Arcanum Arcanorum

Pertencer a uma Ordem Iniciática não faz de você uma pessoa melhor,
Ter muitos conhecimentos magísticos não faz de você uma pessoa melhor,
Estar em uma religião não faz de você uma pessoa melhor,
Ser uma pessoa melhor faz de você uma pessoa melhor
“.
– Frater Alef

Desde a metade do ano passado, com a ajuda de diversas entidades astrais que sempre auxiliaram todo o processo de formação, proteção e organização do blog, da divulgação do espiritualismo, alquimia e hermetismo de uma maneira séria e responsável e também nos orientaram na criação do Projeto Mayhem, tenho começado a escrever e organizar em Malkuth os procedimentos de uma Ordem de Estudos Iniciáticos.

Na verdade, não posso dizer que estava radiante com a idéia… sempre fui contra organizar qualquer tipo de Ordem Iniciática do TdC por vários motivos. O primeiro e que achava o mais importante é: já existem trocentas ordens e não faz sentido brigar ou disputar com nenhuma, mesmo porquê eu faço parte de umas quarenta delas e tenho cargos e responsabilidades em várias.
Dessa maneira, todo leitor que me pedia diretrizes a respeito de qual ordem eu recomendava, eu indicava a Demolay, AMORC, FRA, OKRC, Maçonaria, Martinismo, SCA, Calen, CIH, Dragon Rouge, Covens ou outras, de acordo com o que a pessoa contava sobre seus interesses.

A Arcanum Arcanorum é algo único. Este projeto começou a ser elaborado astralmente 250 anos atrás; já se manifestou na terra em diversas ocasiões, sendo as mais conhecidas a Golden Dawn e a Astrum Argentum, na Inglaterra, no século XIX-XX, mas permeou praticamente todas as ordens iniciáticas desde os primeiros Rosacruzes.

Descrita muitas vezes pelas iniciais A.’. A.’. (Alef-Alef), que representa o local onde a Arca da Aliança fica guardada dentro de um Templo, significa simbolicamente que ela pode ser levada para qualquer templo, qualquer ordem, qualquer sociedade, ainda assim mantendo sua pureza e seus poderes.

O A.’.A.’.trabalha de uma maneira diferente das Ordens Visíveis… de dentro para fora; ela é focada em exercícios de contato com o SAG (Sagrado Anjo Guardião, Anjo da Guarda, Eu Superior, Tiferet… vários nomes em várias tradições), a descoberta e lapidação da Verdadeira Vontade através do estudo da Árvore da Vida e do Mapa Astral individual que auxilia o magista a se tornar uma pessoa melhor por suas próprias ferramentas e, a partir desta mudança, levá-la para onde quer que se encontre e causar esta mudança no mundo ao seu redor.

O A.’. A.’. não é um método a ser seguido, mas uma ferramenta de proteção astral para que os membros possam entrar em contato com a própria essência e descobrirem sozinhos qual é o método a ser seguido. O método do Crowley só funciona para o Aleister Crowley, o método do Bardon só funciona para o Franz Bardon, o método do Regardie só funciona para o Israel Regardie e o método do Del Debbio só funciona para o Marcelo Del Debbio.
Ao longo dos séculos, todas essas milhares de ordens surgiram quando alguém, muitas vezes membro da AA, conseguia “resolver a charada” e acabava publicando seu método ou explicando para outras pessoas como ele fez para conseguir… e outras pessoas passavam a seguir este método, o que resultava em um sujeito que, na melhor das hipóteses, imitava o original e torcia para dar certo… e nem vou entrar no quesito das Religiões, quando alguém resolvia “intermediar” o iluminado original explicando o que ele “quis dizer” e mantendo o povo na ignorância.

Os ensinamentos da A.’. A.’. são gratuitos; um membro faz seus estudos em casa através de monografias, com exercicios praticos e relatorios que serao avaliados e darão prosseguimento às próximas monografias, avançando ao longo dos temas. Para ser admitido na Ordem, o candidato precisa passar pelas 3 monografias do Grau de Atrio e será admitido como Probacionista, onde estudará 12 Monografias durante um período de um a dois anos, dependendo da sua dedicação) até ser admitido como Neófito (se sobreviver até lá). Não há prazos minimos ou maximos de entrega dos relatórios ou exercícios… cada um caminha com seus próprios passos.

A A.’. A.’. aceita membros de qualquer raça, sexo ou cultura, residentes em qualquer lugar do planeta. Qualquer pessoa pode requerer a entrada ao grau de Atrio.

Vou deixar os comentários para servirem como uma sessão de “Perguntas Frequentes” então se tiverem qualquer dúvida, utilizem este espaço para perguntar.

Este post tem 153 comentários

  1. Alexandre

    O que mais me encanta é a metodologia “do it yourself”. Vou me dedicar bastante.

  2. Leonardo

    DD, astralmente falando, existe algum problema em realizar estes exercícios já fazendo parte de outra ordem, como a AMORC, por exemplo? Algum problema em dividir o foco?

    @MDD – Não tem problema algum; pelo contrário, é recomendado. A A.’. A.’. lida praticamente apenas com exercícios pessoais, de templo astral, servidores de defesa, altar pessoal, conversação com o SAG e estudo da Verdadeira Vontade atraves do mapa astral. Não tem como isso entrar em choque com qualquer Ordem que você esteja fazendo, se ela faz parte da sua Verdadeira Vontade…

  3. Gustavo N. R. Dias

    Parabéns pelo enorme passo DD.
    Como ocorrerão as possíveis reuniões?

    @MDD – Até ser admitido como Neofito, não há reuniões em Templos.

    1. Leon

      Sendo uma das questões na Monografia,referente a vontade de trabalhar sozinho ou em conjunto com outros membros,eu pergunto?

      É possível o Neófito(e estágios acima)trabalharem com a egrégora sem manter contato no plano físico com os demais?

      @MDD – Sim, claro.

  4. Daniel

    Bem, vamos lá…

    Estou batendo à porta da ordem para solicitar entrada para ao Átrio.

  5. Daniel

    Apenas para complementar:

    Teremos um roteiro, textos iniciais, cadastro, como será ?

    @MDD – O formulário de admissão ao grau de Atrio está na página da A.’. A.’. aqui no Blog.

  6. Cristhian Vieira

    Interessante iniciativa, no entanto como vc mesmo disse, existem tantas outras cujo objetivo fim são os mesmo, e como vc tbm disse, com caminhos e métodos difusos, o que justificaria, em Malkuth, mais um forma de se alcançar o mesmo?
    Sendo ela um prisma da A.’.A.’. (pelo que eu entendi) pq não simplesmente divulgar de maneira mais consciente, cientifica e abrangente o já tão rico conteúdo da Grande Ordem?

    @MDD – Creio que porque cada Ordem pegou os aspectos que o criador desta ordem ou fraternidade achou que seriam os mais corretos. Nao acho que exista uma formula pra se chegar a VV, mas sim diversos exercicios e preparações que facilitam o processo… de nada adianta ler 200pgs de instruções pulando todos os exercícios pra falar que “leu Franz Bardon” depois… é como ler dez manuais de natação e nunca pisar em uma piscina. Magia é algo prático e existem aspectos basicos a serem treinados passo-a-passo. entao nao adiantaria “divulgar” o material, ele tem de ser conquistado a cada etapa.

  7. Pedro

    Ótimo!
    Estou ansioso para começar!

  8. Omar

    Marcelo,já respondi ao questionário,posso enviar desde já via e-mail ou é necessário fazer o relatório completo dos exercícios em conjunto?

    @MDD – Prefiro que você faça todos os exercícios ao longo do mês e mande todos os relatórios e questionários juntos em um único email. Fica mais prático para a organização.

  9. Caiohm

    Só pra esclarecer, vai rolar uma Ordem Iniciática do TdC, ou o tio está sugerindo que os interessados se “inscrevam” na Arcanum Arcanorum?
    Digo isso porque o uso do pretérito perfeito no primeiro parágrafo não deixa claro se a ação está acabada no presente ou não… hehehe
    (“(…)tenho começado a escrever e organizar em Malkuth os procedimentos de uma Ordem de Estudos Iniciáticos.”) Abraços

  10. D

    Oras… a ideia pode até ter sido começada no astral a alguns séculos, mas acompanha o blog desde o início também, não ?

    Faz um booom tempo que a página A.´.A.´. existe no blog….

    @MDD – Eles tem uma percepção de tempo muuuuito diferente da nossa. Sim, toda a egrégora da AA já auxilia e organiza o blog desde o Sedentário. Algumas entidades já estavam no Brasil 30 anos atrás, algumas eu conheci na Inglaterra em 1989 e por ai vai. É algo que está ficando muito sólido e muito bem estruturado.

  11. Phillipe

    Uma dúvida boba no último texto, tem lá 2000-3000 toques o que significa ?

    @MDD – em torno de duas laudas… da mais ou menos uma página, uma página e meia de texto. Use o contador de palavras do Word pra ter uma noção.

  12. raph

    Minha Magia é meu pensamento
    Minha vida é meu Grimório
    Minha Ordem é meu coração
    O Grande Arquiteto é nosso amor

    1. parabens raph concordo com vc plenamnete, não é necessario fazer árte de uma ordem para ser iniciado, basta estudar com afinco e pureza que a iniciação é concedida pelo proprio criador..

      1. HiroNakamura

        Assim como não é essencial uma religião para se religar a Deus, não se faz necessário vínculo a uma ordem para se obter as grandes iniciações. No entanto, porque caminhar sozinho se podemos estar acompanhados e aproveitar o conhecimento e o suporte que uma ordem, religião, doutrina, grupo tem a oferecer. O importante é evitar os apegos e extremismos, que levam à dependência e turvam a razão.

        Acredita-se que até mesmo um mestre como Jesus, tenha participado de uma, ou mais ordens em seu tempo. Se foi para ensinar ou aprender é difícil dizer, mas talvez tenha sido ambas as coisas.

        E já dizia o Grande Sábio, Gibran, a respeito do Auto-Conhecimento:

        “(…)
        Não digais “Encontrei a verdade”, mas antes “Encontrei uma verdade.”

        Não digais “Encontrei o caminho para a alma”, mas antes “Encontrei a alma a seguir o meu caminho”.

        Pois a alma percorre todos os caminhos.

        A alma não percorre uma linha, nem cresce como um caniço.

        A alma desvenda-se a si própria como um lótus de incontáveis pétalas.”

  13. illuminys

    1-As monografias são escritas por vc ou são textos de outros autores?
    2-O conteudo dos cursos q vc dá será transmitido nas monografias e assim acabara os cursos?
    3-Os DMs( menores de idade )podem entrar na A.’.A.’.

    @MDD – 1- São, e usei a mesma linguagem que uso no blog, então vocês vão saber que os textos são meus…
    2 – de jeito nenhum. Os cursos continuam tendo a matéria mais aprofundada. A A.’. A.’. serve para proteger, organizar e direcionar mas não vai lidar com Runas, Tarot, Enochiano ou Astrologia com a profundidade que é possível estudar nos cursos. a vantagem é que no Moodle tem áreas para que os alunos possam usar o conhecimento dos cursos em conjunto com os estudos da AA para pesquisas e exercícios extras.
    3 – Podem.

  14. Pergunte ao IP

    Marcelo, num post sobre ordálias, moedas e consagrações, você deu a seguinte resposta:

    “@MDD (…) você provavelmente estava fazendo bem feito e começando a despertar algo mais poderoso dentro de você, e a mente coletiva fez o que podia para te colocar de volta no lugar. Se não consegue te afetar, afeta aqueles ao seu redor, se não consegue, afeta os animais de estimação e, por último, objetos elétrico/eletrônicos.”

    Caso alguém passe pela peneira e entre na A.’.A.’., a Egrégora vai proteger, ok. Mas o foco da mente coletiva, egrégoras hostis etc. vai mudar pras pessoas próximas, não é? Tenho a intenção de saber aonde posso chegar, mas como não arriscar as pessoas ligadas à mim?

    @MDD – A ideia é criar uma mega-proteção de egregora que pode ser utilizada em todos os templos astrais (tipo… se tivermos 500 pessoas e elas fizerem tudo direitinho, teremos um exército de 500 Servidores Astrais para proteger toda a galera mais 500 servidores pessoais para proteger as familias e pessoas próximas a elas). Isso é feito no Juramento de Probacionista e construído nas três primeiras monografias de Probacionista.

  15. Diogo

    Preenchi o formulário. E agora?

    @MDD – entao… voce e outros 850 só hoje e segunda é o dia de maior movimento no blog… to lascado… e nem vou poder falar que não sabia que ia entrar todo mundo… fico feliz com a confiança no trabalho que estou fazendo, vou dar um jeito de processar tudo esta semana. Talvez demore uns dois ou três dias para vocês terem o email enviado com a primeira Monografia.

  16. Marco Saavedra

    Mais uma vez, parabéns pela iniciativa. Como você disse, pertencer a uma ordem iniciática não nos torna uma pessoa melhor. O desejo de ser uma pessoa melhor é o que nos torna uma pessoa melhor. Não conheço em detalhes as outras ordens, mas a impressão que tenho é que sua iniciativa, talvez diferentemente das outras ordens, está oferecendo a possibilidade de cada um que tem real interesse em se tornar uma pessoa melhor e aprofundar seus conhecimentos sobre si mesmo tenha acesso a mais ferramentas e possa exercitar essa prática respeitando sua essência na raiz, com o apoio fraternal de outros que seguem o mesmo caminho. A meu ver isso contribui de forma genuína para multiplicar o amor fraternal nesse planeta, sem julgamento de valores e discriminação. Afinal de contas, quem somos nós pra julgar outro ser humano não é? Meus parabéns!

  17. D.E.G

    A ordem vai funcionar com a estrutura da Astrum Argentum? Se sim, já há Zelators?

    @MDD – A Astrum Argentum é que funciona na estrutura da A.’. A.’. kkkk. Pode-se dizer que os graus são equivalentes, o que muda é que o Arcanorum não é Thelemita, mas Alquimista.

    1. Alexp

      Os Alquimistas Estão Chegando
      Jorge Ben Jor

      Oh! Oh! Oh! Oh!
      Oh! Oh! Oh! Oh!
      Oh! Oh! Oh! Oh!…

      Os Alquimistas
      Estão chegando
      Estão chegando
      Os Alquimistas…(2x)

      Oh! Oh! Oh! Oh!
      Oh! Oh! Oh! Oh!
      Oh! Oh! Oh! Oh!
      Êh! Êh! Êh! Êh!…

      Eles são discretos
      E silenciosos
      Moram bem longe dos homens
      Escolhem com carinho
      A hora e o tempo
      Do seu precioso trabalho…

      São pacientes, assíduos
      E perseverantes
      Executam
      Segundo as regras herméticas
      Desde a trituração, a fixação
      A destilação e a coagulação…

      Trazem consigo, cadinhos
      Vasos de vidro
      Potes de louça
      Todos bem e iluminados
      Evitam qualquer relação
      Com pessoas
      De temperamento sórdido
      De temperamento sórdido
      De temperamento sórdido
      De temperamento sórdido…

      Êh! Êh! Êh! Êh!
      Êh! Êh! Êh! Êh!…

      Os Alquimistas
      Estão chegando
      Estão chegando
      Os Alquimistas…(2x)

      Oh! Oh! Oh! Oh!
      Oh! Oh! Oh! Oh!
      Oh! Oh! Oh! Oh!
      Oh! Oh! Oh! Oh!…

  18. Ramon

    É nesse tipo de ação que você vê como Zion se preocupa em tirar as pessoas de Matrix, não importa o quão difícil e complicado seja(e é). Sem contar as responsabilidades para com uma egrégora tão flexível onde existe a grande quantidade de pessoas envolvidas. Parabéns pela iniciativa e muita boa sorte.

  19. Renan Rodrigues

    Estava ansioso pela chegada desse dia.

    Obrigado por nos dar essa oportunidade e
    Parabéns pela iniciativa.

  20. Marco Saavedra

    Marcelo, o que ainda não me fez procurar verdadeiramente uma ordem dessas é que normalmente percebo algum mecanismo de discriminação ou controle, por mais sutis que sejam. Se a proposta do Arcanum Arcanorum for enfatizar a propagação genuína da paz, amor, harmonia e vibrações positivas, ficarei feliz em contribuir e receber as primeiras monografias. Se na proposta tiver qualquer exercício que estimule qualquer evocação de enfrentamento ou luta astral, pode desconsiderar meu cadastro.

    @MDD – Os exercicios são todos de contato com o SAG, Templo Astral e Mapas/sigilos. Claro que existem os servidores Astrais de defesa mas, por próprio juramento durante a construção, eles só podem ser usados para defesa e proteção, nunca para atacar alguém.

    1. César

      “Claro que existem os servidores Astrais de defesa mas, por próprio juramento durante a construção, eles só podem ser usados para defesa e proteção, nunca para atacar alguém. ”

      Isso significa que um membro da ordem jamais poderia fazer nenhum tipo de magia que interfira no livre arbitrio de outros (considerado “magia negra”) ?

      @MDD – Ele não poderá usar do exército de servidores da egrégora para este fim. Na verdade, com o tempo, ele perceberá que não vale a pena gastar energia com magias desse tipo at all.

      O que aconteceria se alguém tentasse esse tipo de coisa, ficaria sem proteção, não teria ajuda nenhuma ou levaria uns sopapos da egrégora ?

      @MDD – Da egrégora não… mas se a pessoa cair trair o juramento de Probacionista, o próprio SAG dela se encarrega disso…

      Essas perguntas são mais por curiosidade, me ocorreram quando lembrei que abrimos mão de parte de nosso livre arbítrio para se unir a uma egrégora.

      Obrigado.

  21. Thiago Habib

    Feliz e admirado pela velocidade com que a primeira monografia foi enviada!
    Vamos adiante!

  22. Pedro

    Marcelo, sou português, o que coloco nos campos RG e CPF do google doc? O 1º deve ser o equivalente ao nº de BI, o 2º creio ser o do registo criminal…

    @MDD – Coloca os equivalentes aos documentos nacionais que voces usam.

  23. Luiz Gustavo

    🙂 Parabéns pela iniciativa… Estou aqui esperando resposta do formulário 😉

    Boa MDD 😀

  24. Donilo

    Marcelo,
    Te enviei um E-mail, mas creio que uma resposta aqui pode ajudar não só a mim quanto todos que vão ler, é o seguinte:
    Eu jogo RPG com um grupo de amigos, mestro pra eles, mas eu fico muito focado no jogo, do tipo de pensar nele uma boa parte do meu tempo (meus amigos tbm), então, isso poderia me prejudicar com exercícios e afins?
    E outra coisa, haverá algum Templo ou Loja no plano físico para possíveis encontros?

    @MDD – 1- o RPG nunca vai prejudicar os exercícios, pelo contrário.
    2 – apenas depois do grau de neofito.

  25. Sam Oliveira

    É Fantástico quando o homem compartilha com o outro sabedoria e dá oportunidade de um crescimento melhor. Parabéns!
    A inscrição também esta aberta as mulheres? Creio que minha esposa gostaria de participar. Paz e Luz!

    @MDD – Sim.

  26. Tiago

    Ola Marcelo, Uma duvida: é um relatorio separado para cada exercicio ou um relatorio agrupando as percepções e resultados obtidos em ambos os exercicios?

    @MDD – Manda tudo junto pra me facilitar.

  27. Diego

    Marcelo, Primeiro parabéns pela iniciativa.

    Estou com uma dúvida no obtuário. Podemos escrever coisas que ainda queremos fazer (como ajudar os doentes, por exemplo) mas que ainda não fizemos?

    @MDD – Devem. o Obituário é escrito com o que você fez, mesmo se isso ainda está no futuro.

  28. Victor Mantovani

    Olá DD.
    Eu gostaria de saber se há algum prazo para a inscrição ou algo do tipo ,se a pessoa não puder entrar nesse começo de ano não tem problema né ?

    PS: A Ordem não possui restrição de idade para menores ?

    @MDD – Não. A A.’.A.’. deve funcionar pelos próximos 108 anos.

    1. Marcelo

      Salve Marcelo,

      Pode falar pq tem um prazo estipulado de existência? Pq não indefinidamente?

      @MDD – Cara… um Exu Trevoso me fala que a Ordem vai existir por 108 anos, quem sou eu pra discutir com isso? eu nem acreditava que o blog iria durar 4 anos… kkkkkkkk

      1. Josias

        Um Exu te falou como? vc mesmo disse em outro post que nao tem mediunidade no sentido de ver ou ouvir nada!

        @MDD – “Um” Exú não… Estamos trabalhando astralmente com pelo menos duas dezenas de Exús. Vou considerar esse seu comentário mais uma das suas trollagens e agressões gratuitas, porque não é possível que você seja tão burro a ponto de não imaginar que eu converso com os exús que incorporam nos médiuns que ajudam o Projeto…

  29. Rodrigo Simão

    Marcelo o obtuario deve conter qualidades negativas nossas? Tipo eu sou bastante sincero quando fui tentar pensar no meu amigo falando de mim não deixei de pensar nele falando de algumas carcteristicas ruins. Devo colocar isso ou só coisas boas.

    @MDD – como voce quiser.

  30. Raphael Holanda

    Muito boa a ideia, porem ainda tenho algumas duvidas de pessoa leiga.

    É fato que o objetivo de todos que serão adimitidos é encontrar a iluminação, porem cada um tem seu caminho para alcançar a iluminação segundo suas concepções. Acredito varios membros ja fazem parte de alguma egregora e algumas dessas egregoras podem ser opostas umas as outras, de que forma isso pode afetar os membros?

    @MDD – Vários membros (37%) já fazem parte de alguma ordem, mas isso nao afeta os estudos da AA porque praticamente todos os exercicios lidam com contato com SAG e estudo do mapa astral para descoberta e estudo da propria Verdadeira Vontade. O AA possui sua propria linha de defesa astral e proteção para seus membros, que é voltada para todos os que procuram a evolução da humanidade. Uma egrégora pode pedir pra voce se manter casto, outra pode pedir pra voce participar de surubas magicas… mas a AA nao tem regras… ela pede apenas que voce se mantenha no caminho da sua VV, sendo casto ou participando de surubas, comendo carne ou sendo vegan, rezando dez vezes ao dia ou sendo ateu.

    Eu tenho um sanctum celestial voltado para os trabalhos rosacruzes. Eu vou ter que criar um outro templo astral pra realizar os exercicios da AA?

    @MDD – Nao exatamente “outro” templo… mas outro templo. Quando eu comecei os primeiros exercícios, em 1989, meu Templo Astral era apenas um círculo de Pedra semelhante a Stonehenge. Mais tarde, fiz uma cabana próxima para colocar meu altar, depois um segundo círculo de pedra, depois, a cabana aumentou para ter um quarto e uma sala com um círculo de evocações; depois, foi modificando-se e hoje é um castelo com templos Maçônicos, Templários, martinistas, rosacrucianos completos… não há problemas de orçamento no astral 😉
    Se você já tem um templo, eu recomendo que mentalize este templo em um “terreno” do seu latifundio futuro kkkk e crie um segundo templo/casa/castelo/etc… os espaços mentais mais antigos serão mais fortes, serão o coração do seu templo, mas você vai agregrar TUDO o que estudar dentro de uma única área astral… onde você vai colocar seu animal de Poder se um dia fizer uma viagem xamânica? não cabe um elefante ou leão dentro do Templo R+C kkkkk
    A maioria das ordens que fala sobre Templos e Sanctuns fala em espaços fechados, exceto as xamânicas, mas o correto mesmo é ter este espaço interno e de meditação e campos em contato com a natureza entrelaçando TODOS os espaços astrais que você já possui, capisce?

    As monografias tendem mais para o lado teorico ou prático(em relação a experimentos)?

    @MDD – ambos. os relatórios sao provenientes dos exercícios.

    1. Raphael Holanda

      Capisco. Eu ri da explicação da construção de outros lugares 😀 *feel like a senhor feudal* Pra falar a verdade, essa era uma duvida antiga minha, sugerem um templo e eu gosto de templos, mas eu sempre gostei de meditar em espaços naturais, eu gosto de templos budistas mas seria legal um templo do REAA tambem, isso me corroia.

      Grato pela explicação DD

  31. Mariana

    Quem em algum momento quiser sair da egrégora vai tomar pêia energética?

    @MDD – Não… o Juramento de Probacionista é feito para o seu próprio SAG… e qualquer desvio de conduta é resolvido entre voce e ele… mas é um juramento iniciático que separa as crianças dos magos…

    1. Regis

      E o meu sagrado anjo guardião poderia ter subitamente uma vontadezinha de me dar essa pêia energética ou algo semelhante a “detonar” minha vida terrena?

      @MDD – Seu SAG sacanear voce? hmmm… Seria o primeiro.

  32. Mariana

    Aliás, como é que vai ser o “funcionamento político” dela?

    @MDD – O mais longe possível da palavra “política”. Eu posso adiantar que não existem cargos ou títulos. Nos rituais físicos, os cargos são sorteados a cada ritual. Em uma comparação, seria como se ao entrar em uma loja maçônica/Rosacruz, todos os Iniciados sorteassem os cargos que fariam naquela noite. Isso é sensacional, mas ao mesmo tempo tão distante do que se vê por ai nas ordens que eu duvido que vá dar certo… só na cabeça das entidades mesmo…
    Isso exigirá que cada membro seja consciente do que está fazendo naquele grau, que tenha estudado todo o ritual e que seja humilde para fazer o papel que lhe for designado por sorteio entre iguais.

    1. José

      Não tem como não pensar no sorteio dos Invisíveis…

      (VAI DAR CERTO SIM!)

      O “líder da vez” terá que vestir couro também? hehe…

  33. illuminys

    Olá MDD!
    1-Os exercícios até o grau de neofito.O estudante pode usar a imaginação ou vai obrigatoriamente precisar de coisas “fisicas”( velas reais etc… ).?Ou agente pode imaginar tudo isso?Fazer tudo no templo astral pelo menos nos graus iniciais?

    @MDD – Sorry… vai precisar de coisas físicas sim…

    2-Quem ainda não tem CPF pode usar apenas o RG rsrs…

    @MDD – Pela sua primeira pergunta, creio que este será o menor dos seus problemas kkk.

    1. Leon

      Illuminys,alguém com perna quebrada,não pode andar com muleta imaginaria.
      Logo,quem não tem vontade de ferro precisa usar os componentes materiais pra criar a conexão energética necessária.

    2. francisco

      sem contar os gastos com cadinhos, balões de destilação, tubos de ensaios… kkk

    3. illuminys

      É pq moro com a minha familia.Ai ter velas e athames são infezlimente impossiveis por enquanto.É q quando chegar ao grau de Neófito,+/- 2 anos já teria resolvido o problema e teria um lugar para poder fazer as praticas sozinho sem interferencias…

  34. Willbn

    Caro MDD,

    Sei que determinados tipos de músicas podem nos estimular de N formas,mas para o objetivo dos exercícios de visualização e contemplação elas ajudam ou atrapalham?

  35. Ricardo S.

    Tio DD e colaboradores , muito obrigado por todo esse esforço, pelo projeto teoria da conspiração e mais essa oportunidade que está sendo oferecida a nós , leitores do blog.
    É com esses e outros exemplos que você dá que me inspiram a buscar da minha Verdadeira Vontade , por mais que isso esteja sujeito a provas.

    Valeu!!! E que todos os leitores do blog possam encontrar suas VV!!!!

    1. illuminys

      Oi.Um amigo meu tinha me contado que recomendou o TdC para um amigo chamado Ricardo e o sobrenome começa com s.
      Vc é de São Paulo-SP?Se sim,vc é formado em que curso?
      Se vc é a pessoa que a gente esta pensando vc ja conversou comigo uma vez por e-mail sobre a AMORC.Que vc tinha falado sobre a rosa-cruz no seu blog.
      Se não for a pessoa que estou pensando “deixa quieto” rsrs.
      Obrigado!

  36. dilobo

    Marcelo

    Recebi seu e-mail com o link dos exercícios de visualização, está escrito no título “grau de atrio”, porém não veio a monografia anexa, isso é normal?
    Valeu por compartilhar esse conhecimento.

    @MDD – Nao… voces já deveriam ter recebido TODOS a monografia 01. Vou fazer um post pedindo pra quem não recebeu entrar em contato pra eu mandar um por um pra quem falta.

  37. Alan

    Só por curiosidade, se eu perguntar à alguma entidade de um centro espírita sobre a A.`.A.`. o que eles responderão?

    @MDD – Pergunta e posta aqui. Eu imagino que provavelmente ela não vai saber porque eles não trabalham com NOMES, mas com SIGILOS ENERGETICOS, entao, se for uma entidade power ela deve pedir pra voce pensar em mim, nos textos do Blog, na Ordem ou no que voce tiver de contato sobre o que leu no TdC ou viu lá e “sentir” a energia dentro de você, ai ela te da uma resposta.

    1. Alan

      Hmm, outra coisa, achei o obtuário algo fascinante, queria saber um pouco mais sobre ele.

      1-Caso a pessoa seja sincera no seu obtuário, o que a pessoas escreveu ali ira ocorrer?

      @MDD – Deveria, ne? Não vai me escrever que voce ganhou na loteria porque senao vai sentir vergonha alheia de si mesmo daqui uns anos…

      2-É a nossa VV? Se sim todos nós temos uma base para segui lá?

      @MDD – É um começo do caminho…

      3- E quanto mais dias levarmos para escreve lo melhor?

      @MDD – É bacana gastar uns dias pensando sobre o assunto, visualizando o velório, etc… Voces irao revê-lo constantemente…

      1. HiroNakamura

        Para escrever uma página e meia sobre mim, acho que vou precisar de uns 10 anos, É sempre mais fácil falar dos outros.
        Talvez eu precise olhar de fora. Ou seria de dentro?!

        @MDD – Mas no obituário, você está falando de “outro”… está falando do cara que morreu.

  38. Henrique Regis

    Salve MDD!
    Pela primeira vez estou entrando em contato para sanar (prováveis e repetitivas) dúvidas, apesar de acompanhar anônimamente seu trabalho lá no S&H até aqui no blog. E fui inconstante na maioria das vezes que lia os exercícios. Tenho alguns textos impressos e guardados que li e li e li e pouco fiz. Desistia nas primeiras dificuldades de concentração. Salve o exercício do Templo Astral que eu segui e consegui visualizar do jeito que eu queria por um tempo; até uma certa vez voltar para o Templo e vê-lo quase destruido por pequenas criaturas imaginadas de um livro que eu estava lendo na época. Fui dormir e não voltei mais. Já imagino sua resposta parecida com (…)”separa as crianças dos magos”…
    O tentar não existe no A A.’. A.’.? Ou faz ou desista e mantenha-se na matrix?
    Eu quero me inscrever, mas corro o risco de ser enxotado pela egrégora da própria ordem?
    Obrigado e parabéns por mais essa iniciativa.

    @MDD – Não é por acaso que o primeiro demônio guardião dos portais de Yesod seja a Preguiça. Não sei se existe o “tentar” com o seu SAG… como diz o Yoda… “do or Do Not, ther is no try”…

  39. Alessandro

    “Pertencer a uma Ordem Iniciática não faz de você uma pessoa melhor,
    Ter muitos conhecimentos magísticos não faz de você uma pessoa melhor,
    Estar em uma religião não faz de você uma pessoa melhor,
    Ser uma pessoa melhor faz de você uma pessoa melhor“.
    – Frater Alef

    Cara mto show esse texto, tipo ja faz o Orgulho do povo ir baixando na porta do castelo kkk, e eu nao posso negar que é mto emocionante chegar ate aqui pelo sedentario, depois TdC, Mayhem ta parecendo evolução de personagem de anime kkkk valeu MDD é chegada a hora da gente tentar fazer algo maior, pra nós e pra todos.

    Ps: Gostei do fato de nao ter tempo para entregar os trabalhos isso me prejudicava mto em uma ordem que participava, alias foi um dos motivos da minha saida.

  40. Rev.Breno

    Mdd, só para deixar mais claro:

    O relatório é marcado a cada dia de treino e agrupado no mesmo corpo de texto ou o relatório é um texto englobando todos os treinos feitos?

    @MDD – Da maneira que voce achar melhor. Pode me mandar só o resumo ou seus comentários sobre o m~es se preferir e manter os relatórios diários só no seu doc pessoal, sem problema.

  41. Vinícius Flávio

    Tio DD, há alguma “bibliografia recomendada” antes mesmo do grau neófio, ou a ordem e seus próprios estudos bastam? Pergunto isso porque vi pessoas de níveis diversos nos comentários e temo que meus conhecimentos não sejam suficientes.

    @MDD – Não faz a menor diferença se você for um zero-km ou um Mestre Maçom grau 33… quem determina o passo que você vai seguir dentro da AA é você mesmo. Um mago experiente que já tenha feito diversos dos exercícios (Templo Astral, altar Pessoal, conheça seu mapa, etc) em outras ordens vai, obviamente, avançar mais rápido do que você, porque ele já tem o traquejo, mas isso não faz a menor diferença, porque os exercicios preparam a pessoa para chegar no mesmo lugar, que é a comunicação com o SAG.

  42. Victor Mantovani

    Dúvida besta.

    Qual o significado de “Arcanum Arcanorum”

    @MDD – Muita gente perguntou o porque das iniciais AA da Egregora.
    apesar da “Astrum Argentum” ser a vertente mais conhecida desta egregora, por conta do Crowley, as iniciais AA respondem por uma série de sub-egregoras: Argentium Astrum, Astron Argiron, Arikh Anpin, Angel and Abyss, Al-Anon (que aqui no Brasil virou Alcoolicos Anonimos)… por que “A” “A” ?

    A resposta esta nos chamados Portais. O Sepher Yezirah procura demonstrar que todo o Universo emanou gradualmente do espírito do Único Deus Vivo. E se Deus é necessariamente Deus, e se é uma Unidade Absoluta, o efeito imediato Dele provindo só pode ser também uno, ou seja, uma unidade. E como isso aconteceu? Segundo o Sepher Yezirah, toda criatura e toda palavra emanaram de um nome oriundo da combinação das VINTE E DUAS LETRAS DO ALFABETO HEBREU SEM PERMUTAÇÃO. A fórmula n(n – 1)/2 dá o número possível de combinações das 22 letras duas a duas sem permutação, ou seja: 2(22 – 1) ÷ 2 = 231 (duzentos e trinta e uma) combinações.

    (Na magia Runica, chamamos isso de “Brandrunar” – inscriçoes e amuletos com duas Runas). Na Kabbalah utilizam-se de duas letras em um foco de consciencia que atrai aquela faixa vibracional.

    AA = Alef Alef.

    As três letras matrizes, sob outro aspecto, têm uma significação essencial, que pode ser assim resumida, segundo o Sepher Yezirah:

    “Deus deixou a letra ALeF predominar no ar primitivo, coroou-a, combinou uma com a outra e formou delas o ar no mundo, umidade no ano e o peito no ser humano…”

    “Ele deixou a letra MeM predominar na água primitiva e coroou-a, combinou-a com a outra e formou delas a terra…, friagem no ano e o ventre no ser humano…”

    “Ele deixou a letra ShIN predominar no fogo primitivo, coroou-a, combinou-a com a outra e formou delas céu no mundo, calor no ano e a cabeça do ser humano.”

    Desta maneira, AA representa o Sopro da Vontade Divina. A Força Motriz que criou o Universo.
    Daí sua correlação com a Arca da Aliança (AA?) Arcanum Arcanorum, a presença divina que anima toda a criaçao. O potencial criativo em todo o seu fulgor… um Erê acompanhando o louco do tarot kkkk
    AA é a força de vontade divina que lhe dará aspiração para realizar sua Verdadeira Vontade.

  43. Rafbts

    O exercício de visualização pode ser feito duas vezes seguidas?

    @MDD – Pode sim. Até mais… eu costumo fazer uma vez por dia, quando abro o blog, clico no link e vejo qual o “desafio” do dia… vejo qual é o objeto e, enquanto vou lendo e respondendo os comentários, vou criando os objetos sobre a mesa. As vezes gosto de fazê-los flutuar e voar em círculos ao redor do monitor antes de dispensá-los (mas isso que estou descrevendo é o modo HARD… eu faço isso há anos). O modo EASY é abrir a pagina todo dia, concentrar apenas no objeto até que você consiga pegar uma manha… depois de um mês, você já deve estar conseguindo criar o objeto e mantê-lo enquanto faz outras coisas, o que é o ideal, por conta, por exemplo, do RMP onde voce precisa criar o círculo e depois ir fazer outras coisas e manter a certeza de que os pentagramas estarão lá.
    As vezes eu crio os objetos, daio pra pegar um café mantendo a concentração e, na volta, os objetos AINDA precisam estar sobre a mesa onde eu os deixei… são variações que ajudam bastante…

    1. Phillipe

      Caramba será um grande desafio a ser vencido por nos chegar neste HARD mais com perseverança conseguiremos.

    2. Donilo

      Se não é apenas uma construção mental sua, então outras pessoas (que tenham clarividência, por exemplo) porderiam ve-los flutuando tambem?

      @MDD – As vezes acontece. É raro e sem controle demais para nos candidatarmos ao milhão do James Randi mas já tivemos excelentes resultados nesses exercícios com alguns médiuns videntes.

      1. Magick

        Estou na dúvida. O Exercício de Visualização devo fazer de acordo com os objetos da monografia e/ou de acordo com a página aleatória do site? Tanto faz?

        @MDD – de preferencia com os aleatórios do site, para um desafio maior.

  44. salu

    Boa tarde,
    Gostaria de alguns esclarecimentos:
    quais seriam as Ciências que compõem a Espiritualidade??
    no aguardo.

    @MDD – O que voce entende por Ciências que compõem a Espiritualidade?

  45. Pseudo-Cético

    Poderia dizer porque a ordem solicita CPF? Se não existe cobrança de nenhum valor financeiro, me parece que este documento não serve pra muita coisa.

    @MDD – Serve para verificarmos se você é você mesmo; depois não tem utilidade mesmo.

  46. Regis

    Perguntinhas:
    – Pertenço a uma egrégora espírita, e ainda por cima fazemos aqui evangelho no lar.
    Ter um exu trevoso de sopetão montando guarda aqui não vai dar um chabu energético?

    @MDD – e voce acha que nao tem nenhum no centro kardecista tomando conta la? Voce nao vai ficar com medinho so porque a entidade se chama “Exu Trevoso”, ne? esse nome só quer dizer que ele trabalha nas energias de Hod e Daath. O “Tranca Ruas” (Hod, Geburah), “Ogum Beira-mar” (Geburah, Yesod), “Arranca-Toco” (Geburah, Chesed), “Sete Montanhas” (Coroado, Binah) e assim por diante… se eu colocasse os nomes estilosos deles em hebraico voce ficaria mais tranquilo? kkkkkk

    – Alguns videntes que já deram as caras por aqui puderam relatar (além dos espíritos habitués) outros espíritos fazendo a segurança, como alguns caboclos e indígenas (com lanças, arcos e etc…). Repito a pergunta de cima: não vai dar chabu mesmo?

    @MDD – Não. Pelo seguinte: Quem vai fazer a segurança da egregora são os chamados “Servidores” que são golens construidos astralmente pelos próprios estudantes da Ordem. Não posso entrar em detalhes, mas seu SAG estará supervisionando tudo e sua base será seu Templo Astral. Voce aprenderá rituais para criar um par de golens/servidores que ficarão unidos… um no seu Templo Astral, um permanentemente em patrulha junto com todos os outros golens. as entidades que protegem sua casa tem necessariamente de estar em harmonia com um servidor de defesa criado por voce, senao tem algo errado com a sua casa e com suas entidades protetoras (não vai ter; estou só trollando).

    – Quando mencionou, num comment acima, de “se entender com o SAG”(sobre a pêia energética), isso significa que o SAG pode ficar zangadinho e dar uma revirada na vida da pessoa?

    @MDD – o Juramento de Probacionista implica em assumir o compromisso com o seu SAG de buscar a VV ou ser penalizado por ele (“pelo amor ou pela dor”, como dizem os kardecistas) e implica SIM em tornar-se uma pessoa melhor, custe o que custar e nao ha voltar atras… olhar pra tras a partir desse ponto transforma voce em uma estátua de sal, capisce? Como disse o Morpheus “depois de tomar a pilula vermelha nao tem volta”.

    – E último: precisa mesmo de RG e CPF?

    @MDD – se voce tiver outra maneira de me provar que voce é voce mesmo e nao um fake, ok.

    1. Alex

      MDD, onde posso ver uma explicação mais abrangente e de mais entidades da umbanda dentro da árvore da vida?

      @MDD – Está sendo feita… da uma fuçada na Wikipedia de Ocultismo que tem alguma coisa postada lá.

    2. Regis

      Não tem nada a ver com ter “medinho” de uma entidade só porque o nominho dela é “exu trevoso”. Grupos de desobsessão, inclusive de lugares onde eu participei/participo, lidam com coisas daí para pior (claro, não quer dizer que façam isso sem dificuldades, mas a dificuldade é inerente ao processo…). Entidades de nível vibratório mais baixo inclusive nos auxiliam (afinal, quem age tem que ter compatiblidade vibratória com o trabalho…). A questão final era se ia dar problema mesmo de choque de egrégora.

      @MDD – Nao ha, porque os guardiões da sua casa estao em harmonia com o seu SAG (eles têm de estar!), que será o gerenciador de todo o processo no seu Templo.

      Quanto ao juramento, ser uma pessoa mehor e assumir compromisso com isso é difícil realmente, e fazer o juramento é louvável. E saber que vai (provavelmente) levar uma pêia se voltar atrás é um ótimo ….. hmmmmm…. “estimulante”. Mas a lei de retorno (que existe independente de denominações herméticas ou religiosas) já dá cabo nisso naturalmente, não é mesmo? Não seria isso um substituinte do medo do “castigo divino”? – Veja bem, não estou perguntando para trollar, é um questionamento sincero, embora possa parecer áspero.

      @MDD – nao nao nao… uma vez feito o juramento, voce esta PEDINDO ao Universo e ao seu SAG que acelere a sua evolução, entao significa que nao vai rolar mais um “faz e paga na vida que vem”… para um mago, é o reto pensar, reto falar e reto agir… desvios de conduta para fora da sua essência já são pagos e corrigidos na hora pra nao ficar pendencia karmica… Bem melhor do que castigos divinos futuros.

      E por fim, RG e CPF podem ser falsos, a não ser que você tenha como conferir. Tem?

      @MDD – Site da receita federal 😉 Para eliminar o grosso de fakes; depois o Juramento elimina o resto.

    3. Lu ;-)

      MDD, bom dia. Tenho a seguinte dúvida…tenho visto vc falando bastante sobre : “guardiões, servidores, golens, patrulha astral, proteção da egrégora”, etc..
      A pergunta é a seguinte: para quem já participou anteriormente e participará do Omer desse ano, podemos esperar uns eventos mais “hardcore”, então…?

      Sincronicidades mais “barra pesada”, e tal…? Te pergunto isso pois , tal como a procupação postada por outro Frater, (que agora não lembro se foi em post aqui ou em outro tópico), falava da preocupação com a família e pessoas próximas, durante esse período de admissão na Ordem.
      Entende…coisas que o “mundo créu” pode aprontar, visando desestimular os Estudos e Práticas.

      Outra coisa…vc disse que , nesse primeiro momento, ainda não ocorrerão reuniões em Templo…mas há impedimento para que se formem grupos de estudo, entre pessoas da mesma cidade, para trocar experiências? ou é mesmo melhor esperar mais um pouco?

      @MDD – Todos os procedimentos servem justamente para amenizar qualquer tentativa de problemas do mundo créu.

  47. Adilson

    “@MDD – Não é por acaso que o primeiro demônio guardião dos portais de Yesod seja a Preguiça. ”

    Confesso que desde o final do ano passado não pratico exercício algum, mas algo dentro de mim estava me alertando pra tomar uma decisão, e decidi continuar, essa semana recebi o e-mail com as monografias e os exercicios.

    Não ta sendo nada fácil, cedi sim, mesmo que demore um pouco mais, vou conseguir fazer os exercícios e terei bons resultados, estou decidido. Já cheguei aqui, não tem mais volta. Um compromisso firmado comigo mesmo.

    1. Adilson

      Só pra complementar:

      É normal sentir sono e/ou dor de cabeça durante e após os exercícios?

  48. Rodrigo D.

    Interessante como mesmo diante de tanta advertência acerca da busca de sua verdadeira vontade (e do juramento que haverá de ser feito) ainda tem gente preocupado com o RG e CPF…

    @MDD – Rod, tem de lembrar que voces já me conhecem ha 4, 5 anos, e já fizeram cursos comigo e talz, mas tem uma galera que cai aqui pelo google, curte a ideia mas nao faz ideia de quem eu sou o o que está por trás de toda essa egrégora.

  49. Pergunte ao IP

    “Coroado”… você nem disse o nome da esfera. Seria Kether? Se for, esse Sete Montanhas deve ser um tremendo figurão, pau a pau com os serafins e talz…

    Bom… sobre a questão dos golems, um garantindo a proteção da galera, outro, servidor pessoal, para proteger as familias e pessoas próximas a elas. Perdoe minha insistência no assunto, mas um só construto(?) que estará ligado ao Probacionista terá como cuidar da proteção de toda a família do sujeito? Ou, digamos, se os membros mais próximos, como os pais, forem separados, ou filhos morarem longe? Ele terá como garantir a proteção dos dois ou será preciso criar mais servidores (e se esforçar dum jeito monstruoso pra visualizar, manter a concentração etc)?

    @MDD – Os servidores protegem os probacionistas de intervenções externas, mas não podem interferir em pessoas que nao desejam fazer parte da egregora.

    Outra duvida, mais geral. Por que após tanto tempo (250 anos), a A.’.A.’. resolveu (ou resolveram) se manifestar com seu nome original e começando justamente aqui no Brasil? Por que esse é o momento e lugar apropriado para que os responsáveis por ela decidissem manifestá-la às ~massas~? O que há de tão especial em 2012 que não havia em 1999 e nas outras datas de fins do mundo?

    @MDD – Internet. Mas não começou agora… eu fui iniciado em 1989, o AA apareceu nos meus RPGs em 1995, depois tivemos a coluna no sedentario, o blog, o Projeto Mayhem… Em uma semana tivemos mais gente fazendo as instruções de Atrio do que em TODA a história da Golden Dawn… isso é um bom motivo, nao? Nao acredito que a data tenha sido escolhida por conta do 2012 mas nao é impossivel.

    1. Márcio

      MDD, uma das dúvidas que tenho é semelhante à pergunta do Pergunte ao IP, com relação à proteção. Talvez eu esteja sendo redundante ao perguntar, mas… em um comentário anterior, você falou sobre “servidores pessoais para proteger as familias e pessoas próximas”. No entanto, nesse comentário você falou que “Os servidores protegem os probacionistas de intervenções externas, mas não podem interferir em pessoas que nao desejam fazer parte da egregora”, e isso me deixou confuso. Os servidores protegeriam a casa do Probacionista e consequentemente quem está dentro, analogamente a um campo de força, ou protegeria as pessoas próximas, como esposo/esposa e filhos, independente de onde se encontrassem?

      @MDD – Eles protegem a casa (Templo) onde a pessoa está, mas têm seus limites. É impossível para um servidor ajudar, por exemplo, uma família que vibra no mundo créu, assistindo ratinho, novela e big brother todo dia, porque estas pessoas nao tem capacidade de sintonizar na egrégora (já estão sintonizados em outras coisas). Se voce educa seus filhos nas virtudes hermeticas, tentando manter uma conexão divina, OK, certeza que eles estarão protegidos, mas servidores são ondas energeticas.
      Fazendo uma analogia: é como voce ter o telefone do segurança particular, mas sua familia joga na bolsa e não acha mais e, em caso de problemas, nem sabem que tem esse telefone.

      Outra dúvida que surgiu, sobre a questão do acerto entre o Probacionista e seu SAG em função de um desvio: isso se aplica caso o estudante erre, ainda que com intenção de acertar(algo como “incompetência”), caso o estudante se “rebele” em relação à sua VV ou em ambos os casos?

      @MDD – Nao procure “brechas na lei”… o seu SAG _SABE_ quando voce errou sem querer e quando esta tentando ser espertalhão. Voce pode mentir pra todo mundo, menos pra voce mesmo. E mesmo se tentar mentir pra voce mesmo, seu SAG é mais esperto do que voce mesmo.

      1. César

        Perguntas, talvez meio bobas mas que gostaria de fazer.

        1 Então no caso de minha família viver em outra casa (Templo), ela estaria desprotegida ? Até que nível outras pessoas podem ser prejudicadas por minhas ações, visto que cada um tem seu Karma e não faz sentido outros responderem por algo que fiz ?

        @MDD – Voces ficam com muito medo dessas coisas kkkk.. parece os posts de succubus kkkk. Sério; é impossível generalizar, pois cada caso é um caso, depende de quem são os familiares, as egregoras que estao ao redor, etc. Voces estudarão mais sobre estas egrégoras na segunda monografia de Atrio.

        2 Durante os estudos iniciais, no Grau de Atrio e Probacionista já estamos sendo protegidos pela egrégora ou começaria a partir do momento que entramos de fato na Ordem, no grau de Neófito ?

        @MDD – Foi programado para já entrar na proteção no juramento de probacionista; e os servidores são criados e unidos ao exército durante o grau de Probacionista já.

        3 Seria interessante escolher um horário padrão para que todos fizessem os exercícios a fim de “potencializar” as energias, ou isso é besteira ?

        @MDD – É uma possibilidade sim, dadas as horas e dias planetários. A AMORC (com dia e horário) e a Maçonaria (com horário) fazem isso para potencializar os rituais… eventualmente, mais para a frente, temos estas escolhas de dias da semana, mas o melhor dia depende do tipo de ritual escolhido.

  50. R. Vambasters

    Marcelo, no caso da pessoa ser admitida como Neófito, sera obrigatorio participar de reuniões no plano físico? Pergunto porque sou de Marília, interior de São Paulo e parece, pelo que vi nos comentários, que há pessoas até de outros países se inscrevendo. Que farei se não tiver um grupo em minha cidade?

    @MDD – Não é obrigatório. Mas acredito que em algum tempo teremos grupos de 3, 5 pessoas em cada cidade.

  51. Gimmel

    Não aguenta, bebe leite!

  52. Pseudo-Cético

    Há muito diz o ditado: “não havendo o que falar, fique quieto, pois só o silêncio é Mestre”.

  53. jozu

    ola.
    Estou tendo problemas com o exercício da vela. O pessoal aqui e casa está reclamando. Posso substituir a vela por um ponto na parede, ou só a vela mesmo?

    @MDD – Pode.

  54. Robson

    tenho perguntas sobre o “A.A”

    @MDD – que bom.

  55. Robson

    Caro Marcelo,
    Há uns três anos acompanho teu blog… praticamente tomei contato teórico com o mundo da magia e ocultismo através dos teus escritos, nos quais confio, e muito. Por algumas vezes até mesmo escrevi pessoalmente a vc com dúvidas sobre magia, no que sempre fui respondido de maneira muito gentil.
    Algumas perguntas sobre o “A.A”:

    1- Não entendi como o SAG vai estar em comunhão com as entidades protetoras… e se meu SAG não estiver em comunhão com as entidades?

    @MDD – O servidor astral que protege seu Templo foi criado por voce para sua proteção, portanto, com autorizaçao do SAG. Ele é o elo de conexão entre o seu Templo e os outros servidores, que estão na Egrégora. Em caso de qualquer problema, quem faz a conexao astral entre seu templo e a egregora é o seu servidor, criado pelo seu SAG… me explica COMO ele não estará em comunhão com as entidades?

    2-Há a questão dos paramentos (os quais vc frisou em uma resposta, que serão necessários…) Um cara que mora com a família teria problemas… não há flexibilidade nesse ponto?

    @MDD – Nao muita… mas nao se preocupe. Não ha robes ou mantos que vão assustar sua família. O termo correto seria “ferramentas”, não paramentos (paramentos é um termo que se refere a roupas geralmente). Se você não puder acender velas, use outro símbolo para o elemento fogo (isso tudo será explicado) e asim por diante.

    3-Meu mundo virou de pernas pro ar depois que comecei a praticar o método bardon (e não obtive muito sucesso nele, infelizmente, apesar de ser assíduo e persistente, tanto que parei, e as coisas melhoraram um pouco)… Em que o método do “A.A”, diferencia-se do método Bardon, já que este também buscava o encontro com o SAG, e também tem como proposta o desenvolvimento solitário por parte do praticante?

    @MDD – Diferencia-se na medida em que na AA teremos 500-700 pessoas organizando defesas conjuntas astrais contra estas intervenções, enquanto um unico estudante fazendo o metodo do Bardon é um pobre coitado sozinho com um alvo nas costas.

    1. Leon

      Então,todo processo magico é realizado através do SAG?Se for,caso o magistica procure realizar procedimentos mágicos em contraste com o segue,não teria sucesso ou,pior,teria um revez?

    2. Emmanuel

      Que tipo de coisas fizeram seu mundo virar de pernas pro ar?

      Faço Bardon e tudo tem ido muito bem; problemas na vida há, mas isso sempre houve.

      1. Robson

        Emmanuel,

        Pertinente a sua questão sobre “coisas que fizerem minha vida ir pros ares”…

        Em primeiro lugar ressalto que cada vivência dentro da magia é único e pessoal, visto que o ser humano é diverso, porém as experiências foram desde problemas com vizinhos (de uma hora para outra) perturbadores, até mesmo assaltos e acidentes (eu, que nunca havia sido assaltado em sampa, e nunca entrei sequer num hospital como paciente…!).

        Mas quero deixar claro que admiro e estimo a obra do mestre Bardon… e que talvez eu não tenha me preparado adequadamente (especialmente no que tange ao espelho mágico – em que o estudante deve paulatinamente livrar-se dos defeitos pessoais… talvez tenha sido meu erro no processo, já que Bardon enfatiza a importância dessa etapa reiteradamente no decorrer do livro).

        1. Emmanuel

          Interessante você falar isso dos espelhos e concordo.

          Ultimamente tenho me dedicado a transmutar meus defeitos, e há algumas semanas tirei cartas a respeito de determinado comportamento e na tirada da consequência veio A Torre.

          E é um comportamento que tenho há muitos anos e nunca tive problemas “graves” com ele. Mas sabia ao ver a carta que já não seria mais assim.

          Realmente vejo que há a maior cobrança do “universo” quando escolhemos seguir esses caminhos, mas a torre só cai se suas fundações estão fracas. O problema é que quase sempre tão, né?! Acho que aí é que os servidores dão uma segurada pra que você tenha mais tempo de perceber antes que tudo desabe.

          Em que ponto você parou?

          1. Robson

            Emmanuel,

            Fui até o terceiro grau, no decorrer de dois anos, com práticas diárias (só parava sabado e domingo)… praticava no período da manha durante 30 minutos (tinha o cronograma que separava as categorias de exercícios em 10 min, cada um)…

            O bicho começou a realmente “pegar” (com acidentes, e assaltos, etc…), quando comecei a trabalhar a concentração dos elementos, os quais separava por etapas, uma semana o elemento fogo, outra, agua, e assim por diante… daí eu achar que minha maturidade e equilibrio emocionais ainda não estavam estruturados… (trabalhar com elementos é phoda, precisa ter equilíbrio… )

            Abração e espero que vc seja mais um irmão na egrégora do A.A…

            Paz e força pra todos nós…

    3. Robson

      Marcelo, obrigado pelas respostas, como sempre elucidativas.

      Não ficou claro a questão do SAG… permita-me insistir:

      1-Quem é exatamente o meu SAG? (sei que essa é uma questão subjetiva, mas gostaria da tua definição)

      @MDD – a definiçao depende da sua crença… se for mais católica, então ele é o seu “Anjo da Guarda”, se for mais espírita, é o seu “Principal Guia”, se for mais teosófica ou budista, é o seu “Eu Superior” e se for cabalista, é o estado de consciência de você mesmo como ser perfeito. se voce for ateu, SAG é “voce descobrindo alguma causa maior pela qual viver e tornando-se parte dela”. Se for pelo Budismo tibetano, é “Você mesmo no futuro, mas o futuro não existe porque o tempo não existe” kkkk.

      2-Sei da postura respeitosa que o TDC tem em relação ao homossexualismo, mas gostaria de deixar claro esse ponto, pois sou homossexual (e tenho uma vida sexual-afetiva bastante equilibrada, apenas me relaciono sexualmente com meus namorados…), porém queria saber se há problemas na minha orientação sexual em relação ao “A.A”, e aos trabalhos que nele serão desenvolvidos.

      @MDD – Nenhum problema. Convença seu parceiro a fazer os exercícios também e vocês vão me ajudar daqui um tempo, testando se funcionam ou não os estudos de magia sexual homossexual do Crowley.

      1. Anônimo

        Tudo sobre SAG está certo, exceto quando se fala que Anjo da Guarda somos nós no futuro… já conferi em outras fontes que diz que Anjo da Guarda, ou Anjo Guardião (Diferenciando do SAG) somos nós mesmos no Passado. Não no futuro. Nossa última “encarnação passada” fica cuidando de nós agora no presente… A alma dela… fica junto ao nosso lado e cuidando de nós (quando não está ocupada fazendo outra coisa no plano espiritual)… ela só tem esse propósito… porque na verdade nós somos um conjunto de 6 almas (contando com a nossa), que ficam rodando como numa “roleta de encarnações”. Agora Espírito Guia são Espíritos com finalidade específica… como os santos católicos, por exemplo… os anjos com o arcanjo miguel… Jesus também pode ser considerado um Espírito Guia… também pode ser chamado de Anjo Guia…

    4. Rodrigo

      Aproveitando a resposta acima, eu poderia estudar Bardon estando protegido pela egrégora da A.´.A.´.? Posso seguir os dois métodos ao mesmo tempo?

      E Obrigado pela iniciativa, acredito que muitos poderam se beneficiar ao entrar em contato mais prático com os estudos ocultos.

      @MDD – Pode e deve. Todo estudante da AA é incentivado a fazer parte de pelo menos mais uma Ordem ou religião (não é obrigatório, mas é recomendado).

    5. Felipe

      Caro MDD, porque sempre que começo a estudar ocultismo seriamente, com boas intenções recebo muitos ataques energéticos ? Fico em dúvida se estou fazendo algo errado, etc.

      @MDD – Não é só voce, é todo mundo que começa a desafiar as egregoras hostis dominantes kkkk

      Como quando estudo o Bardon seriamente sempre acontecem coisas ruins na minha vida, é como se o livro tivesse uma ´´magia negra´´ para que eu não o usasse. A minha duvida é: A energia que recebo é da própria egrégora do Franz Bardon, como uma forma de proteção para limitar quem vai estudar ? Esses ataques e essas energias vem de onde ?

      @MDD – olhe ao seu redor e conte quantos bares e quantas Igrejas existem na sua quadra. Alguma pista de onde pode estar vindo esta energia hostil?

      As vezes me assusto em me ver com pensamentos tão negativos e energias tão ruins. Pode me esclarecer melhor o que quiz dizer que estudar Bardon sozinho é como ter um alvo nas costas ?

      @MDD – Significa que quem começa a fazer estes exercícios começa a brilhar (quase literalmente falando, astralmente) e o povo do lado de lá percebe… se voce fosse um servo de Jizuis no astral, voce iria tentar bater no Marcelo Del Debbio ou no Zé que acabou de comprar o livro do Bardon e começou a treinar agora? eu também.

      1. Daniela Reis

        Agora muita coisa faz sentido, passei e passo por coisas semelhantes aos seus, e sempre quando começo a me dedicar com mais afinco

    6. Marcelo

      Salve Marcelo!

      Já podemos esperar ordálias antes mesmo de nos tornarmos probacionistas?

      @MDD – A idéia é fortalecer o grupo para minimizar isso, mas vocês terão dificuldades a enfrentar, a maioria vindas de voces mesmos e de seus demonios internos.

    7. illuminys

      Olá MDD!
      1-Então vc pode falar por cima mais ou menos q instrumentos serão necessários até chegar no grau de Neofito,ai ja daria quase dois anos neh?Ou não pode falar?
      Como vc falou q poderia ser usado outras coisas no lugar de velas.Desde q representa o elemento fogo.Ajuda bastante não tinha pensando nisso.Ai conseguiria entrar na A.’.A.’. e seguir seriamente.

      @MDd – Muitas coisas podem substituir uma vela na representação do elemento FOGO.

      2-Se a vela pode ser substituida significa q o q importa não é o fogo em si mas o objeto representa para o magista?Então um isqueiro,fosforo ou até mesmo um papel vermelho daria essa ideia ou é importante q o objeto esteja pegando fogo?
      3-Se sim para a questão 2 então é por isso q em algumas culturas usam uma correspondem para uma coisa e em outra cultura pode variar?

      2-3 Sim e sim. Não precisa estar pegando fogo… poderia ser até mesmo um crucifixo, se voce fosse um magista católico, por exemplo, ou uma estatueta do Buda… antes de ser FOGO, o elemento representa o ESPIRITO.

      4-Se alguém desiste ou para temporariamente a egregora vai atacar a pessoa e “politicamente” a pessoa não podera voltar se quiser depois?

      @MDD – Nao. Alguem so nao conseguiria voltar para a egregora se violasse o juramento para o Próprio SAG, mas ai voltar para a Egregora seria o menor dos problemas na vida da pessoa…

  56. Daniel

    Prezado Marcelo,
    Durante as práticas surgiram algumas dúvidas. Pensei em mandar um e-mail pessoal, no entanto, julguei a possibilidade destas serem dúvidas comuns a outros praticantes. Por isso resolvi postar aqui mesmo. As questões são:

    1) O cheiro dos objetos devem ser sentidos realmente? Ou são como que imaginados também? Seria como se eles fossem realmente percebidos na narina ou são como que se as áreas da memória olfativa fossem excitadas e você lembrasse dos cheiros?

    @MDD – Voce jah respondeu a pergunta na própria pergunta. Não deve ter diferença entre a memória do cheiro do objeto que você visualizou e a memória de um objeto real que voce um dia tenha cheirado.

    2) Esta questão tem relação com a anterior. A textura dos objetos devem ser sentidos nas pontas dos dedos das mãos que estão sobre os joelhos ou a memória resgata essas sensações em áreas específicas do cérebro e faz com que você recorde como é a textura de um mármore, vidro ou plástico?

    @MDD – a mesma coisa.

    3) Está é uma dúvida bem pessoal. Tenho 6 graus de miopia, o que me impede de fazer os dois exercícios sem óculos. Comecei a praticá-los com lentes de contato. No entanto, durante o exercício da vela, a visão embaçada foi frequente, o que me fez piscar algumas vezes. O que sugere? Continuar com as lentes de contato ou usar óculos (apesar disso, acho que os exercícios com lentes são mais confortáveis e, em relação à vela, podem ser contornadas essas dificuldades).

    @MDD – O objetivo do exercicio nao é enxergar a vela, mas relaxar a cabeça; a visao vai embaçar mesmo e até escurecer, como se o mundo ao redor desaparecesse… sabe a sensaçao que voce tem quando está em um onibus ou aviao e começa a “não pensar em nada” olhando a janela e de repente começa a “viajar”? é ESSA a sensaçao que este exercicio quer atingir.

    1. Adilson

      As perguntas do Daniel serviram pra mim também, eu tinha as mesmas duvidas. No exercício da vela (eu uso um ponto fixado na parede), acontece exatamente isso, a visão começa a escurecer e tudo, inclusive o ponto que eu fixo o olhar.

      Mais uma dúvida, no exercício de visualização, eu sei que os objetos estão na minha frente, e estou fazendo com que girem em volta de mim, como se estivesse brincando com eles, porém, não consigo ainda visualizá-los claramente, mas sei que eles estão ali, é como se eu sentisse a presença dos objetos ao meu redor. Seria essa certeza de que eles estão ali que seria a visualização? Ou não é nada disso?

      @MDD – Sim. O resto vai se ajustando com o treino… com o tempo, eles ficam cada vez mais nítidos e sólidos.

    2. Thiago

      Isso é meditar?

      @MDD – NÂO. Isso é “Contemplar”.

      1. Anônimo

        Por favor, Tio DD, poderia nos retomar o que Significa Contemplar, em sua visão Ocultista de Magia?? Pois você havia colocado algo disso no twitter com imagem de Ganesha, mas não está mais lá… :S Faz um bom tempo… Acho muito importante isso pra minha formação como pesquisador esotérico. Poderia ajudar?? Ficarei muito agradecido se puder informar… Sei que vem de Contemplare… Com + Templari, que tem a ver com verbo “Conter” + “Templo”… procurei no origemdapalavra.com mas não era o mesmo significado que você havia passado… Estou precisando… Se puder informar ficarei muito agradecido desde já… Obg.

  57. Erick

    Os relatórios precisam ser detalhados constando todas as vezes que fizermos os exercícios junto com nossas experiências, ou deve ser um resumo de todas as experiências?

    @MDD – Como voce achar melhor… Faça detalhado nos seus diários pessoais, mas pode me mandar só o resumo, se preferir. O que eu preciso mesmo saber é: quais as dificuldades, quais as facilidades, que tipo de resultados voce teve, o que deu mais trabalho, onde podemos aperfeiçoar o método, coisas assim.

  58. Alessandro

    Marcelo se puer tirar essa duvida, o exercicio de visualizacao a gente tem que tentar de varias formas como muda o metodo no link do TdC ou pode continuar só com aquele primeiro metodo da GD , digo isso porque ficar trocando é um pouco complicado sem se acostumar com o primeiro ainda.

    @MDD – Sim, é um pouco complicado kkkkk.. faz o primeiro até estar seguro, depois passa para o método dos objetos aleatórios e finalmente para o método dos objetos aleatórios enquanto você faz alguma outra coisa ao mesmo tempo… como eu falei… sem pressa…

  59. Edu

    Uma dúvida quanto ao exercício Obituário, eu escrevi 894 palavras e já passou de uma página, não tem problema se eu não conseguir chegar às 2000-3000? Não possuo tanta habilidade para escrever.

    @MDD – É o melhor que voce conseguiu fazer? deixa descansar e re-lê daqui uns dois, tres dias…

    1. Edu

      Da pra melhorar, nesse meio tempo aumentei pra 1012, só preciso não ter pressa em entregar.

      1. Nilson

        No caso, eu entendi que deveriam ser 2000~3000 toques, ou seja, caracteres e não palavras.

        @MDD – Isso.

        1. Edu

          vish eu pensei que fossem palavras, já passou de 5.000 toques então. Vou resumir…

  60. Adeptus Sokushinjobutsu

    Qual é o canal para solicitar admissão?

    @MDD – A Página da A.’.A.’. no canto superior direito do blog.

  61. Willbn

    MDD, uma de suas respostas me chamou a atenção!
    “…sabe a sensaçao que voce tem quando está em um onibus ou aviao e começa a “não pensar em nada” “. Tenho um longo trajeto tds os dias entre Trabalho e casa e nessas viagens tenho tipo experiências bem interessantes. Nas viagens consigo ficar em um estado entre o dormir e acordado, sei que não estou dormindo pois escuto tudo ao meu redor, consigo pensar onde estou, escuto músicas de celulares tocando, pessoas conversando, mas ao mesmo tempo sinto não estar ali. Porém ao praticar o exercícios, como por exemplo o da da vela, ainda não consigo resultados similares. Minha ansiedade pode estar me prejudicando?

    Obs: A título de curiosidade, tem alguma razão o ‘smile’ que aparece no canto inferior esquerdo das páginas do TdC?

    @MDD – Certeza que é a ansiedade e a vontade de “acertar” o exercício da Vela que estão atrapalhando. A sensação que voce procura na vela deve ser a mesma que você tem no Onibus… se nao conseguir, foque os experimentos no trajeto pro trabalho.

  62. Junior

    DD, existem grupos da AA sendo formados em outros países ou a “sede” por assim dizer é só por aqui?

    @MDD – A “sede” não fica nem neste plano kkkkk

  63. Ricardo

    Boa tarde DD, e parabéns pela [re]criação da A.’. A.’. !

    Duas dúvidas sobre o exercício da vela:
    1 – Minha rua é muito barulhenta, passa muito carro tunado. Sempre que fazia o exercício e o ambiente começava a “escurecer”, um barulho qualquer travava minha contemplação.

    Resolvi esse problema colocando pra tocar o CD “The Moon and the Melodies”, dos Cocteau Twins. Com a ajuda dele, consigo ficar 10, 15 minutos contemplando a chama sem piscar (apesar da minha mente consciente ainda atrapalhar). O que acha disso, é válido?

    @MDD – Sim.

    2 – Quantos dias devo relatar dos exercícios antes de enviar a primeira monografia?

    @MDD – O que vc achar mais importante.

  64. Iceberg

    A pergunta já foi feita de outras formas antes, mas torno a perguntar devido ao motivo envolvido…. Meu filho irá nascer em Agosto… já que ele ainda não está inteiramente no plano físico há uma chance maior de sofrer alguma “represália” ou influência de alguma entidade que não quer que o status quo seja modificado ? Entendi que os servidores protegem a família, mas isso abrangeria quem ainda não nasceu ? Eu me filiei a AMORC graças às leituras aqui do site, mas não encontrei essa resposta nas monografias. Agradeço se puder responder.

    @MDD – abrange se abranger sua esposa. Até o nascimento a criança é responsabilidade dela 🙂

    1. Iceberg

      Desculpe, mas não entendi…. poderia explicar melhor ?

      @MDD – O seu filho/a está envolvido na egregora formada pelos pais e nas egregoras nas quais os pais estão envolvidos, mas mais da responsabilidade da mãe… supondo que a mãe seja uma evangelica, por ex. o bebê estará mergulhado nessa influência, e assim por diante… Se voces dois estao em uma relação tranquila e estável, são esses guardiões que zelam pela criança até o nascimento. Suponha a esposa espiritualista mas de família evangélica… estará ocorrendo uma disputa astral que pode causar problemas durante a gravidez, por exemplo (as egregoras evangelicas tentando “tirar” o bebê, por exemplo). Tudo isso tem muitas variáveis e não dá para generalizar, ok?
      A idéia da proteção da AA é garantir que quem estiver estudando e se aperfeiçoando esteja protegido dessas influencias astrais hostis e isso inclui família e criança. Me manda um email que vou te passar uma magia poderosa pra voce fazer de proteção extra durante a gravidez.

  65. Rodrigo

    Boa tarde, Del Debbio.

    No exercício da vela, quando eu mantenho os olhos semicerrados, ela costuma se “dividir” em duas, e eu acabo focando não na chama, mas nessa outra imagem que se forma. Ta certo assim, ou a chama precisa ficar nítida?
    Muito obrigado.

    1. Erick

      Não precisa, o que importa é a sensação.

  66. Anderson

    Marcelo,

    eu poderia mandar essa pergunta por e-mail, mas percebi que aqui vc está conseguindo ler. rs

    uma dúvida sobre egrégoras…

    quando participo do PRONAOS, vejo que alguns que estão lá dormem de roncar.
    Em um terreiro nem todos envolvidos sabem da sua importância.
    Pelo que percebi por alguns questionamentos aqui, tem gente fazendo os exercícios sem se preocupar em saber o pq ou para que de tudo isso. Tenho a impressão de estarem apenas se “divertindo”.

    Tudo isso prejudica a Egrégora certo?
    De que forma é “compensado” ? Se é que isso existe…
    Isso te preocupa?

    @MDD – Nem. Quem tentar fazer de curioso acaba barrando nas próprias limitações… a Ordem possui todos os mecanismos para segurar a galera que não está pronta para avançar.

    1. Magick

      Achei isso importante, o saber porque e para que fazer as exercícios e acho que isso poderia estar mais e melhor explicado nas monografias da “Arcanum Arcanorum”. Espero com o tempo obter mais informações via essa Ordem (a parte objetiva dos propósitos e objetivos) e conseguir aprofundar nos meus propósitos e motivações pessoais e subjetivos, com o autoconhecimento. Para esse autoconhecimento acho bom o meio de questionários, mas não sei se o melhor meio e/ou o mais produtivo.

  67. Daniel L

    Hoje sonhei que os membros da Egrégora estavam em volta de um obelisco com 8 lados e uns 2,5 metros de altura e cantamos. Cada um estava na frente de um desses lados. O meu era o oitavo lado, mas não era hierarquia. E cada lado tinha seu líder, mas o meu não.
    Alguma relação com a realidade ou foi empolgação minha?

  68. Robson

    e aqui vai a última questão, desculpe-me, Marcelo…

    Tenho uma visão de mundo que inclui a prosperidade (prosperidade material, afetiva, ou seja, em todos os sentidos….) estudo uma profissão de que gosto e que é bem remunerada…. e acredito que a pobreza é sempre maléfica… e sou otimista por convicção… pergunta:

    -o meu contato com a ordem pode abalar essas estruturas que persigo na vida? O meu contato com o SAG poderá abalar isso? Em termos mais claros… pode haver uma dissincronia entre o que eu persigo em minha vida terrena e entre o que o meu SAG me proporá como ideal?

    @MDD – Voce está feliz e realizado? então provavelmente está próximo do seu SAG… dinheiro e prestígio na sociedade ou status ou falta-de-status não têm nada a ver com isso… a pergunta é: você está realizado? 🙂

    1. Robson

      Marcelo,

      Valeu pelos esclarecimentos todos… ao trabalho então! Estou me cadastrando na ordem… (tenho lua em àries… vou criar uns protetores para a egrégora muito powers quando chegar o momento rsrs). Robson não é meu nome real… apenas o criei para as perguntas, por questão de prudência, (visto eu ter colocado questões pessoais minhas nelas)

      VIDA LONGA AO A.A.

      Beijão e força pra todos nós!

  69. Daniel

    Prezado Marcelo,

    Novamente venho aqui buscar sua ajuda. Estou com dificuldades no exercício da vela. É normal a insistência dos olhos em se movimentarem?
    O problema não é piscar. O problema está sendo o movimento involuntário dos olhos. Acontece isso mesmo? Isso pára depois de um tempo tal como a vontade de piscar nas primeiras execuções do exercício?

    @MDD – acontece… voce provavelmente está muito tenso. Tenta relaxar mais ao fazer o exercício. a sensação que deve tentar chegar é a de contemplação… como quem está “sonhando acordado”.

  70. Nando

    Marcelo,

    Na parte do questionário é veementemente afirmado que as respostas não devem ser respondidas com simples “sim” ou “não”, mas algumas das perguntas requerem apenas essas respostas simples e monossilábicas, do tipo “vc tem algum tipo de mediunidade?”. Então gostaria de saber se não há problemas em responder de forma monossilábica essas perguntas.

    @MDD – Não.

  71. Marcelo

    Oi Del Debbio, duvidas: Qual a diferenca entre imaginar e visualizar?
    Eu acho que ate consigo imaginar os objetos mas nao creio que consiga visualizar. Meu olhos sempre me lembram que os objetos nao estao ali e acho que isso enfraquece a experiencia. Fazer o exercicio de olhos fechados tira a referencia do espaco real da mesa e das proporcoes.
    Sera que estou viajando? Acho que minha execucao ta muito fraca, tem alguma dica pra melhora-la?

    @MDD – treinar mais… mas voce esta no caminho certo…

  72. Vinícius Pedro

    havia feito esse post, mas não apareceu por aqui então postarei de novo

    quando visualizar o “d20” tudo corria normal, mas quando tentei me focar em sentir algum cheiro, senti algo estranho. senti um “aperto” na região um pouco acima do umbigo e um grande aperto um pouco acima do centro do peito e aumentava a intesidade cada vez que eu puxava o ar para respirar e tentar sentir o cheiro do d20 depois voltava para uma intensidade mais baixa. fiquei tão curioso que permaneci por um tempo imovel sentido essa sensação tentando descobrir o que aconteceria, mas acabei parando pq senti uma dor no meu ombro direito, não sei se não estava mais com uma postura erata ou era outra coisa. o que pode ter sido isso?

    @MDD – alguma manifestação no Chakra Cardíaco. Você sentiu vontade de chorar?

    1. Vinícius Pedro

      no momento em que eu estava praticando o exercício não, mas parece que estou um pouco mais chorão de uns dias pra cá. choro sem nenhuma razão e não é de tristeza.

      @MDD – isso chama “Chakra Cardíaco desenferrujando”… continua que tá no caminho certo.

  73. Jeferson

    Marcelo,

    Existe prazo para responder o questionário e ir fazendo os exercícios? Ou eu posso seguir meu próprio ritmo?

    @MDD – Sem prazos. Siga o seu ritmo.

  74. Amanda

    é necessário ter conhecimento profundo em esoterismo, essas coisas?
    eu já poderia começar os estudos mesmo sem ter teorias?
    é aconselhável?

    @MDD – Sim, pode começar sem ter nenhum conhecimento prévio. Foi estruturado para isso.

  75. Phillipe

    Ainda bem que não tem prazo porque o periodo de março a abril tem trabalhos pra serem entregues na faculdade ai tá dificil concentrar nos exercicios já que trabalho o dia todo também, respondi todas questões, falta fazer os relatórios de exercicio.

  76. Victor D'Oliveira

    Olá,
    eu estou interessado para ingressar nesta ordem, quais são os procedimentos?

    Grato, um abraço.

  77. Rafbts

    O exercício de visualização pode ser feito com pessoas na mesma sala?

    @MDD – Pode.

  78. Henrique Regis

    Salve!

    Marcelo, pequenas dúvidas depois de ler as instruções e começar a fazer os exercícios. Espero não parecer repetitivo.

    – Quanto ao “Livro das Sombras”, posso usar um caderno antigo que já foi usado, mas só sobrou folhas em branco e todo o antigo conteúdo foi arrancado? Ou é melhor um novo? A configuração do livro, além das explicações na monografia, pode ser nestes moldes? ( http://oalvorecer.com/2011/11/28/por-que-ter-um-diario-magico/ ) e ( http://oalvorecer.com/2011/11/28/como-criar-um-diario-magico/ )

    – Toda vez que eu sento para me concentrar, acabo forçando a respiração. Não fica algo natural. Lembrei de um exercício (que também ví no Alvorecer) de meditação ( http://oalvorecer.com/2012/01/11/meditacao-em-um-instante/ ), que na execução fiquei menos ancioso e ajudou um pouco na concentração nas vezes que eu fiz. Posso usar esse método?

    – E para evitar barulhos externos e das outras pessoas da casa, usei um protetor auricular para diminuir um pouco os ruídos. Tudo bem em usar ou é desaconselhável?

    Obrigado por enquanto.

    Grande abraço!

    PS. O demônio da preguiça parece que está mais forte ainda. Mas estou conseguindo vencer, pelo menos por hora.

    @MDD – Tudo pode, fio.

  79. Robson

    Pessoal, vamos ter mais coragem… aqui quem fala é um cara que já tomou na cabeça (literalmente… em assalto!, umas trocentas bontinadas de um bando de marginais… além de ter tido que aguentar vizinhos ouvintes do “GRANDE GRUPO CALIPSO”….) Pior inferno que isso , sei lá o que significa…..

    Se formos entrar pra egrégora, que tenhamos no mínimo CORAGEM…

    coragem é uma palavra bastante relativa….alguns tem muita, outros pouquíssima… mas que entremos com a nossa contribuição!…

    Se entrarmos, que entremos com nossa contribuição… todos nós temos CORAGEM DENTRO DE NÓS…….

    Nem dispersar, nem esmorecer… e isso serve pra qualquer coisa na qual depositemos nossa confiança!…..

    Abraços aos irmãos do TDC E

    VIDA LONGA AO A,A….

    vou deixar aqui um vídeo (sobre Henrique V de shakespeare… em que Henrique, o rei, tinha um exército minúsculo diante do adversário…. o vídeo fala sobre o discurso do rei aos seus homens….)

    abraços

  80. Rafbts

    Mesmo iniciantes podem fazer os exercicios apenas 3x por semana? Ou no inicio é mais recomendado fazer todos os dias se possivel?

    @MDD – até voce pegar confiança e prática, é recomendável fazer a maior quantidade de vezes possível.

  81. Lu

    Sobre o exercício da vela:
    Na primeira vez que fiz, tive certa facilidade de relaxar a visão que logo ficava embaçada, mas não consegui relaxar muito por que começo a sentir uma certa dor (não é bem dor, é mais um desconforto) no meio da testa. Aí meus olhos se desconcentram e volto pro início… estou fazendo certo? É para a visão ficar embaçada mesmo? Tipo, desfoque, como se estivesse olhando para além da vela.

    Outra coisa, senti um pouco de medo tb, que me impediu um pouco de relaxar, uma coisa estranha como se estivesse alguém me olhando… fiquei com receio em repetir o exercício… encanação minha?

  82. LeoHId

    Boa noite MDD. Fiz minha inscrição no AA, mas caso as monografias da AMORC voltem a chegar, não vou participar da mesma por enquanto ou por tempo indeterminado. Tenho até vergonha de perguntar, mas preciso: nossos dados estarão seguros? Muito obrigado pelo seu trabalho. É de uma qualidade ímpar. Parabéns.

    @MDD – os exercicios da AA ajudam e impulsionam os da AMORC, eles não são divergentes. Sim, eu sou a única pessoa que tem acesso aos dados de voces. Os que passarem para o grau de Probacionistas recebem um numero de 8 digitos e se tornam anônimos até o grau de Neofito, quando escolhem um nome iniciático. Ninguém tem acesso aos resultados das monografias iniciais e as monografias de probacionistas são narradas de maneira anônima (serão corrigidos/vistos por membros do grau de Zelator, que não saberão as identidades dos probacionistas), pois o importante é a compreensão dos caminhos e esferas.

    1. Leo Hid

      Boa noite MDD. Muito obrigado. Nos dias de hoje a internet nos permite acessar conteúdos singulares como os seus mas, da mesma maneira, nos impressiona com a segurança precária. Fico mais tranquilo assim. Aguardo as monografias iniciais. Paz profunda.

  83. Octávio Abrão

    Olá, eu pratico apometria, gostaria de saber se terei uma restrição no grupo AA, ou na apometria, por participar do AA. E também gostaria muito de fazer o curso só que não tenho conhecimento de outros métodos ocultos ou de linguagens, isso é um impecílio?

    @MDD – Nenhuma restrição, muito pelo contrário.

  84. Allan

    Ei Tio Marcelo, beleza?

    Me surgiu uma dúvida sobre a ARCARC (acabei usando esta sigla para diferenciá-la de Alcoólicos Anônimos, American Airlines, Astrum Argentum, etc): Embora dito que a ordem não trabalha com thelema, a proposta de contactar o SAG e descobrir com ele o método a ser usado ao invés de simplesmente copiar as velhas fórmulas, é bem thelemita para mim e (parando para pensar que cada um realize as coisas por meio de um método próprio) às vezes até caótico (não que eu ache tais tradições horrendas, pelo contrário, acho elas apenas incompreendidas). Isso é “coincidência”?

    @MDD – o AA não é thelemita. O “rotulo” mais correto seria “Alquimica”.

    1. Allan

      Entendo. Eu acredito que no final todos estes rótulos (alquimsta, rosacruciana, thelemita, caoísta…) acabam sendo tudo a mesma coisa. Em todas as ordens os símbolos são necessários para se adquirir e trabalhar conceitos, mas no final em todas as ordens, quando se conquista o adeptado, você incorpora estes elementos e começa a não depender mais tanto deles e aí que você começa a trabalhar as coisas mais do seu jeito, o seu método.

  85. Cesar

    boas MDD… mandei minha inscrição para o curso, já ha alguns dias.. e ainda nao recebi nem uma resposta… as resposta costuma demorar mesm ? se sim, quanto tempo ?
    haa.. outra coisa… ha a possibilidade de nao ser aceito ??
    abraços…

    @MDD – 1) Esta semana esta demorando porque estao mudando os micros na editora e eu uso um programa lá para mandar os emails das monografias para o pessoal. Acho que deve resolver no começo da semana que vem.
    2) Não. Os Atrios estao abertos a todos os buscadores.

  86. Renê

    Marcelo, quanto tempo após o preenchimento do formulário demora em média para ter alguma resposta? Li pessoal falando em 7 dias pós cadastro, mas o meu formulário faz um pouco mais de 2 semanas que enviei (e sim já revirei minha caixa de spam hehe)
    Abraços.

    @MDD – Tive um atraso por uma reconfiguração do servidor aqui na editora, ai os emails estavam voltando porque a locaweb estava considerando SPAM (muitos emails iguais enviados para muita gente ao mesmo tempo) mas acho que resolveram o problema. se tudo der certo, voce jah deve estar recebendo a mono quando ler isso…

  87. Felipe

    MDD, ao estudar seriamente ocultismo e me determinar a levar sério geralmente acontece alguma coisa que me faz perder um pouco o entusiamo. Isso poderia ser caracterizado como falta de determinação da minha parte ou ataque astral fazendo com que me impeça de “desenvolver”?

  88. D'Artagnan

    Estou perdendo a batalha pra um demônio pior que o da Preguiça (talvez sejam parentes), a Apatia: Tô sem vontade de fazer nada, o cansaço da volta do trabalho me derruba na cama, sem contar que no segundo dia do omer briguei com uma amiga de muitos anos por uma bobagem e acabei esquecendo a contagem (na verdade eu fiquei tão puto que não consegui pensar em mais nada)
    Vou no centro que minha vizinha frequenta pra ver o que tá pegando.

  89. will

    MDD.

    Nessa semana eu recebi a primeira monografia e estou muito ansioso pra começar. Mais antes eu tenho algumas duvidas. Eu moro desde quando eu nasci no fundo de um centro de umbunda que pertence a minha avó, ai no caso eu precisarei colocar isso em umas das questões da primeira monografia. e pelo fato de morar no fundo do centro, isso não ira afetar nada no decorrer de tudo.

    @MDD – Nao. Pode ficar tranquilo que isso conta positivamente 🙂

    1. will

      obrigado pela resposta MDD !
      eu tenho uma outra duvida, no exercicio de visualização eu tenho q decorar os objetos ou posso visualiza-los lendo o texto ate que eu os decore ???

      @MDD – São apenas quatro objetos para praticar, os exercícios melhores de visualização são os aleatórios que voce encontra aqui: http://www.daemon.com.br/js/exercicio_visualizacao.htm

  90. Renato

    Ola Marcelo, já ha algum bom tempo acompanho o seu site e ele tem mudado muito a minha visão sobre o ocultismo, tirado preconceitos e me ajudado a ser um homem melhor..estou muito interessado em participar da A.A., sou catolico, mas apesar de conhecer pouco de uma ordem iniciatica todos os dias minha atençao se volta para isso de alguma forma.. o q me impede eh algo sei la medo..minha vida esta atribulada.. tenho medo de minha inesperiencia me levar a algo q eu nao consiga controlar.. qual a sua opinao sincera amigo?
    Obrigado

  91. Mailson

    MDD, tenho uma duvida sobre o exercício da vela: Quando a minha concentração começa a ficar intensa eu sinto um ligeiro escurecimento no cômodo onde estou e por alguns poucos instantes só existe a vela na minha frente, nesse momento parece que a mente objetiva “volta a se ligar” e a concentração enfraquece. Por que isso acontece?

    @MDD – Porque sua mente objetiva tomou o controle novamente. Mas voce esta no caminho certo…

    1. Mailson

      Valeu pela resposta! Eu estava pensando que era isso mesmo ou talvez algum “medo instintivo animal” já que toda minha vida só a mente objetiva foi usada, treinada e alimentada. Seguirei no caminho!

  92. Ericson

    Olá Marcelo, tudo bem?! Bom, estou aqui hoje pra fazer uma pergunta, meio “noob” demais pro meu gosto…mas vamos lá: o que seriam essas defesas da Egrégora da AA? E elas se estendem aos Átrios também?
    Desculpe se foi “idiota” demais a pergunta…

  93. Rafael C.M

    MDD, sou membro da Fraternitas Rosicruciana Antiqua e estou com a primeira monografia da Arcanum Arcanorum. Gostei muito. Entretanto, gostaria de obter informações sobre a A.A, como por exemplo, se há sites oficiais, qual é a estrutura exata de graus da ordem, etc. Seu trabalho é visível e louvável, no entanto gostaria de saber mais sobre a ordem um pouco além do seu site pessoal. Muito obrigado.

    @MDD – O trabalho do AA é invisível e individual até o grau de Probacionista, onde passa a existir a possibilidade de Encontros no Templo AyaSofia. Não há sites e não haverão. Um site na internet não vai dizer muita coisa… há sites maravilhosos de “cursos de magia e prosperidade” que são uma picaretagem total, e sites bem ruinzinhos que escondem ordens extremamente sérias (o próprio site da FRA kkkkk). Gosto do adágio “A Árvore se conhece pelos frutos” então, para saber sobre o AA, basta ler os 1600 artigos que temos no blog.

  94. Beto Arana

    Marcelo, blza.
    Fiz a minha inscrição e quero começar com os exercícios, porém estou passando por uma fase muito louca no meu exercício mediúnico, passando inclusive por vários desafios difíceis e infelizmente desequilibrado emocionalmente. Tudo o que foi relatado sobre a pancadaria dos iniciantes que buscam a luz eu já vivi e vivo com frequência. Você acha que se começar os exercícios eu poderia ficar pior? Estou começando a utilizar os Raios para ver se deixo de fazer “transporte (puxada), pois isso sobrecarregou meus chákras, mas estou no meu desse processo. Os exercícios poderiam ajudar?

  95. Silva

    A Minha grande dúvida é porque é EXIGIDO o RG e CPF para participar do Arcanum Arcanorum ?
    Até hoje não entendi do porque destes dados serem solicitados como campos OBRIGATÓRIOS. Fico imaginando que os ocultistas e estudantes de várias épocas e tempos não necessitavam de dispor de dados de vida secular a questões de ordens iniciáticas (fico imaginando o Crowley dando seus documentos a ordens…)

    Desde já agradeço a atenção e aguardo resposta.

    @MDD – Não é um décimo dos documentos exigidos pela maçonaria kkkkk. Nem pedimos seus antecedentes criminais ou certidões negativas, por exemplo…

  96. sergio

    Oi marcelo, tudo bem.

    Fiz a inscrição semana passada mas não recebi nenhum email confirmando. Fui recusado?

    @MDD – Ninguém é recusado pelas portas do Templo. O que acontece é que eu vejo os formulários uma vez por semana e costumo postar aqui quando faço atualizações. Se você preencheu o formulário, apareceu uma atualização do status do AA aqui e você não recebeu o email, então deve ter caído na caixa de SPAM. me manda um email dizendo “não recebi mono 01” que eu já corrijo.

  97. Cassio

    Marcelo, bom dia!
    Uma dúvida de novato. Ao preencher o cadastro eu ja estou ligado a A.A. ? Pergunto pois para outras ordens o convite é é a única forma. Muito obrigado, forte abraço!

    @MDD – Não… o cadastro te manda a primeira monografia de 3 dentro do Atrio… até fazer parte do AA mesmo depende de você. Nem precisamos de convites, as pessoas que não possuem o potencial para a Magia vão saindo pelo caminho.

  98. Caciano Camilo Compostela

    !

  99. Marcosbs

    Boa tarde MDD, eu fiz por bastante tempo os exercicios da vela e visualização, ultimamente tenho dado uma parada nos exercicios devido a má organização e algumas coisas que aconteceram, mas pretendo recomeçar, estou na terceira monografia do Atrio.

    Estou tendo dificuldade de espaço para fazer o exercicio de visualização descrito na monografia, então só terei disponibilidade para fazer o exercicio no fim de semana, tem algum problema?

    Que objeto posso utilizar na consagração?

    E o que você acha dos exercicios da SCA, liber MMM e do Franz Bardon, existe algum conflito entre eles e a Arcanm Arcanorum?

Deixe uma resposta para Anônimo Cancelar resposta