com quem tirar duvidas =/ sempre dou uma olhada pra ver se você me respondeu ahah. Um grande abraço.

    @MDD – talvez demore, estou com uns 120 comments pra aprovar.

  3. Roberto.'.

    Meu forte TFA para todos os irmãos de todas as potências e de todas as nacionalidades, sem distinção!

    Chega de picuinhas sobre política, “regularidade”, reconhecimento e etc. A Maçonaria é Universal!

    Feliz Aniversário!
    E que o G.’.A..’.D.’.U.’. continue adornando nossa ordem com todas as virtudes!

    1. Thiago

      Só me tire uma dúvida, você é de alguma potência irregular ou não reconhecida né?
      Nunca vi nenhum Maçom de potência regular e reconhecida fazendo campanha na internet para acabar com as “picuinhas”. Pra falar a verdade, só os que são de potências irregulares que acham que essas coisas são meras picuinhas.

      @MDD – Voce deve ter caido de paraquedas no blog. Faço parte da ARLS Madras, 3359; O Grão Mestre Adjunto do Grade Oriente do Brasil faz parte da minha loja. Sou mestre da Marca, Nauta Real, Mestre do Arco Real, Cavaleiro Templário e Cavaleiro de Malta pelas Ordens de Aperfeiçoamento do Rito de York, ligado diretamente ao Grande Priorado do Brasil, pelo Grande Oriente do Brasil. Posso dizer com orgulho que meus irmãos do mundo inteiro como tal me reconhecem.

      1. Roberto.'.

        Marcelo, acho que na verdade a pergunta foi para mim, não para você.

        Faço parte de uma potência não reconhecida pelo GOB, no meu caso é a GLOB. Minha potência não é reconhecida pelo GOB, mas de forma alguma pode ser considerada irregular ou espúria (irregular é diferente de não reconhecida). Temos carta patente, registro em cartório e constituição próprios. Seguimos os landmarks à risca e todos os 12 preceitos necessários para que uma potência seja regular. Inclusive, acredito que o reconhecimento perante ao GOB já está sendo trabalhado pelo Grão Mestrado e não deve demorar a sair.
        Lembre-se, irmão que mesmo potências hoje consideradas regulares e reconhecidas como o GOP, GLESP, GOSP foram, no início também não eram reconhecidas pelo GOB e isso nunca fez com que estas fossem irregulares.

        Os ensinamentos da maçonaria, a “base” dos rituais, os landmarks, os sinais, toques e palavras são universais.

        E pode-se dizer que eu já vi maçons sim de potências regulares e reconhecidas, inclusive em visita a minha loja, fazendo campanha para que se acabem com tais picuinhas!

        Recomendo a leitura para o irmão do Landmark 14. A divisão fisíca e política da maçonaria é mera conveniência, pois esta é universal. Pode conferir, esta lá.

        TFA

        1. Johnny

          Só mais um adendo, o GOP não é reconhecido pela Inglaterra, e o GOSP é do próprio GOB, ou seja, sempre foi considerado regular.

          No Brasil, regulares perante a Grande Loja Mãe, só o GOB (e todos os Grandes Orientes Estaduais que a ele pertencem) a GLESP e mais uma ou duas Grandes Lojas Estaduais que não me lembro agora.

          @MDD – Grandes Lojas de São Paulo, Rio de Janeiro, Espirito Santo e Mato Grosso do Sul.

          1. Carlos Tadeu de Souza

            Tive uma informaçao recente que mesmo o GOB nao e’ mais filiado a GLUI e que nao tem mais nenhuma Potencia no Brasil sob a tutela da GLUI. Alguem sabe se procede essa informaçao.

            @MDD – Não tem a menor coerência essa informação, kkkkkk.

      2. Edson Santos

        DD, acho que o Thiago estava falando do Roberto!

        1. Johnny

          Bom, realmente essas são questões que gerariam um século de discussões…

          Ela inclusive já foi objeto em outro local, mas pelo visto com grande parte das mesmas pessoas envolvidas.

          É necessário, a meu ver, esclarecer que regularidade legal é DIFERENTE de regularidade maçônica. “carta patente, registro em cartório e constituição próprios” fazem regularidade legal, mas infelizmente não fazem regularidade maçônica.

          A IURD possui registro em cartório e estatuto próprio, mas como exemplo, nunca será considerada regular pela ICAR (nem digo que eles gostariam disso, é só um exemplo).

          Como esse blog é visitado por Maçons e também por Profanos (não se ofendam, é só um termo) acho que essa distinção é necessária para que não ocorram mal entendidos e alguém acho que isso é simples conveniência.

          Um Maçom iniciado em potência não reconhecida (ou irregular, ou espúria, como prefiram aqueles que a nominarão) NÃO SERÁ RECONHECIDO COMO TAL EM LUGAR NENHUM FORA DO PRÓPRIO CIRCULO DAQUELA “POTÊNCIA”.

          A GLOB tem 7 anos e 3 meses de vida, a GLESP 83 anos (com Lojas de mais de 100 anos – a minha por exemplo), o GOB tem mais de 100 anos, a GLUI quase 300 anos de idade… Acho que não é necessário dizer o que precisa uma Potência para se tornar reconhecida…

          Nada pessoal, simples fatos.

          Num ponto tenho que concordar, quem considera essa questão “simples conveniência” geralmente tem bons motivos para pensar assim.

          Quanto à regularidade do DD, se é que há dúvidas, sou testemunha pessoal e já estive presente ao seu lado em sessões regulares algumas vezes, inclusive de altos graus citados por ele mesmo.

          Ir.’. Roberto, desculpe-me, mas já que você falou tudo o que falou, acho que deveria também ressaltar para os não iniciados, que podem acreditar que tudo se resume a mera conveniência, que o Ir.’. não poderia ser aceito em nenhum dos Graus citados pelo Ir.’. DD, e não poderia partilhar da companhia dele nas reuniões que ele citou (não por questão de não possuir os graus, mas simplesmente em virtude do não reconhecimento da GLOB).

          Coloco o comentário à sua apreciação e moderação Marcelo.

          TFA

          Johnny

      3. Johnny

        Mais um adendo necessário, que só notei agora.

        Essa mensagem assinada como Thiago, na verdade fui eu quem postei. Como o formulário de resposta já fica preenchido automáticamente nem reparei que estava diferente no computador que usei pra colocar a mensagem.

        E sim, a pergunta foi direcionada ao Roberto, que eu ainda não tinha reconhecido quem era, agora notei.

        Duvidar da regularidade da sua Loja seria piada Marcelo. Desculpe pela confusão.

        TFA

        Johnny

        1. Roberto.'.

          Bem, não vou estender essa discussão pq ela dá pano pra manga. Aconselho inclusive ao irmão Johnny a ler a história da GLESP, pois esta é semelhante a história da GLOB em vários pontos. No começo, após muita guerra política entre irmãos, um grupo se separa e decidi fundar uma nova potência. No começo a GLESP não era reconhecida nem pelo GLUI e nem pelo GOB. Obviamente que isso mudou com o passar do tempo. Como você mesmo falou, quantos anos a GLOB tem e quantos anos a GLESP tem? É tudo uma questão, infelizmente de tempo, politicagem e dinheiro (afinal sabemos que o reconhecimento custa $$$ para ser conseguido, principalmente o reconhecimento perante a GLUI). Quanto à questão de visitas e regularidade, não vou citar nomes, mas já recebemos muitos irmãos do GOB e da GLESP (inclusive autoridades de ambas as potências) em nossas lojas, assim como já visitamos oficinas da GLESP também. Já vi também muitas potências tradicionais aceitarem a filiação de membros iniciados em potências não reconhecidas.

          Pessoalmente, as vezes, eu acho um tanto polêmico a GLUI se dizer a “dona” da maçonaria regular… aceitamos esse fato inclusive como convenção, mas simplesmente, um belo dia 4 lojas se reunem e dizem “Essa aqui é a maçonaria”, enquanto esta existia em diversos países e membros e já tinha mais de alguns séculos de tradições?

          Não quero alargar a discussão, mas caso o irmão queira debater o assunto, de forma amigável, me pode me contactar pelo e-mail: [email protected]

          TFA

          1. Roberto.'.

            Hun… perae, Johnny… acho que já sei quem você é e já discutimos esse assunto em outro lugar de fato…

            Irmão Marcelo, desculpe por toda a confusão. Se quiser apague todos os comentários, pois esse tipo de discussão já ocorreu em outro lugar de fato, e não é necessária aqui neste espaço, principalmente pelo fato de serem as mesmas pessoas envolvidas. (dê uma olhada na comunidade de A.’.M.’. do Mayhem…)

            Me desculpe por qualquer confusão gerada. A intenção não foi esta de forma alguma.

            TFA

      4. LABARBA

        Oi Thiago

        Maçonaria não é fantasia particular de ninguem, é uma instituição séria, e não é mais secreta, pois não precisamos mais trabalhar escondidos, muitos que aqui estão não são e muitos que não são aqui estão, esta é a frase que ouço desde aprendiz, conheci a irregularidade e a regularidade maçonica, pertenço a uma potencia reconhecida, mas já estive numa não reconhecida, acho justo unirmos para trabalhar em fraternidade e em prol da humanidade, evitando picuinhas e ofensas a nossos irmãos sejam eles de que potencia for, são iniciados e juraram nos reconhecer, perjuro é aquele que não reconhece seu irmão e rende culto a vaidade. ACORDA MANO, ESTAMOS A CADA DIA, PRECISANDO MAIS DE UNIÃO PARA QUE POSSAMOS SEGUIR NA NOSSA CONTRUÇÃO NA ARTE REAL.
        VAMOS TRABALHAR PARA A VIRTUDE E COMBATER OS VICIOS.
        Paremos de nos sentir importantes, paremos de ter a maçonaria como um status, a maçonaria não precisa disso.
        não sei se és M:. mas se for tenhas respeito pelo iniciados, em especial os mais antigos.

  4. Eduardo

    Parabéns tb ao tio MDD e seu TDC que está ajudando a propagar o conhecimento que liberta, vlw tio !!!

  5. Dilso

    24 de Junho é dia de São João Batista. Qual a ligação entre a maçonaria e São João Batista?

    1. Johnny

      É um dos patronos (ou padroeiros, a nomenclarura diverge) dela.

  6. Joel Meireles

    “…ela é tão linda, é tão bela, aquela Acácia Amarela que a minha casa tem!…”

    Marcelo,
    Por que consideramos que a Maçonaria “É o mais belo sistema de conduta moral” ? Por que outros sistemas não podem ser considerados como o mais belo também?

    TFA

    @MDD – por Licensa poética hehehe. Todos os sistemas são bons. No aniversário do Fama Fraternitatis eu vou falar que a R+C é o mais belo de todos.

  7. hata

    meu aniversario eh no dia 24 tbm (ontem) O.o

    acho q nao ha relaçao nenhuma com o dia de sao joao tbm ne?

  8. Moscadeprata

    Como o povão costuma dizer por aí:
    Hoje os bode tão em festa!!!
    heuheuheeuheu

  9. ogoid

    Que legal a Maçonaria tem Sol em Câncer.

  10. Thiago

    Boa tarde,oque vc poderia falar sobre maçonaria invisivel.E sobre alguns evangelicos loucos que falam que a maçonaria é uma seita ou a tal nova ordem mundial que se prepara para a chegada do anti-cristo…

  11. Olá querido tio!

    Por um acaso, encontrei seu blog numa caçada por um texto para o aniversário de tias e tios da loja de meu pai. Cada linha é escrita de forma bela e, de fato, verdadeira. Sou DeMolay do Capítulo 668 do SCODB e, por coincidência, as meninas do Bethel Madras estão sempre presentes em nossos encontros e reuniões; algumas delas são irmãs de DeMolays de meu Capítulo, que por titulação é da cidade de Mairiporã.

    Ótima homenagem, ainda que lavrada há algum tempo.
    Um grande abraço!

  12. Alexandre I.

    É verdade que maçons e demolays não podem falar para os outros que os são? Então, porque você e muitos outros falam que são? Hierarquia?
    Ou pode-se falar e é por mera discrição que não o fazem?

    @MDD – Vai do critério de cada um. Muitos não acham interessante que seja divulgado que são maçons, por exemplo (se trabalham em algum lugar cheio de evangélicos e isso poderia comprometer sua carreira). Outros não têm este problema.

Deixe uma resposta para A doce e bela morte | Teoria da Conspiração Cancelar resposta