Ações da Maçonaria no Rio de Janeiro

Recebi este belo exemplo de solidariedade e ação vindo da União maçônica para ajudar aos desabrigados no Rio de Janeiro.

ONGS :Minha ajuda sua casa e Salve a Serra
Loja Maçônica Três Luzes de Teresópolis e
Loja Maçônica Maestro Tom Jobim de São José do Vale do Rio Preto.

Com o intuito de ajudar aos desabrigados pela tragédia que se abateu sobre a região serrana do RJ, estabelecemos contato com o Sérgio Lese da Três Luzes e demais irmãos da Loja. Todos compraram a idéia e assim iniciamos a parceria com o descarregamento de dois caminhões e um ônibus escolar com donativos oriundos da cidade do Rio de Janeiro, através das ONGS acima citadas, no mesmo dia.
Com o apoio das cunhadas e irmãos da loja, mais Demolays, sobrinhos e alguns voluntários iniciamos o trabalho que perdurou por 09 dias consecutivos.

Nesse período recebemos 23(Vinte e três) caminhões destes, 20 (Vinte)através das ONGS Minha ajuda sua casa e Salve a Serra e 03 (três) a seguir:
. Um caminhão que nos foi enviado através de nosso irmão Flávio Gueiros da Teresópolis Primeira, sendo este carro doado pelo nosso irmão Phaschoal;
. Um caminhão que nos foi doado pela CONAB, através das Srªs Ida e Anna;
. Um caminhão que veio através do Grupo Caxias Shopping.
Recebemos ainda a ajuda de diversos doadores pequenos e anônimos.
Ao chegarmos no galpão da Loja Três Luzes, já havia a arrecadação de água mineral e as velas doadas pelo irmão José Ricardo.

Foram montadas cestas básicas compostas dos seguintes itens:
05 Kg de Arroz
03 Kg de Feijão
01 Kg de Café
02 Kg de Açúcar
01 Kg de Sal
01 Kg de Fubá
01 Kg de Macarrão
01 lata de Óleo de Soja
01 Lata de Sardinha
01 Lata (Sachê) Extrato Tomate
01 Pct Pregador de Varal
02 Esponjas
02 Panos Perfex
03 Pct de Biscoitos sortidos
01 Kg Farinha de Mesa
02 und Água de Coco

Obs. Recebemos 128 (Cento e vinte e oito) cestas montadas em Balde de Plástico.

Foram montados Kits de Higiene Pessoal :

03 Sabonetes
02 Escovas de Dente
03 Absorventes
02 Pastas de Dente

Foram montados Kits de Limpeza:

01 Vassoura de piaçava ou cerda de nylon
01 Rodo
01 Água Sanitária
01 Cloro
01 Pano de Chão
01 Balde plástico
01 pá de lixo
01 desinfetante
01 detergente

Além dos Kits acima recebemos muita água mineral, água de coco, água de coco com abacaxi. Uma doação também de kits montados de rodo e vassoura( do Irmão Rui da Loja Maçônica Fraternidade Mageense, que nos chegou através de nosso irmão Mauro da T1).

Montamos e distribuímos ao todo 1478 (hum mil quatrocentos e setenta e oito) cestas básicas, não anotamos os Kit de Higiene e Limpeza, porém quase todas as cestas acompanharam os referidos Kits.

Ajudamos também a diversos grupos que nos procuraram como Igreja Batista do Imbiu, Pousada Saint Germain, a creche da Coréia, a Associação da Quinta Lebrão, e a diversas pessoas que estão com famílias abrigadas em suas casas.

Temos que agradecer a todos que nos ajudaram nesta empreitada, com certeza iremos esquecer de alguém mas nos perdoem antecipadamente, pois nossa intenção é apenas relatar o que nos fizemos e prestar contas. Todos ,sem distinção foram importantes neste momento que passamos pela maior tragédia de nosso país e de nossa cidade.

Ao Dr Pereira e Antônio Francisco, Artur Becker e Mauro que todo dia ao fim de tarde levavam cestas para serem distribuídas nas diversas regiões, nossos agradecimentos.Para registro entregaram em torno de 280 cestas,além de Kits Higiene, kits de Limpeza e Água Mineral.

Ao Gustavo que viemos a conhecer através da Salve a Serra, que colocou-se à disposição o dia inteiro com sua pick-up tracionada e incansável fez grande parte da distribuição no interior. As entregas aconteceram também com motos e carros pequenos . Contando com a ajuda dos escoteiros, voluntários e demolays (meninos que fazem parte de atividade para-maçônica) fizemos a entrega dos donativos até onde o carro não ia. Saindo de manhã e retornando à noite. Nosso carinho e agradecimento.

Às nossas cunhadas, que foram incansáveis no trabalho. Quero agradecer a todas, mas dentre elas destacar o trabalho da Ângela, Vera e Lilian.

Enviamos a São José do Vale do Rio Preto três cargas de mantimentos, águas, roupas, e etc. sendo o primeiro caminhão fretado, e os outros dois caminhões foram cedidos e dirigidos pelo nosso irmão Ordener Santos, a ele nosso muito obrigado.
Cabe esclarecer que em todas as cargas destinadas a São José, nosso irmão Sinval da T1 e nosso irmãos Hermes da Divino Mestre acompanharam as cargas para ajudar no descarregamento.

Ao nosso irmão Gilberto Queiróz que além de distribuir cestas básicas nas diversas localidades de nosso município também foi nosso protetor dos animais. Levou ao abrigo de cães e gatos abandonados e perdidos desta cidade a ração que recebemos, além de material de higiene para limpeza das baias.

Encerramos ontem (23/01/11) a distribuição na Loja Três Luzes, porém o trabalho continua na Loja George March, no depósito da Auto Dias Ermitage (Antiga Concessionária FIAT).

Queremos agradecer a todos e dizer que fizemos a nossa parte inicial, porém o trabalho está só começando. Outras batalhas virão e devemos mostrar o mesmo espírito de união que tivemos nesta primeira batalha. E digo que depois de muitos anos de iniciado vejo pela primeira vez na minha caminhada maçônica um movimento tão forte e tão nobre como este.
A emoção daqueles que ajudamos, somente estando presente para sentir . Quantas vezes vimos nossas cunhadas e demais participantes chorando…

Quantas vezes fomos tocados de forte emoção? Quanto nos custou fazermos este trabalho?

Acho que nos custou muito pouco, pois fomos mais beneficiados do que beneficiamos, portanto o nosso muito obrigado as ONGS – Minha ajuda sua casa e Salve a Serra.

Cabe aqui esclarecer que o coordenador da ONG Salve a Serra é o meu filho Raphael Guarilha, e ele juntamente com a ONG Minha ajuda a sua casa, nos possibilitou realizar este trabalho maravilhoso, que fizemos aqui. Ao irmão Phaschoal e Flavio Gueiros , a Sra Ida e Anna (CONAB), ao grupo Caxias Shopping e doadores diversos , nosso muito obrigado também.

Claro que a parceria com a Loja Maçônica Três Luzes de Teresópolis, na pessoa de seu Venerável Sergio Lese, foi importantíssima. Vale ressaltar: que quadro de obreiros maravilhosos! Sem eles não teríamos o sucesso que tivemos. Acredito que deverá entrar para os anais da história da Loja, o movimento ora realizado pois, será de orgulho para os seus integrantes atuais e futuros e a história com certeza, irá fazer a justiça de nomeá-los no momento oportuno já que foram os grandes homens que ajudaram nesta tragédia de magnitude ímpar da história do Brasil e de nossa cidade.

Se deixei de citar alguém me desculpem pelo esquecimento pois, estou envolvido pela emoção ao relatar aqui os fatos consumados de nosso trabalho. Gostaria também de agradecer ao GADU a possibilidade que me foi confiada de poder junto a todos vocês, realizar esse trabalho tão nobre.
Quero ainda lembrar que nossa primeira batalha foi ganha, porém, muitas outras virão até vencermos essa guerra! Nosso trabalho apenas começou…
Obrigada!

Marcos Guarilha – Loja Maçônica Maestro Tom Jobim – São José do Vale do Rio Preto-RJ

Este post tem 4 comentários

  1. Stefan

    Olá Marcelo, inicialmente eu iria postar nos resultados da Hospitalaria de janeiro de 2011, mas o post não está abrindo aqui em casa.
    Então, faz um tempo que estou tentando entrar em contato com você, mas acredito que você estava muito atarefado por conta das suas férias.
    Gostaria de saber se meu email com meus dados chegaram até você, por favor me responda assim que puder.

    @MDD – Link quebrado corrigido. Chegaram. Mapa feito, Sigilo na fila…

  2. Tomás

    E tem gente que ainda acha que a Maçonaria é ”marvada” pelo o que eu entendi a Maçonaria é preocupada com o bem-estar dos cidadãos e o desenvolvimento dos seus membros e da sua Egregora.

    Mal sabem que os verdadeiros ”vilões” da história são as pessoas que prendem o gado a ignorância. Como por exemplo aquele pastor de uma igreja que bloqueia o chackra ajna,etc.

  3. PeX

    O que são as Cunhadas?

    @MDD – Todos os maçons são irmãos… a esposa do seu irmão é sua cunhada.

  4. Lucas B.

    É uma pena que os posts sobre hospitalaria e ações beneficentes são os menos comentados no site.

    Ao mesmo tempo, é maravihoso ver que pessoas, mesmo ocupadas com seus trabalhos e afazeres, deixam tudo de lado para ajudar o próximo, um mero desconhecido, sem esperar nenhuma retribuição ou qualquer reconhecimento, simplesmente pelo fato de ajudar o próximo.

    Parabéns à todos que ajudaram e ajudam, pois são estas pessoas os heróis dos que sofrem durante estas crises e trágédias.

    Fraternais abraços.

Deixe uma resposta