A Fraternidade Rosacruz


A Fraternidade Rosacruz, cuja sede mundial está situada em Mt. Ecclesia, Oceanside, California, foi fundada em 1909 por Max Heindel, que organizou e dirigiu todos os seus trabalhos até 1919, data de sua partida física. Sucedeu-o sua esposa Sra. Augusta Foss Heindel, que durante trinta anos dirigiu a Obra a frente de um Conselho Diretor.
A Fraternidade Rosacruz é uma organização de místicos cristãos compostas por homens e mulheres que estudam a Filosofia Rosacruz segundo as diretrizes apresentadas no Conceito Rosacruz do Cosmos. Tal Filosofia é conhecida como os Ensinamentos da Sabedoria Ocidental e estabelece uma ponte entre a ciencia e a religião.Seus estudantes estão espalhados por todo o mundo; mas sua Sede Internacional está localizada em Oceanside, California, E.U.A.
A Fraternidade Rosacruz não tem conecção com nenhuma outra organização. Foi fundada durante o verão e outono de 1909, após um ciclo de conferências proferido por Max Heindel em Seattle. Um Centro de Estudos foi formado e a Sede da Fraternidade se localizou temporariamente naquela cidade. Providencias foram tomadas para a publicação do Conceito Rosacruz do Cosmos. Com a publicação deste trabalho a Fraternidade Rosacruz foi definitivamente estabelecida.

Com o objetivo de promulgar os Ensinamentos Rosacruzes, foi organizada a Fraternidade Rosacruz. A filiação está aberta para todas as pessoas maiores de quatorze anos, cristãs, educadas, que aspiram percorrer este caminho espiritualista, que é a Associação Internacional Rosacruz de Cristãos Místicos.
Desejando-a, poderá solicitá-la por carta ou e-mail, expressando as razões pelas quais se inclina pela Filosofia Rosacruz, e enviando-nos nome completo, endereço, data de nascimento, estado civil e ocupação. Os pedidos de filiação deverão ser dirigidos à Fraternidade Rosacruz – Max Heindel, Rua Enes de Souza, 19 Tijuca, Rio de Janeiro, R.J., Brasil, 20521-210 ou ao nosso e-mail [email protected]
De qualquer parte do Brasil e do mundo pode-se solicitar inscrição na Fraternidade Rosacruz e realizar o Curso Preliminar de Filosofia Rosacruz por correspondência, que consiste de doze lições, tendo como livro-texto o Conceito Rosacruz do Cosmos, de Max Heindel. As respostas das lições podem ser enviadas por e-mail, mas sempre remeteremos as lições pelo Correio.
Não há taxas nem mensalidades. O ingresso na Fraternidade Rosacruz, em nenhum caso, está condicionado a obrigações monetárias. Todos os gastos da Fraternidade são cobertos por contribuições e donativos, voluntários, de filiados ou pessoas amigas que desejem solidarizar-se com a Obra Rosacruz. Para aqueles em que o coração despertar o desejo de colaborar, a nossa conta bancária é Banco Bradesco – Agência: 3002 – Pio X; Conta Corrente: 93080-6.
A Fraternidade Rosacruz desaprova qualquer comercialização de forças ou conhecimentos espirituais, bem como o seu desenvolvimento negativo, tão prejudicial a quem é alvo de sua prática como a quem lhe serve de veículo. Desta forma, astrólogos e quiromantes profissionais, e ainda médiuns e hipnotizadores praticantes terão seu pedido de inscrição negado até abandonarem, de imediato, tais práticas.
Depois de completar o Curso Preliminar, o estudante é matriculado como Estudante Regular por um período de dois anos, podendo solicitar os cursos Suplementar de Filosofia, Bíblico e de Astrologia. Findo este, caso haja se compenetrado da verdade dos Ensinamentos Rosacruzes, e se preparado para cortar todos os laços com qualquer outra ordem oculta ou religiosa – excetuando-se as Igrejas Cristãs e Ordens Fraternais – pode assumir o Compromisso, que o admite no grau de Probacionista.
Não pretendemos insinuar, no parágrafo anterior, que as demais escolas de ocultismo não contam. Longe disso. Muitos caminhos conduzem a Roma, mas chegaremos com menos esforço seguindo por um só deles do que ziguezagueando de um para outro. Primeiramente porque nosso tempo e energias são limitados e, além disso, reduzidos por deveres familiares e sociais que não devemos descuidar para atender ao próprio desenvolvimento. A fim de economizar o mínimo de energia de que legitimamente gastaríamos para nós mesmos, e evitar a perda dos poucos momentos vagos que temos à nossa disposição, é que os Guias insistem para renunciarmos a todas as demais ordens.
O mundo é um agregado de oportunidades, mas para aproveitá-las é necessário possuirmos eficiência em certa linha de esforços. O desenvolvimento dos poderes espirituais pode capacitar-nos a ajudar ou prejudicar aos nossos irmãos mais fracos. E esses poderes só se justificam quando o objetivo é Servir à Humanidade.
O método de realização Rosacruz difere dos outros sistemas por um pormenor especial: procura desde o princípio emancipar o discípulo de toda dependência dos outros, tornando-o auto-confiante no mais alto grau, de maneira a poder permanecer só em todas as circunstâncias e enfrentar todas as condições. Somente aquele que for tão bem equilibrado pode ajudar ao fraco.
Quando certo número de pessoas se reúne em classe ou círculo objetivando o auto-desenvolvimento, mas através de métodos negativos, geralmente os resultados são conseguidos em pouco tempo, seguindo o princípio de que é mais fácil deixar-se levar pela corrente, do que lutar contra ela. O médium, contudo, não é senhor dos seus atos, mas escravo do espírito que o domina. Por isso tais reuniões devem ser evitadas pelos Probacionistas.
Mesmo as reuniões em que se mantenha uma atitude mental positiva não são aconselhadas pelos Irmãos Maiores, porque os poderes latentes de todos os membros são amalgamados. Então as visões dos mundos internos obtidas por quaisquer deles apenas resultam parcialmente da influência das faculdades dos demais. O calor de um carvão no centro de uma fogueira fica aumentado pelo dos carvões que o rodeiam. O clarividente originado num círculo, mesmo que este seja positivo, é como uma planta na estufa – demasiado dependente para que se lhe possa confiar os cuidados dos demais.
Portanto, todo Probacionista da Fraternidade Rosacruz efetua seus exercícios sozinho, no isolamento do seu lar. Seguindo este método, obtém-se resultados mais lentamente. Porém, quando tais resultados aparecerem, manifestar-se-ão como poderes cultivados por ele mesmo, e poderão ser empregados independentemente dos demais. Além disso, os métodos Rosacruzes constroem o caráter, ao mesmo tempo que desenvolvem as faculdades espirituais, resguardando assim o discípulo da tentação de perverter seus poderes divinos em busca de prestigio mundano.
Quando o Probacionista tenha cumprido os requisitos exigidos e completado o termo de provação, pode solicitar instruções individuais dos Irmãos Maiores por meio do Secretário Geral.

Este post tem 64 comentários

  1. Mariana

    “astrólogos e quiromantes profissionais, e ainda médiuns e hipnotizadores praticantes terão seu pedido de inscrição negado até abandonarem, de imediato, tais práticas.”
    Ainda bem que eu fui me afiliar na AMORC e não na FRA… a FRA me parece muito católica.
    @MDD – Cada uma das Ordens Rosacruzes tem vantagens e desvantagens…

    1. Roberto .'.

      Acho que eu entendi diferente: “A Fraternidade Rosacruz desaprova qualquer comercialização de forças ou conhecimentos espirituais, bem como o seu desenvolvimento negativo, tão prejudicial a quem é alvo de sua prática como a quem lhe serve de veículo. Desta forma, astrólogos e quiromantes profissionais, e ainda médiuns e hipnotizadores praticantes terão seu pedido de inscrição negado até abandonarem, de imediato, tais práticas.”
      O parágrafo diz respeito a comercialização de atividades místicas, ou seja, não seria restrito apenas a pessoas que utilizam de tais práticas para fins monetários??? Até mesmo pq a FRA também estuda Astrologia, vide o outro parágrafo mais abaixos: “Depois de completar o Curso Preliminar, o estudante é matriculado como Estudante Regular por um período de dois anos, podendo solicitar os cursos Suplementar de Filosofia, Bíblico e de Astrologia. Findo este, caso haja se compenetrado da verdade dos Ensinamentos Rosacruzes, e se preparado para cortar todos os laços com qualquer outra ordem oculta ou religiosa – excetuando-se as Igrejas Cristãs e Ordens Fraternais – pode assumir o Compromisso, que o admite no grau de Probacionista”
      Agora bateu outra dúvida: ordens fraternais ele se referiu à maçonaria ou outras ordens R+C poderiam se incluir nessa? E Kardecistas e Umbandistas por exemplo, como ficariam?

      1. Dani

        Boa tarde. Eu estou no começo dos estudos desta Ordem, e pelo que entendi em seus artigos e estudos, os kardecistas e os umbandistas se encaixam no quesito médiuns. Portanto, teriam que abandonar suas práticas, pois na visão deles a mediunidade é negativa, pois que o médium não escolhe nem o que e quando ver. Teria que desenvolver a clarividência, que é positiva, pois o clarividente total poder sobre essa faculdade.
        Espero que tenha ficado clara a visão deles em relação à isso, quanto à mim, ainda não cheguei à conclusão se ele tem razão ou não quanto à mediunidade (e/ou clarividência).
        PP
        Dani

        1. Daniel Mary

          Não é por nada não mas, pelo que tenho estudado, a clarividência plena, ou total como mencionado, tem se mostrado uma faculdade muito inerente a predisposições principalmente orgânicas de ordem genética, são tão raras quanto pessoas que dispõe por exemplo, de energia capazes de produzir alguma anomalia física direta como a queima de um objeto ou telecinesia.
          Não acredito que todos, sem exceção conseguirão desenvolvê-la. Se isto é uma promessa ou meta, não vejo como poderá ser alcançada por todos.

      2. Gonçalves

        A Fraternidade Rosacruz tem razão, as pessoas que são espíritas ou umbandistas não devem trilhar o Caminho do Místico por uma simples razão: todos elas tem muitos implantes de limitação espiritual e além disso são assediadas constantemente pelos seres negativos que pululam em seus campos astrais. (são vítimas inconscientes) Por isso não conseguirão despertar a consciência nem um pouco a mais. Infelizmente!
        @MDD – na verdade, é um dos pontos furados da Fraternidade. “Implantes de limitação espiritual” é dose, ne?

    2. Mozart

      Você esta confundindo as coisas Fraternidade Rosa Cruz de Max Heindel é uma coisa, FRA é outra

    3. Mozart

      E existe uma outra coisa também Catolicismo é uma coisa Cristianismo é outra bem diferente. É só estudar historia.

    4. Leon

      Pelo que entendi a FRA ão condena as praticas em si,mas a obtenção de lucros através delas.
      Tanto que no paragrafo seguinte lemos isso:
      “podendo solicitar os cursos Suplementar de Filosofia, Bíblico e de ASTROLOGIA”

      1. Cejani S.Conceição

        Caros amigos, sou espírita desde que nasci. Meu avô, foi um dos mais antigos irmãos desta Fraternidade Rosacruciana, nunca deixou de ser espírita, minha mãe, também espírita, é filiada a mesma e recebe os magníficos exemplares das elucidativas revistas trimestralmente. Quero crer, que toda e qualquer religião que seja professada, com intuitos prejudicias e nocivos a outrem, não deveriam constar de lugar algum.

  2. Márcio

    Gostei muito desse texto, eu não tinha ideia de como funcionava a Fraternidade.

  3. Álvaro Borges

    Para os interessados, visitem também o site http://www.maxheindel.org
    É da Fraternidade Rosacruciana São Paulo, escola mais antiga a estudar o Cristianismo Esotérico do Max Heindel no Brasil, e se mantém independente da escola de Oceanside/CA.
    Que as Rosas floresçam em vossa Cruz.

  4. Paulo

    Marcelo , eu tenho algumas duvidas mais especificas sobre a Ordem, principalmente sobre as diferenças nos estudos. Posso enviar email diretamente para voce para tentar entender melhor e assim tentar fazer uma melhor escolha? Obrigado

  5. Adê

    Existe alguma relação com a AMORC?
    @MDD – Não. São várias vertentes diferentes da R+C no Brasil: AMORC, FRA, Fraternidade Rosacruz, Lectorium (RC áurea), Confraternidade Rosacruz (CRC+RC), Ordo kabbalistique (OKRC)… Todas estas acima são sérias.

  6. cleber borges

    Se não me engano, quando recebi o primeiro material de apresentação da FRA, veio um boleto junto…
    E essa estória de que “Só a nossa Verdade leva ao Reino dos Céus’ é pra acabar também né….
    Pelo que entendi, me corrija se estiver errado, um Probacionista não pode, então, sequer acompanhar seu Blog pela egrégora cheia de “astrólogos e quiromantes profissionais, e ainda médiuns e hipnotizadores praticantes”.
    O bom é que há Caminho para todos os gostos e bolsos.
    Saravá!

    1. Hugo Lima"

      Às vezes, parece que as pessoas não lêem o texto e pulam direto para os comentários…
      “Se não me engano, quando recebi o primeiro material de apresentação da FRA, veio um boleto junto…”
      A Fraternidade Rosacruz não é a FRA.
      “E essa estória de que “Só a nossa Verdade leva ao Reino dos Céus’ é pra acabar também né….”
      Engraçado, pensei ter lido no texto: “Não pretendemos insinuar, no parágrafo anterior, que as demais escolas de ocultismo não contam. Longe disso. Muitos caminhos conduzem a Roma, mas chegaremos com menos esforço seguindo por um só deles do que ziguezagueando de um para outro. ”
      “Pelo que entendi, me corrija se estiver errado, um Probacionista não pode, então, sequer acompanhar seu Blog pela egrégora cheia de “astrólogos e quiromantes profissionais, e ainda médiuns e hipnotizadores praticantes”.”
      Entendeu errado. O acesso à Fraternidade é vetado a estas pessoas, mas não está dito que não se pode estudar Astrologia, por exemplo. Muito pelo contrário, em verdade.
      “O bom é que há Caminho para todos os gostos e bolsos.
      Saravá!”
      Só há Caminho para quem caminha, de fato.

  7. raph

    O que é dito sobre reuniões mediúnicas faz sentido, fico triste quando vejo médiuns que acreditam que seu desenvolvimento se resume a receber este ou aquele guia espiritual de vez em quando, e esquecem do próprio espírito, do autoconhecimento…
    Obviamente que existem médiuns que compreendem a necessidade da mediunidade de si mesmo (parafraseando Pessoa), mas infelizmente parecem ser mais minoria do que maioria.

    1. Leandro

      Muito interessante o que você escreveu. Tenho percebido isso. Há uma vaidade até relacionada, em alguns centros, ao fato de ser medium e, mais ainda sobre seu “guia espiritual”, e nada de reflexão sobre si mesmo.

  8. Anderson Maia

    Bacana!
    Marcelo, vc poderia, visto que tem um conhecimento mais amplo das Ordens Rosacruzes em atividade, expor as diferenças (vantagens e desvantagens) de cada uma?
    De modo algum desejo expor esta ou aquela ordem, mas acredito que isso auxiliaria os interessados a decidirem-se pela que tiver maior afinidade.
    Desde já obrigado.
    Abração.

  9. Mário

    mistica crista?? uai, mas nao é oriunda dos ensinamentos do antigo egito??
    @MDD – Voce está confundinco cristão com católico.A base rosacruciana começa no Egito, passa pelo budismo, por Jesus e pelo catarismo, então quando se fala em “cristão”, entenda Xristos, não o Jesus-Apolo dos evangélicos.

    1. Lucas

      Ahh… Melhor, então. As vezes chego até a ter certa aversão ao Jesus católico/evangélico. As vezes acho forçado demais.
      Mas, MDD, como seria esse cristianismo verdadeiro na prática? É que o Jesus-Apolo católico/evangélico é tão forte na mente da gente que eu não consigo imaginar outra coisa senão distribuir sopa, doar agasalhos, dar as mãos e ler algumas coisas bonitinhas pra depois ficar rezando (nada contra quem gosta dessa vertente). O.o

      1. Giancarlo

        Lucas, já fui rosacruz da Lectorium (mas não passei do preparatório – nível inicial), e o Xristos ao que o Marcelo se refere é o ser divino (ou centelha divina) dormente em cada um de nós, ao que os alunos das ordens gnósticas procuram entrar em contato através do caminho interior. Xristos é metaforicamente apresentado nos evangelhos como uma pessoa, e o seu nascimento, amadurecimento e paixão descritos em forma de história são metafóras que descrevem o caminho interior pelo qual a centelha divina percorre para substituir o ego no microcosmo do indivíduo.

        1. Anônimo

          blz, mas Por favor Tio DD, é exatamente isso?? (Eu também já fui na Lectorium) O Jesus histórico existiu. Ele realmente tirava demônios e curava pessoas. Já os milagres de pescaria, multiplicação, água em vinho, parar tempestades, ressuscitar mortos, andar sobre as águas são mitos criados por pessoas pobres intelectualmente quando tentaram espalhar os conhecimentos como um telefone-sem-fio correto?? Yeshua realmente nasceu de uma “virgem”, morreu e “ressuscitou” (provavelmente foi uma técnica equivalente ao desfibrilador de hoje quando envolveram o corpo de Yeshua em Aloe que só estava inconsciente mas como diz no Q`ram sobreviveu à crucificação) 1-O que de fato é Xristos?? 2-É exatamente idêntico ao que o nosso amigo da Lectorium disse aí em cima?? 3-Xristos não é o mesmo que Messias (Mashiash) ou Ungido??4- Então o que é Ungido??1- E o que é Xristos?? Por favor, gostaria de saber com as suas palavras.

        2. Anônimo

          blz, mas Por favor Tio DD, é exatamente isso?? (Eu também já fui na Lectorium) O Jesus histórico existiu. Ele realmente tirava demônios e curava pessoas. Já os milagres de pescaria, multiplicação, água em vinho, parar tempestades, ressuscitar mortos, andar sobre as águas são mitos criados por pessoas pobres intelectualmente quando tentaram espalhar os conhecimentos como um telefone-sem-fio correto?? Yeshua realmente nasceu de uma “virgem”, morreu e “ressuscitou” (provavelmente foi uma técnica equivalente ao desfibrilador de hoje quando envolveram o corpo de Yeshua em Aloe que só estava inconsciente mas como diz no Q`ram sobreviveu à crucificação) 1-O que de fato é Xristos?? 2-É exatamente idêntico ao que o nosso amigo da Lectorium disse aí em cima?? 3-Xristos não é o mesmo que Messias (Mashiash) ou Ungido??4- Então o que é Ungido??1- E o que é Xristos?? Por favor, gostaria de saber com as suas palavras.

        3. Anônimo

          Por favor Tio DD, preciso dessa resposta agora… blz, mas Por favor Tio DD, é exatamente isso?? (Eu também já fui na Lectorium) O Jesus histórico existiu. Ele realmente tirava demônios e curava pessoas. Já os milagres de pescaria, multiplicação, água em vinho, parar tempestades, ressuscitar mortos, andar sobre as águas são mitos criados por pessoas pobres intelectualmente quando tentaram espalhar os conhecimentos como um telefone-sem-fio correto?? Yeshua realmente nasceu de uma “virgem”, morreu e “ressuscitou” (provavelmente foi uma técnica equivalente ao desfibrilador de hoje quando envolveram o corpo de Yeshua em Aloe que só estava inconsciente mas como diz no Q`ram sobreviveu à crucificação) 1-O que de fato é Xristos?? 2-É exatamente idêntico ao que o nosso amigo da Lectorium disse aí em cima?? 3-Xristos não é o mesmo que Messias (Mashiash) ou Ungido??4- Então o que é Ungido??1- E o que é Xristos?? Por favor, gostaria de saber com as suas palavras.
          O que é ser cristão?? É a mesma coisa de ser Rosacruz?? Pq Você respondeu a questão de Cristão dizendo que a base rosacruciana começa no Egito, passa pelo Budismo, por Jesus e pelo Catarismo. Temos que entender Cristão diferente de católico (apesar do Catolicismo ser uma religião oficialmente cristã na história, mas os evangélicos se dizem os verdadeiros cristãos pq seguem os 10 mandamentos a risca e tem Jesus como único intercessor e salvador mimimimi), sim beleza, mas temos que entender Cristão como Xristos. Mas o que é Xristos afinal de contas?? Como faço para ser Xristão nesse sentido?? O que um Xristão desse pensa e pratica??
          Por favor preciso entender isso para saber se o meu esquema é ser Cristão mesmo… 00:50 28/11/2013

          1. Murillo

            @MDD, o questionamento do nosso amigo Anônimo é realmente interessante, e também gostaria de comentários seus, que possui conhecimento sobre o assunto de maneira mais profunda… Grato,

  10. blue

    A AMORC não tem relação com a OTO e com a Maçonaria?
    @MDD – Não. Nem com uma, nem com a outra.

  11. Stefan Umbehaun

    Olá Marcelo, tudo bem?
    Bom, sou membro da AMORC, muito satisfeito diga-se de passagem, e recentemente comprei um livro de sua recomendação, o de Tobias Churton… Estou no começo ainda, mas dei uma folhada, e vi que ao menos a primeira impressão é que ele não tem uma visão tão boa assim de H.S.L.
    Fuçando no Mayhem, vi um post seu falando sobre A.C., onde você recomenda a leitura do livro “Os Misterios da Rosa Cruz”, para saber mais sobre o início da AMORC.
    Sem querer ser cara de pau, mas já sendo, já que a minha rana tá curta hehehe, você poderia fazer um post sobre o início da AMORC, e sobre a pessoa de Harvey Spencer Lewis de maneira mais imparcial possivel, já que material sobre ambos (AMORC e HSL) forncecidos pela propria AMORC não são fontes “livres” de qualquer tipo de pre direcionamento.
    Um abraço!
    Stefan Umbehaun

  12. Jonatas Carneiro de Arruda

    Marcelo, ele não são muito radicais quando dizem para o membro so pertecer à Fraternidade e ninguem mais?
    Entendo a parte do zigue-zague, mas no caso não é melhor pro estudante ter varios “pontos de vista” sobre a mesma coisa? Isso não ajudaria mais?
    Acho que é a mesma coisa de alguem que vai a igreja catolica e frequenta um centro espirita, ele entende as coisas melhor do que as pessoas que so frequentam a um dos lados.
    @MDD – O Pró-Vida, a Gnose e outras ordens tem a mesma visão. Eu, particularmente, não gosto pois acho muito limitante intelectualmente, mas tem gente que se confundiria todo se seguisse duas ou três ordens ao mesmo tempo… cada um é cada um.

  13. Pedro

    MDD, como alguém esclarecido no assunto você poderia me apontar quais são as principais diferenças nos ensinamentos e estudos das ordens que você citou?

  14. Saulo Bellato

    Será que não rola um Post com prós e contras das Ordens Rosacruzes não???
    @MDD – Não existe “pró ou contra”; existem as que vão ter mais a ver com cada buscador e as que não vão ter muito a ver com cada um.

  15. Curioso

    MDD grato por discurtir sobre a Fraternidade Rosacruz, esclare melhor as pessoas sobre a mesma.
    Esse trecho , gostaria de uma explicação melhor :
    “Findo este, caso haja se compenetrado da verdade dos Ensinamentos Rosacruzes, e se preparado para cortar todos os laços com qualquer outra ordem oculta ou religiosa – excetuando-se as Igrejas Cristãs e Ordens Fraternais – pode assumir o Compromisso, que o admite no grau de Probacionista.”
    Uma pessoa pode está filiada a Ordens maçonicas e continuar na Fraternidade Rosacruz ? Tipo você MDD que faz parte de diversas Ordens ?
    Não gostei muito da fixação no termo Cristão Mistíco, pois é como se o Avatar Jesus fosse superior a outros Avatares (tipo o Buda).
    A Fraternidade tem tipo ligação com uma Fraternidade Etérea, da onde veio a orientação dada a seu lider e fundador Max Heindel. Essa Fratenidade Etérea é composta de seres bem iluminados que compartilha esse conhecimento via a Fraternidade Rosacruz.
    Das Ordens Rosacruz, eu tenho dúvidas entre me afiliar a AMORC ou a Fraternidade Rosacruz.
    @MD – entao… eu não sei responder, porque nunca tentei me afiliar à Fraternidade. Se algum leitor souber, por favor responda.
    De qualquer maneira, eu vou postar sobre todas as seis ordens Rosacruzes (uma a cada semana) para que vocês possam entender cada vertente e escolher a que estiver mais de acordo com o que voces pensam. Eu gosto de recomendar a AMORC primeiro porque ela começa simples, então é ideal para quem nunca teve nenhuma instrução sobre ritualística, sanctum, etc… mas depois pode se tornar bem completa, na Tradicional Ordem Martinista.

    1. Você pode tranquilamente estar afiliando a Fraternidade e pertencer a maçonaria (ou, como dito, qualquer outra ordem fratenal). O problema é se você vai conseguir lidar com as diferenças na forma como os ensinamentos são passados. Por isso, de início, é muito importante estudar a qual ordem se afiliar e passar uns 2 ou 3 anos estudando somente aquele sistema.
      Os ensinamentos básicos da FRA, preferivelmente FRMH para diferenciar de uma outra Fraternidade, se baseia inteiramente (para os que chamamos de “Estudantes”) no “Conceito Rosacruz do Cosmos” que está disponível para qualquer um que deseje lê-lo (http://www.fraternidaderosacruz.org/conceito.htm).
      Os estudos se iniciam de forma bem simples, introduzindo conceitos básicos sobre a constituição do universo, do homem e a origem, condição atual e evolução de ambos.
      Os cursos para Estudantes e Estudantes Regulares são de livre associação. Dessa forma, você pode conhecer a filosofia da Ordem sem a necessidade de ser iniciado. Para receber os mistérios maiores, você precisaria requerer o grau de probacionista.
      Eu pessoalmente considero os ensinamentos rosacrucianos e e martinistas/martinezistas complementares. Optei primeiramente a seguir a corrente martinista para só então adentrar a FRMH e agora, penso em sair para futuramente (alguns anos, tempo suficiente para sair da interferência da egrégora) adentrar a AMORC e consequentemente a TOM.
      Paz em Cristo!

      1. Eu escreveria com prazer um texto sobre a FRA, organização com a qual tenho mantido contato há quase 30 anos.
        Por ora, posso dizer que a Fraternidade, fundada entre 1927e 1928, está fragmentada em Comendadorias e pequenos grupos independentes nas Américas, Europa e Oceania, não havendo uma direção mundial nem uma orientação doutrinária e ritualística uniforme. De comum, há os Cursos deixados pelo Fundador, Arnoldo Krumm-Heller (Metafísica Prática, Magia Zodiacal, Magia Rúnica, Cabala Ariosófica, Taumaturgia, Pedra Filosofal e Magia Sexual – este último, em forma de anotações apensadas a um manuscrito da H.B.L.) e a história de cada ramificação, que a ele remonta.
        Estive presente, recebi iniciações e mantenho contato fraterno com ramificações da FRA em todos os continentes onde ela se encontra ativa.
        Um abraço,
        @MDD – Pode mandar que eu publico. A FRA é uma das Ordens mais sérias e dedicadas aqui no Brasil e sempre é um prazer divulgar os trabalhos dela.

    2. Herculles

      Muitos Evangelhos foram escritos. Dentre todos os escritos, a Igreja Cristã escolheu quatro (de Marcos, Mateus, Lucas e de João Evangelista) considerando os outros apócrifos ou não inspirados. Desses quatro que compõem parte do Novo Testamento três são chamados sinóticos (os três primeiros) porque são semelhantes. Depois que foram escritos, ninguém escreveu mais Evangelhos, porque não havia necessidade. Sabemos que eles são FÓRMULAS DE INICIAÇÕES, com chaves ocultas e muito simbolismo sob a roupagem da Vida de Jesus-Cristo.
      A prova de que ainda não foram devidamente compreendidos é que os seres humanos se dividiram em credos e seitas cada um explicando os evangelhos à sua maneira. É compreensível e estava previsto pela evolução. Mas a ciência, a arte e a religião passam por gradativa evolução, paralelamente ao descerrar da consciência humana, devendo atingir sua re-UNIÃO quando tivermos alcançado o casamento místico mencionado no comentário do Apocalipse. Só então havendo alcançado a unidade interna, veremos seu reflexo exteriormente na identidade com todas as coisas criadas, concebendo, então, fielmente, que tudo é UNO e ao mesmo tempo VERDADEIRO, BELO E BOM.
      Mas, o que tem a ver isto com a Fraternidade Rosacruz?
      Tem e muito. Constituímos o Cristianismo Esotérico ou Oculto e nosso fim, longe de somar mais uma facção no movimento cristão, é justamente o de propiciar aos seres humanos mais evoluídos a oportunidade de alcançar essa unidade ou universalidade mencionada acima. Veio através de Max Heindel, o Mensageiro autorizado dos Irmãos Maiores da Rosacruz, que fundou a Fraternidade Rosacruz.
      A Ordem já existia e trabalhava ocultamente desde sua fundação, no século XIII. A Fraternidade foi a oficialização de seus ensinamentos elementares no Mundo Ocidental, no século XX, porque já havíamos atingido condições mentais para compreender mais profundamente o que Paulo chama de Mistérios Cristãos. Todavia ainda constituímos pequena e bem expressiva minoria. Os arianos são os mais visados por tais ensinamentos e secundariamente os ramos latinos e outros. Perceberam os leitores como a grande parte de nossa gente ainda prefere, negativamente, entregar a terceiros a salvação de suas almas, interessando-se pelo ocultismo apenas de forma curiosa, buscando as “provas” e “manifestações”?
      Agora nós é que perguntamos: Estamos em condições de receber novas revelações públicas da Ordem Rosacruz, se tão pequena minoria ainda sequer atingiu a plena compreensão e vivência dos elementares princípios expostos em “O Conceito Rosacruz do Cosmos”?
      Individualmente podemos e recebemos ensinamentos mais altos. Isso já é questão sabida por todos que conhecem um pouco da nossa Filosofia. Depois de certo ponto do desenvolvimento individual (pois a formação é estritamente individual) pode o Aspirante receber algo mais. Como disse Paulo: “Às criancinhas espirituais damos leite e aos adultos, alimento mais sólido”. É logico. Quando o discípulo está preparado, o mestre aparece!
      Publicamente ainda temos de esperar bom tempo. A contribuição valiosa da Filosofia Rosacruz ao mundo tem a vigência de alguns séculos, segundo nosso entender.
      Aconselhamos nossos perguntantes a estudarem mais a Filosofia Rosacruz para compreenderem isto. E depois compreenderão, também que o argumento usado por certas escolas de ocultismo, algumas das quais se denominam também rosacruzes, de que estamos antiquados, saudosistas e vivemos de estudos ultrapassados, é muito inconsistente e ingênuo.
      A lógica está ao dispor de todos os que estão em condições de usá-la.
      A questão não é de arranjar novas roupagens, mas de aprofundar, assimilar e apropriar-se do conteúdo.
      “A letra mata; o espírito vivifica”.
      (P&R da Revista Serviço Rosacruz fev/72 – Fraternidade Rosacruz SP)

  16. Marcus Henrique

    Acho que os estudantes de Magia tem muito preconceito e desconhecimento sobre a filosofia das Instituições Rosacrucianas. Muitos estudantes de Magia, ainda consideram a filosofia Rosacruz muito “passiva”, muito “branda” e muito “caridosa” se comparada as filosofias magísticas e ocultistas pregadas nas Instituições Iniciáticas.
    Grande parte dessa falta de conhecimento, é culpa das próprias Instituições Magísticas, que parecem estimular os seus membros apenas a prática, e os deixam sem uma preparação moral e filosófica mais abrangente. E nisso, a filosofia Rosacruz sabe exatamente como agir, pois o Rosacrucianismo é essencialmente FILOSÓFICO.
    Os que os estudantes de Magia tem que “aprender”, é que as Instituições Rosacrucianas não são iguais, e todas possuem filosofias e modos de agir diferentes. Algumas se assemelham em alguns pontos, mas de um modo geral todas tem diferenças de funcionamento.
    De um modo geral, as Instituições Rosacrucianas são todas Iniciáticas, de cunho Fraternal e Místico. Isso significa dizer que as Ordens que se dizem Rosacruzes, não abordam o estudo prático de Magia propriamente dito, mas sim estudos mais ligados ao Misticismo Cristão (Cristianismo Esotérico), filosóficos e até mesmo práticas ligadas a Teurgia. Mesmo assim, algumas Instituições Rosacruzes podem falar sobre Magia em seus estudos.
    Algumas Instituições Rosacruzes como a AMORC, a FRA, e a OKRC (Ordem Kabalística da Rosacruz) possuem estudos mais variados, e se aproximam mais do estudo prático de Magia (especialmente a FRA e a OKRC). Já outras Ordens como a Fraternidade Max Heindel e o Lectorium Rosicrucianum (Rosacruz Áurea) são mais “ortodoxas” e possuem uma filosofia mais Cristã Esotérica, concentrando estudos mais específicos, sem abordar práticas mágicas.
    A Fraternidade Max Heindel, por exemplo, tem estudos amplos sobre Astrologia Hermética, pois essa era uma das especialidades de Max Heindel, seu fundador. Já a Rosacruz Áurea, não possui estudos de nenhum tipo sobre Magia em sua grade, e estimula os seus estudantes a pesquisar sobre a espiritualidade Cátara e Gnóstica.
    Acho bom que se fale sobre TODAS as Instituições Rosacrucianas presentes no Brasil, sem dar ênfase em nenhuma delas. Acho que já está mais do que claro pra todos, que algumas Instituições Rosacrucianas (como a AMORC, por exemplo), já investem bastante em Marketing pessoal e divulgação, o que as torna mais “conhecidas” naturalmente. Outras Instituições, como a Fraternidade Max Heindel ou a Rosacruz Áurea, já são mais “discretas” e menos comentadas, justamente pela falta de abordagem e divulgação dos sites e blogs espiritualistas, que parecem querer bater sempre na mesma tecla.
    A oportunidade de divulgar todas as Instituições Rosacrucianas é essa, e acho que só falando abertamente sobre todas elas, de forma neutra e imparcial, é que se pode dar conhecimento aos buscadores, sem os deixar tão cheios de “dúvidas” e idéias erradas sobre a filosofia rosacruz.

  17. Eliana

    Pertenço à AMORC e como dito acima, estou muito satisfeita. Pelo que eu saiba nenhum dos grandes mestres disse algo semelhante a “sigam somente a mim, eu estou certo e os outros errados”, acho mesmo que é interessante participar de pensamentos diferentes assim você pode comparar para tirar a sua própria conclusão do que deve seguir ou não. É você que faz seu caminho ao caminhar e não outra pessoa, por mais excelente que seja. Já não é tempo de brigar entre religiões, se cristãos ou islâmicos, sinto muito que ainda muitos pensem assim.

  18. Phillipe

    Ae sou novo estudante do conhecimento Rosacruz ! 😀

  19. Herculles

    O texto apresenta a Fraternidade Rosacruz estabelecida em 1909 na California por Max Heindel, que foi vice-presidente da Sociedade Teosofica em Los Angeles , antes de ser inciado pelos Irmãos Maiores da Verdadeira, Eterna e Invisivel Ordem Rosacruz, escola esotérica cujo templo se encontra nos planos invisiveis.
    No passado a Ordem se manifestou através de varias sociedades ocultas, muitas das quais apresentam remanescencias, e também muitas das quais perderam o vinculo com os Irmãos Maiores.
    A Fraternidade Rosacruz estabelecida por Max Heindel, não é sectária e não se proclama a única representante dos Irmãos Maiores da Ordem Rosacruz no plano fisico, mas é sua manifestação mais recente com a missão explicita de preparar a humanidade para a Era de Aquário.
    Todos são bem vindos e o acesso ao Curso Preliminar de Filosofia Rosacruz é franqueado a todos. Após a conclusão deste curso também são oferecidos cursos biblico, de astrologia e suplementar de filosofia rosacruz.
    Somente aqueles que desejam ingressar no treinamento esotérico através do Probacionismo devem romper sua conexão com outras ordens ocultistas. Todas as autenticas escolas ocultistas sabem que muitos caminhos conduzem a realização espiritual , mas a mistura de varios métodos podem trazer perturbação nos veiculos mais sutis.
    Não é vedado ao probacionista pertencer a uma igreja cristã ou a uma ordem fraternal , como a maçonaria.

  20. Luiza

    Entendo pouquissimo do assunto, mas gostaria muuito de aprender mais, no geral, e sobre cada uma das ordens, alguém indica algum modo? Algum material? Marcelo, publicou mesmo sobre elas aqui? Não achei.. Grata!

    1. Eder

      A Fraternidade Rosacruz dispõe muito material gratuitamente na Internet. Os seus cursos também são gratuitos: http://www.fraternidaderosacruz.com.br/. É legal ter a mente aberta para persistir neles. Existem outras organizações similares, mas geralmente aqui se indica a AMORC aos iniciantes: http://www.amorc.org.br/. Como, neste caso, não podemos afirmar que esse é melhor do que aquele, a regra é a seguinte: procurar aquilo em que nos sentimos bem.

  21. Mauricio Mercadante

    Texto fantástico. Eu, na minha ignorância, agradeço todos os dias por existirem pessoas como você, Del Debbio, para nos ensinar e nos tirar das trevas. Fiz parte de uma maçonaria expúria e já me meti em cada roubada no satanismo, inclusive incorporando um “exu pinga” que era um egun me assombrando rsrsrs (mas isso fica para outro dia). Hoje quero apenas parabenizar o pessoal do blog por toda a ajuda que nos dão abrindo nossos olhos.
    @MDD – Nós que agradecemos, amigo Mauricio Mercadante. Mantenha-se longe desses lixos e estude bastante!

  22. Ingrid Rodriguez

    Olá, conclui o curso preliminar e atualmente sou estudante regular da Fraternidade Rosacruz Max Heindel e honestamente inicialmente escolhi essa escola por motivos econômicos, embora tenha me identificado muito com a FRA e a Ordo kabbalistique (OKRC). Com o tempo fui me identificando bastante com a estrutura do ensinamento abordado por Max Heindel, pois ele tinha uma visão muito direta e prática do ocultismo e também muito cauteloso e sempre enfatizando o discernimento nas ações diárias, que para ele, são a prática do ocultista (cada ato requer concentração e meditação). Existe também a Fraternidade Rosacruciana como postado por um dos leitores que também se baseia no postulado do mesmo autor mas também inclui outras leituras como Eliphas Levi entre outros, mas não está relacionada com a Sede Mundial Oceanside, Califórnia, e o administrador dessa escola, que fica em São Paulo, explica o porquê em no site.
    Mas resumindo, quando se fala em estudar outras estruturas de ensinamento Rosacruz , lembremos que cada lado estudado compõe o todo e nenhum é realmente um caminho único, e reencarnamos neste mundo justamente para podermos conhecer cada um desses lados, pois se tentar abraçar o Mundo de uma vez só não é possível, e é nisso que se fala sobre seguir um determinado método com maestria para depois buscar outro método e assim podermos nos tornar seres mais elevados (porque se enxerga do alto). Sem afobação se chega menos cansado ao objetivo.
    @MDD – Sabias palavras.

  23. Ingrid Rodriguez

    Nada me impede de estudar a Kabalah ou os Arcanos do Tarot por exemplo, meu Grande Mestre se chama Bom Senso…e o livre arbítrio é a chave do Amor incondicional que rege o Cosmos (Amor sob Vontade).

  24. Antônio Augusto

    Acho que as pessoas se prendem muito ao fato de não poder se filiar a outra organização e esquecem de algumas coisas. A primeira é que fazer parte de uma já é difícil, quanto mais de várias organizações. Os estudos da FRC são bem aprofundados e se alguem quiser seguir seriamente a senda iniciática de nada adianta ficar pulando de um caminho para o outro se não for capaz de segui-lo até pelo menos uma etapa em que ja é possível (e necessário talvez) conhecer outros caminhos. O segundo é que, no fundo no fundo, todos os caminhos são um só: Max Heindel diz que quem controla seu pensamento e sua vontade é capaz de construir seu próprio mundo; Croqley vai chamar isao de Magick e dizer que é possível, a partir de uma arte e de uma ciência, causar mudanças na realidade de acordo com a nossa vontade; a AMORC vai chamar isso de Visualização Criativa e por ai vai. Então é isso. Ainda estou bem no começo dos meus estudos na FRC mas estou muito satisfeito. Acabou que eu (ou meu SAG) fiz uma opção e estou muito satisfeito com ela, mas tenho plena certeza de que de trás de todos esses rótulos e fachadas terrestres há a Invisível Ordem Rosa Cruz, da qual essas escolas não são mais do que seu átrio mais externo.
    @MDD – Muito bem colocado.

  25. Henrique M.

    Eu acho que vale a pena ler essa declaração:
    http://www.maxheindel.org/page.php?id=5
    da Fraternidade Rosacruciana São Paulo também da linhagem de Max Heindel mas que se declara oposta a ordem publicada pelo tio e explica o porque. Acho que talvez possa tirar algumas dúvidas do pessoal.
    Eu particulamente não tive a oportunidade de conhecer nenhuma das 2. Mas acho interessante se alguém mais puder esclarecer melhor, seria de grande ajuda para os buscadores que estão se iniciando no Rosacrucionismo.

  26. William

    MDD, sobre o conceito da Fraternidade Rosacruz de que os métodos e exercícios espirituais orientais, tais como os de respiração, seriam prejudiciais ao organismo dos ocidentais, podendo até levar a resultados bem desastrosos, você poderia expor sua visão sobre isso?

  27. Reili Jose Brighenti

    Em defesa da fraternidade R+C afirmo o seguinte:Não se pode servir a dois senhores…se você pensa diferente faça como eu.Sou laico,faço o que eu quero e quando quero,assumindo todas as consequências.Não preciso que qualquer livro sagrado me diga o que fazer,todavia sou simpatizante da causa rosacruz e estarei sempre a serviço da cruz e das rosas.

  28. Danilo

    Olá Tio Marcelo, gostaria de saber se a FRCMH possui conhecimentos magisticos e cabalísticos?

  29. Mauro

    Ótimo site! Entrei justamente pra aprender mais sobre R+C e gostei muito.
    Tenho uma dúvida: Como o site aponta para AMORC, na escolha de indicação,eu gostaria de saber se é pago $$? Se for,quais as opções de Ordens que não exigem dinheiro pra se filiar.
    Obrigado.

  30. John Armless

    Bom, pra nao haver confusao, ‘e importante deixar claro que existem diversas vertentes rosa cruz, entre elas, destaco : Fraternidade Rosa Cruz Max Heindel ( o nome ‘e esse mesmo e nao h’a abreviacoes ou siglas), F.R.A ( Fraternidade Rosacruciana Antiqua), F.R.C ( Fraternidade Rosae Crucis), Fraternidade Rosacruciana SP ( Sem abreviacoes, ou siglas), AMORC ( antiqua e mistique ordre rosae crucis), entre outras. Muitas pessoas fazem confusao com algumas delas.
    Gosto particularmente das nao pagas, pois creio que a partir do momento que o dinheiro entra em questao, pode haver corrupcao. Opiniao minha.
    Dentre elas, creio que a AMORC ‘e a mais comercial, com uma mensalidade salgada ( cerca de 120 reais, ‘e so entrar no site e verificar, sem contar que se quiser entrar na TOM, Tradicional Ordem Martinista, sao mais 120), e seus ensinamentos sao mais misticos e com um enfoque eg’ipcio( creio que ‘e a ‘unica com esse enfoque). Alem do mais, nao possuem uma bibliografia recomendada aos iniciantes, deixando-os a merce dos diversos livros esotericos que existem, deixando -os escolherem a bibliografia que mais os agradam.
    Ja a Fraternidade Rosacruz Max Heindel, possui uma bibliografia recomendada, desde o inicio, o Conceito Rosa cruz do Cosmos, o qual guia o aluno em sua jornada. ALem do mais nao ‘e paga, e o aluno recebe por correspondencia as licoes, que nao passam de questionarios a respeito do livro. Apos 12 Licoes, pode-se pedir pelas licoes biblicas esotericas.
    A fraternidade Rosacruciana SP tamb’em possui ensinamentos gratuitos `aqueles que queiram, via correspondencia. Tambem se baseiam nos ensinamento de Max Heindel, e sao mais antigos que a fraternidade Rosacruz Max Heindel aqui no Brasil ( surgiram no Brasil antes que a a fraternidade Rosacruz Max Heindel se instalasse no Brasil, embora a mesma j’a existisse nos EUA). Nao possuem nenhuma ligacao com a fraternidade Rosacruz Max Heindel.
    Com relacao a FRA e a FRC nao possuo conhecimento de causa para falar a respeito. Mas tudo vai de acordo com o interesse de cada um em pesquisar.

  31. Alvaro

    Bons comentários.

  32. Hugo Janini

    Pessoal, já fui estudante na AMORC e atualmente estou como inativo. Tenho muito interesse em compreender como se deu a formação das varias “escolas” (vertentes) Rosa Cruz. Como todos sabem é natural que cada instituição “venda o seu peixe”, contando a história de a cordo com o seu ponto de vista. Se alguém souber de alguma literatura para me indicar que não seja de nenhuma instituição Rosa Cruz especifica onde posso estudar esse assunto agradeço.

  33. Krafidhi

    Olá. Eu estou para receber a partir da próxima semana a primeira lição do curso preliminar da Fraternidade Rosa Cruz. Como alguém aí já mencionou, estou fazendo isso por motivos puramente econômicos. Eu fiquei encantada com a AMORC assim que a descobri. Achei tudo muito fascinante, mas como uma pessoa desempregada vai poder desembolsar os valores pedidos ali? Além disso, uns dias desses li a respeito de denúncias de corrupção na liderança da instituição, e que eles estão envolvidos com satanismo e outras coisas do tipo. Já fiquei com um pé atrás.
    Outra coisa que gostaria de perguntar: qual é a sua opinião sobre o rito maçônico de Memphis Misrain? Sei que ele é considerado expúrio, irregular, etc. No entanto já vi um maçom de um rito regular (Aylton do Amaral) dizer que não há nada de errado neste rito e que ele é tão legítimo quanto o rito escocês ou o de York. Diz ele que as pessoas o criticam por puro preconceito. Eu desejo ser iniciada na Maçonaria, mas por ser mulher, fico impossibilitada. O rito de Memphis Misrain é o único que eu conheço que aceita mulheres, mas de que adianta ser iniciada em algo que não tem legitimidade? Serviria apenas para alimentar meu ego e nada mais. Aguardo uma opinião de quem entende do assunto.

    1. Wojuara14m

      Saia da internet, conheça e visite os lugares pessoalmente. Onde se sentir bem, fique. Em nenhum desses lugares vc sera coagida de qualquer forma. Todo lugar tem pessoas corretas e erradas. Todas podem te mostrar o seu caminho, ou não. O próprio @MDD falou isso acima com outras palavras.

  34. Adeilto

    Olá Boa noite, sou membro da Ordem Rosa Cruz (AMORC) e sou muito feliz, respeito todas mas escolhi a AMORC por ser a maior e pela facilidade de encontrar templos, pois a Ordem Rosa Cruz AMORC esta em todos Estados e em várias cidades do Brasil.
    Mas acredito que todas são boas.

  35. Jose Inacio Piragis

    Tenho interesse em conhecer mais sobre esta Fraternidade. Tenho 76 anos, aposentado, catolico.
    Como deverei proceder?

Deixe uma resposta para Anônimo Cancelar resposta